Veja 5 carros que têm alto consumo de combustível e desempenho ruim

Eles bebem muito, mas, na hora de acelerar, não entregam contrapartida à altura e andam pouco: conheça 5 modelos assim

Por Alexandre Carneiro 13/06/21 às 07h49
fiat toro endurance
Versão da Toro equipada com motor 1.8 está na lista (Foto Fiat | Divulgação)

“Cavalo que anda, bebe”. Essa frase, associada por longa data ao universo automotivo, evidencia que um consumo mais alto de combustível pode até ser aceitável, desde que existam contrapartidas: desempenho é a principal delas. Mas e quando o carro sorve altas doses e, mesmo assim, é moroso na hora de acelerar?

VEJA TAMBÉM:

Carros que unem alto consumo de combustível e desempenho fraco

Pois esses modelos, que provocam arrepios em quase todo o motorista, existem. E o AutoPapo listou 5 deles: a maioria já saiu de linha, mas alguns ainda estão no mercado de veículos zero-quilômetro. O que todos têm em comum é o apetite diante da bomba e a lerdeza na hora de acelerar.

1. Fiat Toro Endurance 1.8

fiat toro endurance 2022 cinza de frente em movimento
Motor 1.8 não entrega potência e torque condizentes com o peso da Fiat Toro

Ok, picapes flex merecem uma colher de chá: afinal, são grandes e pesadas, duas características que, sozinhas, já contribuem para elevar o gasto de combustível. O problema é que a Toro 1.8 tem números de potência e torque relativamente baixos para seu porte, mas nem por isso os índices de consumo são mais razoáveis.

Duvida? Pois uma Toro Endurance, única versão disponível com motor 1.8 atualmente, pesa nada menos que 1.650 kg. Para empurrar toda essa massa corporal, há uma potência de 139 cv com etanol e de 135 cv com gasolina, além de 19,3 kgfm de torque com o primeiro combustível e de 18,8 kgfm com o segundo.

O resultado é uma relação peso/potência de 11,9 kg/cv e uma relação peso/torque de 85,5 kg/kgfm. Ambas, portanto, bastante desfavoráveis. Ao volante, isso fica claro: a picape demora a ganhar velocidade e perde o embalo com facilidade em aclives.

Além de andar pouco, a Toro 1.8 bebe bastante: segundo o Programa de Etiquetagem Veicular (PBE) do Inmetro, a picape faz, em circuito urbano, 6,3 km/l com etanol e 9 km/l com gasolina. Na estrada, são 8 km/l e 11,1 km/l, respectivamente. As versões com o novo motor 1.3 turbo têm números de consumo de combustível semelhantes, mas ao menos entregam desempenho significativamente melhor.

2. Hyundai Tucson (antigo)

hyundai tucson
Alto consumo rendeu classificação “E” em sua categoria e “D” no geral para o Hyundai Tucson

Com 1.550 kg de peso e motor 2.0, Tucson não tem mesmo como ser econômico. Mas os números de consumo são exagerados inclusive frente a outros modelos do mesmo porte: o PBE indica, com etanol, 5,0 km/l na cidade e 5,8 km/l na estrada. Com gasolina, são 7,4 km/l no percurso urbano e 8,6 km/l no rodoviário.

Esses resultados deixaram o Hyundai Tucson com os piores índices de consumo  de combustível da categoria de “SUVs Compactos” nas tabelas do PBE. E olha que outros modelos de porte médio são igualmente classificados como compactos pelo Inmetro.

Para piorar, o motor 2.0, que nas versões flex rende 146 cv de potência e 19,6 kgfm de torque com etanol, além de 142 cv e 19 kgfm com gasolina, não consegue dar agilidade ao pesado SUV. Parte do problema está no projeto antigo, que inclui um câmbio automático de apenas quatro marchas: tudo isso atrapalha tanto o desempenho quanto o consumo de combustível.

3. Volkswagen Jetta Comfortline (2.0 aspirado)

volkswagen jetta 2012
Com motor 2.0 de aspiração natural, Volkswagen Jetta era um dos sedãs mais lentos e beberrões da categoria

Típico caso de carro com projeto moderno e mecânica ultrapassada é o do Jetta da antiga geração. Que fique claro: as versões às quais o texto diz respeito são as equipadas com o antigo motor 2.0 de aspiração natural (cujo código de projeto é EA-113), e não as turboalimentadas (EA-888).

Em 2011, quando a safra do Jetta em questão chegou ao Brasil, o motor já estava bem ultrapassado. Apesar da alta cilindrada, desenvolvia apenas 116 cv com gasolina e 120 cv com etanol, além de 17,7 kgfm de torque com o primeiro combustível e de 18,4 com o segundo: números bem abaixo da concorrência, portanto. Nem o bom câmbio automático de seis marchas conseguia mascarar a falta de disposição do propulsor.

Os índices de consumo de combustível, segundo o PBE, também estavam entre os piores da categoria. Na tabela de 2014, o modelo consta com médias de apenas 6,1 km/l na cidade e 7,8 km/l na estrada, com etanol, e de 8,8 km/l e de 10,8 km/l, nos mesmos ciclos, com gasolina.

Os números são piores que os da maioria os concorrentes que aparecem na tabela do PBE à época, incluindo Toyota Corolla, Honda Civic, Renault Fluence, Nissan Sentra e Ford Focus Sedan, todos também equipados com motores 2.0. Até o Jetta Highline, turboalimentado, obteve índices melhores: 8,9 km/l na cidade e 12,1 km/l na estrada, com gasolina, único combustível que ele consome.

Em 2016, a Volkswagen enfim trocou o velho 2.0 por um 1.4 turbo que, hoje, equipa vários modelos da marca. Essa mecânica, bem mais eficiente, chegou a mover a atual geração do Jetta.

4. Chevrolet Vectra Elite 2.4

chevrolet vectra elite 2008 prata dianteira
Consumo de combustível do extinto Vectra 2.4 era alto demais em relação ao desempenho

Não que o Vectra 2.4 fosse um carro lento: o caso é que o desempenho não estava à altura das expectativas geradas pela alta cilindrada do motor, que era uma das novidades da terceira geração, lançada em 2005.

Os números de potência estavam no mesmo patamar de algumas unidades 2.0 da época: 146 cv com gasolina e 150 cv com etanol. O motor 2.4, verdade seja dita, gerava bom torque: 23,7 kgfm com etanol e 23,1 kgfm com gasolina. Mas o grande destaque era negativo: o elevado consumo de combustível.

Como o modelo é anterior ao PBE, a referência fica por conta da Revista Quatro Rodas: na edição 544, de outubro de 2005, a publicação aferiu, com etanol, só 5,7 km/l na cidade e 7,2 km/l. Com gasolina, as médias foram de 7,5 km/l e 9,5 k/l, respectivamente. O consumo era tão desproporcional que, cerca de dois anos após o lançamento, a Chevrolet chegou a aumentar um pouco o tanque de combustível, de 52 l para 58 l.

Por outro lado, os dados de desempenho, aferidos na mesma edição, eram não mais que razoáveis para o segmento: o melhor tempo na aceleração de zero a 100 km/h foi de 11,9 segundos. Culpa tanto da ineficiência do motor quanto do câmbio automático de quatro marchas, o único oferecido para essa motorização. Com bloco 2.0 e transmissão manual, o sedã foi até ligeiramente mais rápido nessa prova: cravou 11,5 segundos.

Por fim, a Chevrolet acabou tirando o motor 2.4 de linha. Isso ocorreu em 2009, quando a gama sofreu uma atualização e adotou uma versão atualizada do propulsor 2.0: capaz de desenvolver 140 cv com etanol e 133 cv com gasolina, tinha desempenho quase igual ao do 2.4, mas bebia significativamente menos.

5. Ford Maverick Super (3.0, seis cilindros)

ford maverick super cinza de frente com home pescando
Enquanto as versões V8 do Ford Maverick eram referência em desempenho, as equipadas com motor de seis cilindros só bebiam

Lançado em 1973, o Maverick oferecia duas opções de motorização: o 3.0 de seis cilindros e um 5.0 V8. O segundo era, naturalmente, beberrão, mas, por outro lado, dava ao modelo um desempenho estonteante para os padrões da época. Já o primeiro, apesar da alta cilindrada, não se impunha nem mesmo diante de concorrentes com motores menores.

Originário da Willys Overland, comprada pela Ford em 1967, esse propulsor estava ultrapassado já na época. Mesmo assim continuou a ser produzido por quase uma década; e se tornou o calcanhar de Aquiles do Maverick.

O Maverick de seis cilindros logo ganhou fama de “beber como um oito cilindros, mas andar como um quatro”. Na década de 1970, o Brasil ainda estava muito distante de ter um Programa de Etiquetagem Veicular, mas números aferidos pela imprensa, na época, apontam que essa fama não era injusta.

A edição 156 da revista Quatro Rodas, de julho de 1973, trouxe um teste com toda a linha Maverick. A publicação, então, não aferia o consumo de combustível em ciclos, mas apenas em velocidades constantes. E, pasme, em todas elas o seis cilindros bebeu mais que o V8. A 100 km/h, o primeiro fez 7,8 km/l de gasolina, e o segundo, 8,1 km/l.

Para a linha 1976, a Ford enfim substituiu o velho motor por um moderno, para os padrões da época, 2.3 de quatro cilindros. Mas era tarde: com vendas em baixa, o Maverick saiu de linha em 1979. Assista o vídeo e saiba mais sobre o fracasso comercial do modelo!

Fotos: Divulgação

302 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Eder januario César 21 de junho de 2021

Quantos quilometro tem de faz um carro por ano???

Avatar
Polvo 21 de junho de 2021

O consumo da Toro está dando o que falar, mas acredito que para o consumidor que compra uma picape desse porte e peso, não está preocupado com o consumo, mas se for buscar na física, acho que dá para explicar a causa do alto consumo: aerodinâmica com área frontal grande, relação peso x potência desfavorável e câmbio automático com conversor de torque que, por natureza, é menos eficiente.

Avatar
Gercino 21 de junho de 2021

Para você que só pensa em economia de combustível e despensa conforto vai no velho mille Economic. Uma vantagen não quebra

Avatar
Marga 25 de junho de 2021

Kkkkk concordo.Tenho Tucson 2017 e não me arrependi 10/11km na estrada isso ta ótimo e com conforto 1000.

Avatar
Lucia Helena 21 de junho de 2021

Tenho uma Toro 2021 e estou super feliz com minha aquisição.
Acredito que estão querendo desfazer da Toro pois é o carro que está em alta no momento, sonho de muita gente.

Avatar
Paula 25 de junho de 2021

Sonho de muita gente pobre igual vc ,sonhar com FIAT .

Avatar
Lucas 11 de julho de 2021

com o preço da toro 2021 da pra comprar muitos carros melhores, pra mim esse é o problema desse carro, que não é ruim (as versões turbo diesel kk)

Avatar
Boris 21 de junho de 2021

Essa Toro é uma vergonha, nem deveria receber esse nome!
Tenho uma Titan da Nissan, ela pesa quase o dobro da Toro, claro que é mais potente, um V8 5.6 com 390cv e 55kgfm, não troco minha pickup por 100 TORINHO dessas, mesmo tento um consumo super elevado o tanque acho que é de 120 litros.

Avatar
Dhow 20 de junho de 2021

Cara mostra qual carros tem um bom desenpenho em todos o aspecto..se compensa ou não comprar..valeu

Avatar
Ivanê Magno Leite Cobra 20 de junho de 2021

Tenho uma Blazer2.4 ano 2001 será comparada ao Vectra da Chevrolet,e a S10, no consumo torque potência e outros ????

Avatar
Elisabete 20 de junho de 2021

Tenho um ágil e 2015.Maravilhoso.!
Claro que procuro manter.Simplemente muito bom
econômico.Papo de quem trocou pelo menos 4x de carro e marca.

Avatar
Eduardo Schiavon Gonçalves 20 de junho de 2021

Tô lembrando do vídeo que eu vi, o morro enlameado que a Toro de 100 mil reais não conseguiu subir e o Fusca de 5 mil reais que subiu brincando.

Avatar
Miro Marins 20 de junho de 2021

Esqueceram de colocar nesta lista o jeep compass,e o Renegeide,Capitiva e Traker.
É Maverik gastava mas a gasolina na época custava menos de 1 real o litro da gasolina.

Avatar
Ezio José de Oliveira 20 de junho de 2021

Na época,o litro de gasolina custava 4,44 eu era frentista.

Avatar
Celeste barros 20 de junho de 2021

Eu gosto e d renault

Avatar
José Roberto de tilio 20 de junho de 2021

Celestes eu tenho uma STEPWAY 2014 PRATA automática e gosto muito dela, um abração do bijú de JAÚ SP.

Avatar
LuizAirton 20 de junho de 2021

Esse analista não sabe de nada…

Avatar
Teles 20 de junho de 2021

O cara em 2021 colocar numa reportagem/avaliação o Vectra e o Maverick é no mínimo sem noção.

Avatar
AUGUSTO ARAUJO 21 de junho de 2021

Percebi isso também. Reportagem sem sentido algum

Avatar
Efraim Amorim 19 de junho de 2021

Dizer que a toró bebê e não anda!Tá de brincadeira!Esse carro corre tanto no asfalto como no barro. Tem aceleração e velocidade para correr suficientemente em nossas medíocres rodovias e estradas brasileiras.

Avatar
Gilson 20 de junho de 2021

Concordo, anda muito.especialista tá de porre.kkkk

Avatar
Ester 19 de junho de 2021

Eu tenho uma Toro 1.8 e sou bastante satisfeita, tanto no consumo quando na velocidade. Amei minha aquisição.

Avatar
Kathelyn Daiana Rodrigues 19 de junho de 2021

Tudo q sonho com vc. O carro preferência.Eu quero mais q tudo

Avatar
Roberto dias de freitas 19 de junho de 2021

Exeler REPORTAGEM ; OU SEJA BATE – PAPO_ DIGA-SE A TEMPO ; ESSES MODELOS ATET PODERIAM VOLTAR _ porquê eram sim de bons designers , faltava era a tecnologia de agora ( atual ) .

Avatar
Argemiro 19 de junho de 2021

Eu tenho uma toro 16-17 vulcânica a diesel 9 marcha essa é bem econômica faz 17 na faixa por litro

Avatar
Budwriser 21 de junho de 2021

Essas vulcânicas são incríveis!

Avatar
Sidnei 19 de junho de 2021

Ao meu ver a intenção do autor era so falar mau da toro.

Avatar
Paulo Roberto Malty 19 de junho de 2021

Incluir Má Verick nesta pesquisa é substimar a inteligencia dos leitores, só isso.

Avatar
Budweiser 21 de junho de 2021

Você tem rá zão!

Avatar
Fabio 18 de junho de 2021

ALEXANDRENA MINHA OPINIAO QUEM PROCURA ECONOMIA NOS DIA DE HOJE TEM Q PROCURAR CARRO COM MOTOR 3 CC OS ANTIGOS JA ERAM NEM TEMOS Q COMENTAR.
QUANTO A TORO AS PESSOS Q A PROCURAM NÃO PODE E NEM DEVEM VISAR ECONOMIA E SIM BELEZA,CONFORTO,PRATICIDADE UMA PICKUP COM CONFORTO DE CARRO.

Avatar
Hugo Andrade 18 de junho de 2021

nm pickup nm carro

Avatar
Hamilton 19 de junho de 2021

Beleza e consumo versatilidade.potência para concorrer com um mercado evoluído do momento. Abraços

Avatar
ICA 20 de junho de 2021

Isso aí. Só beleza. Versatilidade de um porta malas que não cabe um saco de cimento.

Avatar
HANS OLSEN 18 de junho de 2021

Tive um Maverick 302-V8 1974, com motor canadense,andar, ou melhor, voar era com ele mesmo. Era um carrão. Épocas são Épocas.

Avatar
Gustavo 18 de junho de 2021

Concordo que o Jetta 2.0 anda pouco, mas discordo do consumo alto, cheguei a fazer 14.7/l com ele sozinho e sem bagagem e ar desligado. 4 pessoas + bagagem + ar ligado , 13/l rodoviário

Avatar
Luis 20 de junho de 2021

Em ponto morto ladeira abaixo

Avatar
Marcos Afonso Pimenta 18 de junho de 2021

No dia de hoje tecnologia que temos eu acredito e aposto na Ford por vários motivos um e sobre o assunto e comentário que esse rapaz fez então na maioria das vezes as pessoas não tem condições de manter o que quer mais que…a mesma pesquisa hoje tem que ser feito no bolso agente tem que pesquisar dos dois lados se tiver condições compraria uma picape Maverick e não arisva em outro.prefiro o Ford.M@P

Avatar
Errington 18 de junho de 2021

Não me interessa carro do passado, preciso saber dos atuais,para quando for comprar.e

Avatar
Roberto Eccel 18 de junho de 2021

Toyota Camry e resto é conversa, potencia e bebe igual a esses aí decima 284 e 310 CV,ele não anda, dispara

Avatar
saulo 18 de junho de 2021

informações falsas referente a toro. falou besteira.

Avatar
Pedro 18 de junho de 2021

Capitiva v6 sport 2.8 na cidade e 7.5 em viajem

Avatar
Renato 20 de junho de 2021

Qual cidade vc mora,eu tenh uma v6 a 10 anos e ela faz 6 na cidade

Avatar
Emerson 18 de junho de 2021

Não colocaram o Jeep Compass 2.0 Limited??

Ele só faz 3,8 km/l no etanol na cidade no pé leve

Experiência própria

Nunca vi nada pior!

Avatar
Sandro da silva crisostomo 18 de junho de 2021

Nao.achei justo colocar o maverick….a maioria dos carros antigos bebem mesmo….dodge…..opala….e o desempenho nao sao la essas coisas tambem…..tem muita forca mais final nao……se brincar tem muito V8 ai que leva couro de 1.0 moderno……

Avatar
Eduardo 18 de junho de 2021

Concordo

Avatar
nelson leal 18 de junho de 2021

em 79 tive um Dodge Darth era muito lindo mais consumia muita gasolina então resolvi vender.

Avatar
Ricardo Saad Lucena Cavalcanti 18 de junho de 2021

Dodge Dart era V8. Apesar de um carrão o consumo alto era notório. Potência alta aliada ao motor V8 fazia desse super carro um bebedor de gasolina pura nós anos 70. Eu tinha uns 12 pra 13 anos quando meu pai teve um sedan de 4 portas azul metálico.

Avatar
Luís Roberto Ferreira 18 de junho de 2021

Tucson câmbio manual, 9km/l cidade com 2 pessoas, e 11km/l estrada com 4 pessoas, histórico de 6 anos de uso. Conheço outras, mecânicas, neste ritmo.

Avatar
Eduardo Duque 18 de junho de 2021

Verdade. Tive uma 2013, 2.0, câmbio manual por 2 anos. Usava basicamente para ir a um hotel fazenda além de Teresópolis, diversas vezes. 2o. dono com baixa quilometragem. Fazia 12 por litro de gasolina Grid (Petrobras). Excelente carro. Nunca deu problema.

Avatar
Severino Gomes de Araújo 18 de junho de 2021

Tenho uma torro sor fais 7 por litro

Avatar
Marco Antônio Flores 18 de junho de 2021

Podiam além de comentar sobre veículos que consomem fazer matéria a respeito do nosso combustível. O nosso combustível e vinculado a cotação internacional, porém tem a qualidade pífia, ou seja, somos roubados. Até quando vamos suportar este combustível.

Avatar
Pedro 18 de junho de 2021

Esqueceram do Ford Focus sedan 2.0 16v automático (modelo 2013), Jesus amado… Não fazia 5 km/litro na cidade.

Avatar
Denize Biasotto 18 de junho de 2021

Saveiro Robust 2018 com Ac ligado deve fazer na cidade 5km por litro, álcool some do tanque.

Avatar
Ubirajara Resende 18 de junho de 2021

Na contramão da consciência do motorista brasileiro, a indústria automobilística tem evoluído muito nas últimas décadas.

Avatar
Fernando 17 de junho de 2021

Boa noite! Tenho uma Ecosport 2013 fiz o teste de tanque cheio e vi realmente quanto gasta em 290km rodei com 100 reais fez por volta de 14km por litro na gasolina de 500 reais

Avatar
Erci 17 de junho de 2021

Pesquisa quê não contribuiu em nada colocar carros fora de linha como o Vectra e Tucson antigo ….nada a ver

Avatar
Alceu Junior 17 de junho de 2021

Que isso,,,, matéria sem nexo,,, custo X desempenho ruim sem Jeep Renegade,, mas parece que isenção não é o forte aqui.

Avatar
Marco Santos 17 de junho de 2021

Começar na Toro e acabar no Maverik, não faltou o Cinca Chambord e a Rural Willis? Eram beberrões também. E o Dodge Charger RT, ah, ta fajuta essa lista. Tem que avisar as pessoas pra não comprarem esses carros também!

Avatar
arao 17 de junho de 2021

Não compre Maverick zero

Avatar
Roger 18 de junho de 2021

Se sair o modelo 22/22 Eu compro kkkk

Avatar
Enzo Buonfiglio 18 de junho de 2021

Tô procurando um V8tão,preço bom…

Avatar
Geraldo nazare 17 de junho de 2021

A minha opinião é que podem fazer o melhor carro que tem a relação de eficiência x consumo ,mas enquanto não mudarem a gasolina que se fábrica nesse país nenhum carro vai prestar.

Avatar
Luiz lucas 17 de junho de 2021

A Toro e um excelente carro,dentro da cidade bebe um pouco ,mais na estrada,conforto e economia de combustível, ja fiz daqui Gramados,média de 14 com litro de gasolina.Hoje não estão mto feliz com a minha toro.

Avatar
FERNANDO MORAES NOGUEIRA 17 de junho de 2021

Matéria ridícula, falando do consumo de ford maverick…

Avatar
Antonio 17 de junho de 2021

Concordo plenamente, porque não falam dos atuais?

Avatar
Adeir 17 de junho de 2021

Esses ze manes que reclamam tem que colocar carros atuais se esses nao estivesse primeiro visto o burro puxando a carroças eles seriam os primeiros a puxar ignorantes se o veiculo soltar um cabo de vela ele pede socorro nao sabe se quer trocar um pneu deixa os comentarios em paz

Avatar
Valmir Garcia 17 de junho de 2021

Não quer gastar com combustível e andar de carro é impossível

Avatar
André Franceschi 17 de junho de 2021

Entenda a matéria antes de comentar, amigo. Abraço!

Avatar
Comentarista 17 de junho de 2021

O motor a combustão existe há mais de 130 anos e já era pra ter virado peça de museu há tempos.
Carro tem que ser elétrico. Muito melhor e mais fácil de fazer a manutenção, não faz barulho, não polui, é mais eficiente, é melhor para dirigir etc…

Avatar
Edmilson Machado da Silva 17 de junho de 2021

A energia elétrica no Brasil já é uma das mais caras do mundo ,imagine então com todos os carros sendo elétricos! e não estou preocupado com veículos elétricos e sim com resistências comércio e indústrias

Avatar
Carlos lirio 17 de junho de 2021

Falar do futuro e não comentar o passado e viver sem história.
Ótimo saber que temos opções de carros elétricos, mais vamos combinar, tudo começou com veículos funcionando com motores alimentados por combustão a gasolina.

Avatar
Janb 19 de junho de 2021

Nicolau tesla produziu primeiro carro elétrico. Várias unidades foram produzidas, acionado por alavanca. Mas foi derrubado pela indústria do petróleo que investiram pesado na produção de motores a combustão. Isso no final do século 19. A gurcel produziu na década de 80 o primeiro carro brasileiro elétrico. Também foi derrubado pelas montadoras estrangeiras.

Avatar
Polvo 17 de junho de 2021

Só falta ter autonomia como a dos carros a combustão, ter uma recarga rápida como se fosse um abastecimento e ter preço no nível dos carros atuais, ou seja, respostas que os engenheiros ainda não tem.

Avatar
Renato Dutra 18 de junho de 2021

Carro elétrico no Brasil
Já imaginou o valor que vai ser a conta de luz
Nem tem carro elétrico no país
E já temos aí a tal bandeira vermelha da conta de luz
Quero nem ver quando começar a fabricar carros elétricos no Brasil
Vai vir aquela conta absurda
Sem conta os brekalt e fins .

Avatar
Evandro fernandes 17 de junho de 2021

Tem que colocar os veiculos atuais,carros antigos nao interessa.

Avatar
Paulo Bento 19 de junho de 2021

Não interessa pra vc que tem carrinho de brinquedo e, com certeza, vai no mecânico pra completar água do radiador!!!

Avatar
Zel Del 17 de junho de 2021

Quer economia vai de ônibus 😀

Avatar
Jorge Luiz dos Santos 17 de junho de 2021

Kkkkkkpow ai pegou pesado

Avatar
William oliveira 17 de junho de 2021

Gostaria de saber e de carros atuais flex, os antigos nao enteressam.
Favor trazer atualidades dos veiculos atuais ok.

Avatar
GEORGE SILVA DE VASCONCELOS 17 de junho de 2021

Faltou a bendita da Spin viu!🤦🏻‍♂️🤦🏻‍♂️🤦🏻‍♂️. Eita carro bebedor!

Avatar
GABRIEL CARDOSO VIEIRA 17 de junho de 2021

Faltou a Pajero Full 3.8 V6 Gasolina…essa eu quero ver alguém bater o recorde de beberrona.

Avatar
José Carlos Favoretto 17 de junho de 2021

Colocar o Maverick nesse grupo serve somente para curiosidade, precisamos de dados de veículos em produção.

Avatar
roberto corsario 18 de junho de 2021

Garantiu a historicidade da época.

Avatar
Beto 17 de junho de 2021

Já que colocou o maverick como beberrão..
Esqueceu o Landau, o Galáxi..
Gostaria de saber carros de hoje..

Avatar
Odair Totri 17 de junho de 2021

Eu tive uma TR4. Bebia muito e andava pouco, mas eu a amava.

Avatar
Vagner Lorencatto 18 de junho de 2021

Mas é 4×4 e passa por terrenos onde carros com direção dianteira nem sonham em passar.

Avatar
Carlos Gonzaga corrêa 25 de junho de 2021

E tem direção traseira pra carro?

Avatar
Carlos Gonzaga corrêa 25 de junho de 2021

Se vcs prestarem atenção, a matéria faz uma correlação do passado com o presente, ou seja, a colocação de carros como o maveco foi para ilustrar a matéria. Óbvio que haviam muitos carros até mais beberrões que ele, mas se for colocar na matéria ficaria muito extensa.
Outra coisa, quando a Fiat coloca a mão, acaba a qualidade.
Já tive um novo uno 1.0 ano 2010, que merda, bebia mais que 1.4.
A única coisa positiva da Fiat é o design. Pronto falei.

Avatar
Carlos Monteiro 18 de junho de 2021

Eu não troco nem vendo a minnha Merefelia, é o pedido que dei ao meu ford 29 ( o fordeco) que tenho no sítio.
Eu sei que não dá para viajar com ele pois só consigo velocidade de 70Km/hora, velocidade máxima, mas gasto louco com ele.

Avatar
RUY Silveira Neto 17 de junho de 2021

Maverick????

Avatar
Sandro 17 de junho de 2021

O Fiat cronos poderia entrar nessa lista tbm, tenho um com o motor 1.8 o bichinho bebe em!

Avatar
Eduardo Diniz 17 de junho de 2021

Meu amigo Boris, citar o MAVERICK só pode ser piada. O carro saiu de linha há 50 anos. A quem interessa saber o que ele consumia? Tem cara aqui que nem ouviu falar desse carro. Parou no tempo?

Avatar
Marcelo Ribeiro 17 de junho de 2021

História é História… eu aprendi a dirigir em um didge. Tive vários. O ultimo foi um Magnun 79! Lindo …. mas se prefere o new beatle…

Avatar
PAULO CELSO PINHEIRO 17 de junho de 2021

Boris, você esqueceu do Pajero TR4!

Avatar
Cleber Gonçalves Pedrosa Pedrosa 17 de junho de 2021

Kkkkkkkk, não colocar o cruze nessa lista é piada(modelo antigo)

Avatar
Marcos Souza 17 de junho de 2021

Tive uma Tucson 2016 o carro horrível , bebe demais anda pouco não aconselho pra ninguém.
Realmente é confortável só isso de resto qualquer carro 1.0 da bucha nesse lixo.

Avatar
Fernando B 17 de junho de 2021

Esse carro anda menos que um Celta 1.0 e consome mais que um caminhão carregado. A única coisa boa é o espaço interno que acomoda 5 adultos com muito conforto.

Avatar
Miro 20 de junho de 2021

Eu tenho uma Tucson 2012 amo ela usa carro quem pode.

Avatar
FABIO VICENTE FERNANDES 16 de junho de 2021

Tenho uma Mitsubishi Outlander 2010 4×4 motor 2.4 ; 8,5 na cidade 13,0 na estrada. Tem que escolher bem o posto pra abastecer senão a luz da injeção acende acusando a baixa qualidade da gasolina. Saí de um Corolla pra esse carro e não me arrependo. Excelente nós buracos e valetas da cidade! Se acelerar ela sobe parede rsrs

Avatar
JUAN ALEX 17 de junho de 2021

Bom dia a todos!

Matéria informativa é sempre bom, o que cada um faz com a informação é outra coisa!

Tenho uma BMW 320i blindada, ou seja; pesada, mesmo assim faz 8 km/l na cidade, então está certa a matéria em alertar sobre o consumo, precisamos exigir tecnologia, por isso os elétricos e hibridos irão dominar, aguardem!

Fernando Collor de Melo disse um dia: “nossos carros são carroças*… depois disso melhorou um pouco a oferta de marcas e modelos, mas não podemos parar de exigir,

Cada um sabe o valor do seu dinheiro!

Avatar
JULIO CESAR DA GAMA DIAS COSTA 17 de junho de 2021

Carro tem q bebê q nem eu. Um abraço a todos

Avatar
Geferson 16 de junho de 2021

Que perseguição maldita da imprensa contra a Ford! Sempre falaram mal dos carros produzidos desta grande montadora, até a verem sair do país. Agora quando ela lança a picape Maverick nos USA, logo providenciam uma alusão para desmerecer seu novo produto.

Avatar
Margarida 17 de junho de 2021

eu tenho carro desde 1996 todos foram da Ford não tenho o que reclamar agora estou com a Eco Esport não tô nem aí que não vai mais ser fabricada no Brasil.

Avatar
Márcio Chamone 16 de junho de 2021

Péssima matéria!!! Até falar em consumo de combustível tudo bem!!! Mas existem vários fatores que definem um alto consumo, desde ao estilo de condução do motorista, até uma simples calibragem dos pneus. Agora falar de carros que já saíram de linha de fabricação!!!!! Melhorem as matérias, vcs tem capacidade de fazer melhor!!!!!

Avatar
Domingos Palves 16 de junho de 2021

Informações deveras importante. QUEM QUE LEU A MATÉRIA PRETENDE COMPRAR UM MAVERICK? Será que falta assunto!?!?

Avatar
sebastião oliveira júnior 16 de junho de 2021

MAVERICK?

Avatar
Fabio 16 de junho de 2021

Tive uma experiência ruim com uma Spin 1.8 com câmbio automático ano 2015
No início foi uma alegria, pois comprei ele novinho em folha e o veículo até tem seu conforto, mas o carro se mostrou beberrão e muito lento. Depois de 10 meses, não aguentei e vendi. Tinha pouco mais de 10.000 km rodados.

Avatar
ANDREIA APARECIDA COSTA 17 de junho de 2021

Tive uma de câmbio manual, excelente. Fazia 11 km/L na cidade. Me arrependi de ter vendido.
Troquei por uma S10. Ahhhhh arrependimento.

Avatar
Andre 16 de junho de 2021

Se nao me engano ele nao pretendeu fazer um comparativo. Ele só listou carros, de diversas épocas, com tais características.

Avatar
Marcos 16 de junho de 2021

Rapaz colocar a Toró junto com carros veio que já pararam de fabricar a anos, CREDIBILIDADE ZERO pra esse site
Da praxima vez que quiser falar mal da Toro põe pelo menos com carros do ano pra ter um pouco de credibilidade a matéria tá ganhando dinheiro de que moradora pra falar mal da Toro

Avatar
luis.chags@hotmail.com 16 de junho de 2021

Concordo plenamente, comparar alho com bugalhos

Avatar
Francisco Cesário Gonçalves Penido 16 de junho de 2021

Tenho uma Toro 1.8 consigo fazer com gasolina na cidade 8,5 e estrada 12, desligando o ar em subidas, tudo depende da peça atrás do volante.

Avatar
Júlio mariano 17 de junho de 2021

eu prefiro meu golzinho 1.0 está fazendo 14k com um litro sempre no sapatinho,não vendo e não troco.dez anos de ouro amor.

Avatar
Vagner Lorencatto 18 de junho de 2021

Mentiroso

Avatar
Dinn 16 de junho de 2021

Não tem nada de matéria mal feita; Alto consumo x Mau desempenho.
Pois é isso mesmo; tive um Fiesta 1.0 Personalitè que pra andar nem era 1.0 e sim um 0.1 mas pra beber era um 2.0
Oh carro ruim!!!
Ainda fiz a besteira de comprar com AC aí lascou era um 0.01 quando ligava ele.
Uma vergonha, um lixo de carro. Imagine por ele numa rodovia. Só roncava, um ronco grave e xoxo. Quem teve um sabe o que estou falando.
Ah!!! Mas pra beber uma gasolina era o número 1
Se andasse!!!
Era um cavalo baio
Bebia muito e não andava.
Que desgosto, há muito, já se foi. Graças ao bom Deus
Nunca mais!!!!

Avatar
Marcos antonio da silva 16 de junho de 2021

Tive um fiesta deste tambem. Misericórdia mais manco de todos os carros. Foi sem deixar saudades

Avatar
Fernando B 16 de junho de 2021

Esse Fiesta precisa ser o 1.6, o mil realmente se arrasta. Se ligar o ar e tiver 4 adultos no carro, não consegue subir uma ladeira nunca.

Avatar
Antônio Carlos pinto 16 de junho de 2021

Tenho uma Sandero estepewy 1.6 boa pra estrada ,faz 13.8 km por litro de gasolina (ano 2016 modelo 2017)na cidade 9.0km /litro ( ela é flex ,mas só uso gasolina) Coloquei o “ECO FLUER ” e melhorou 100% antes =estrada 10.9 km/litro = cidade 6.8km/litro .Pelo tamanho e peso ,estou satisfeito .

Avatar
gersioneton barros 17 de junho de 2021

Excelente carro, também tive um.

Avatar
Ricardo 15 de junho de 2021

Matéria para detonar a toro ( não que seja mentira, concordo com os pontos de vista), mas colocar 4 carros ao lado, que não são mais produzidos ou não são mais comercializados com estes propulsores. Exdrúxulo!!!! Esperava mais de quem ouço sempre na ouro verde fm, aqui em Curitiba.

Avatar
Douglas 15 de junho de 2021

Quer economia, Duster 1.6 até 19 km/l na estrada com gasolina

Avatar
Cleo 15 de junho de 2021

Em cima de um guincho concordo plenamente contigo amigo.

Avatar
Robson Andrade 16 de junho de 2021

kkkkkk

Avatar
Paulo C. 16 de junho de 2021

19 km/l , só na descida da serra, no terreno plano, o melhor que consegui com um motor 1.6 do C3, foi 25 km/l a 45/50 km/h.

Avatar
sandro da silva 18 de junho de 2021

Duster economica kkkkkk quer comprar a minha …..faz 50km com um litro e to doido.pra me.livrar dela.

Avatar
Alex 15 de junho de 2021

Excelente apresentação gostei das informações. Vou passar a acompanhar. Entretanto posso adiantar que o carro tem que ter motor bom e ótima arrancada. Possui um 4.1 com quatro marchas, consumia bem em compensação tinha força, bom torque, conforto, coisas que um carro 1.0, 1.4, 1.6 e 1.8. São casos diferentes.

Avatar
Luiz Fernando 15 de junho de 2021

Só aqui no Brasil tem essa palhaçada de auto consumo de combustível vê se outros como Estados Unidos e outros países de primeiro mundo ficam preocupados com isso carro tem que ter força e e velocidade . pois na hora de ultrapassar um caminhão ou precisa subir não vai ficar pra trás . outra coisa motor força tem alta durabilidade .. esses carros com motor 1.0 até 1.5 vivem em oficina .. tá sempre dando defeito .só aqui no Brasil tem essas porcarias de carros 1.0 …

Avatar
Robson Andrade 16 de junho de 2021

exatamente amigo concordo com vc, por isso prefiro andar de carro antigo, tenho um omega 4.1e uma Quantum 2.0 adoro ver esses carros novos na estrada olhando eu ultrapassar.

Avatar
Luiz Carlos 16 de junho de 2021

Quantum 2.0, muito boa, me arrependi de ter vendido. Era bordô e linda.

Avatar
Nora cassia 17 de junho de 2021

E o Captiva? Bom desempenho mas bebê bem tbm ,motor 2.4

Avatar
Cláudio 16 de junho de 2021

E muito fácil dizer que no país dos piratas do petróleo ninguém liga para o consumo.
Veja o preço da gasolina lá.
Em relação aos 1.0 daqui, tem muitos ate que andam muito bem.
Não esqueça, no país da incompetência a gasolina está a 6,60.

Avatar
Leonardo Zaitsev 15 de junho de 2021

Faltou o Mitsubishi ASX nessa lista… Com 160cv 3 câmbio CVT faz 7,5Km na cidade e 12 na estrada.
UM ABSURDO!!!

Avatar
Marcelo 15 de junho de 2021

Piada né, carros de 100 anos atrás

Avatar
Alb Thiago 15 de junho de 2021

Falou tudo. O que rem a ver colocar o Maverick. Só faltava iSimca e Arro Willis

Avatar
Davidson Pereira Lemos 15 de junho de 2021

Faltou colocar o fiat argo na lista !

Avatar
Nelson amorim 16 de junho de 2021

Concordo plenamente com a opinião sobre carros 1.0 carro pra pra mim tem que força rapidez conforto segurança estabilidade dia quem quiser tem um linea a 12 anos e não pretendo mudar nem tão cedo por nenhum poular

Avatar
JHONATHAN 16 de junho de 2021

Qual seria a versão? Tenho um ano 2020, 1.0, com 20k km, média de 16.2 km/l.
Pode não ser um foguete, mas é econômico.

Avatar
José Carlos Nunes Dos Santos 15 de junho de 2021

A Spin também consome muito

Avatar
William Azevedo 15 de junho de 2021

DEIXA EU FALAR? VCS NÃO TEM O QUE FAZER NÃO? EU TENHO DUAS ((( TUCSON ))) E GOSTO MUITO DELAS, BEBER CLARO COMO TODO CARRO GRANDE SEJA AQUI OU NA AMERICA DO NORTE/ EUA OU CANADÁ,SE VC QUER CONFORTO VAI PAGAR POR ISSO SEJA NO CONSUMO DO COMBUSTÍVEL OU NO VALOR DO CARRO, TENHO UM CARRO 1.0 QUE É ECONÔMICO? É! MAIS NEM EM SONHO, ME DA O CONFORTO QUE AS MINHAS TUC TUC ME DÃO, ENTAO #FICADIKA.
PESQUISINHA REALMENTE QUE NÃO LEVOU A LUGAR ALGUM! #TAOSEMMATERIA #NAOFAZMERDA …

Avatar
Bolsocaro 16 de junho de 2021

Carniceiro gosta de carniça velha

Avatar
Ramires 16 de junho de 2021

Também tenho uma Tucson 2014 é um carro muito em todos sentidos, principalmente pra viajar e carro robusto e confortável,e olha que já tive outros carros bem mais novos,mas hoje eu só troco por outra Tucson,,,

Avatar
ANTONIO 17 de junho de 2021

EU TRABALHO E VIVO NO MEU BRASIL BARONIL MARAVILHOSO E RECEBO EM REAIS MEU SALARIO , NÃO RECEBO EM DOLLAR AMERICANO ,NOSSOS POLITICOS SO PENSAM EM ROUBAR NAS G RRANDES OBRAS , ASFALTO SAO TODOS RUINS , ESTE É UM DOS PRINCIPAIS MOTIVOS DE CARROS CONSUMIREM TANTO E QUEBRAR SEMPREEEE

Avatar
Polvo 15 de junho de 2021

Esse povo precisa aprender a ler. A matéria traz uma lista de carros beberrões e que andam pouco, não é um comparativo entre eles. Concordando ou não, esses modelos eram lentos e beberrões em relação aos concorrentes diretos na época. Por exemplo, o Maverick 6 cilindros consumia mais e andava menos que o Opala 6 cilindros e isso vale para os demais dessa lista.

Avatar
Laercio Leal 16 de junho de 2021

Exatamente. O Brasileiros são considerados os piores interpretadores de texto. Infelizmente fica claro isso.! O cara fala de forma clara a temática do assunto e as pessoas estão levando p um assunto diferente.

Avatar
João Luiz A Souza 15 de junho de 2021

Brasileiro é assim se tivesse esquecido do corcel fabricado em 1973 pessoas iam falar, você se lembra do corcel? concordo, isso não é parativo é uma lista.

Avatar
Pedro Paulo colodete 15 de junho de 2021

Inclua aí o captur 1.6 AT 2019. É desesperador o consumo! Se pudesse voltar ao tempo ficaria com o meu duster mecanico! Nem pense em compra-lo se tiver mais que 1,76 de altura pois o acesso ao banco faz com que vc bata com a cabeca na moldura da porta! 3 pessoas de altura media nos bancos traseiros?????? Nem pensar!!!!!

Avatar
CidoJr 15 de junho de 2021

Pô,mas,também, comparar um carro de 1973 é demais, hein!!!

Avatar
Frank 15 de junho de 2021

Matéria lixo sem fundamentação já tive dois carros da lista e não e só em relação a consumo e sim relação conforto e desempenho adianta anda em um carro 1.0 tsi e o carro ser seco duro

Avatar
Alex 15 de junho de 2021

Pesquisa louca qualquer carro com porte maior vai beber mesmo até 1.0 se tiver pesado consome mais que 1.6 ou 1.8 e fato.

Avatar
Scala 15 de junho de 2021

BMW X1, 2.0 Turbo, 192 CV, 8,3 km/l na cidade, com gasolina.

Avatar
Silva 15 de junho de 2021

Tenho uma Toro endurence mt5 muito boa conforto 10 dirigibilidade 10 e não vejo que gasta tantão assim, anda muito bem na cidade sabendo andar gasta igual qualquer outro carro 1.8 até menos .

Avatar
Irenaldo Malta 14 de junho de 2021

Concordo esses carros também são antiquados, ainda bem que não falou de meu Honda Civic, gosto, tenho uma e voucomorar outro, acho que resolve bem na estrada4.

Avatar
Rodrigo 15 de junho de 2021

Oiiiii não gostei da Toro seeei lá. Conforvel mais consome deeemais… Vanderlei quer se troca de zap ?

Avatar
Vanderleia Monteiro de Magalhães 14 de junho de 2021

Tenho uma Toro estou muito contente com ela, não acho que gasta muito. Tem que saber andar, acho até economica. Sou grata pelo conforto que ela me oferece.

Avatar
Ricardo 14 de junho de 2021

Muito esperto que fez este comparativo entende muito….comparar o Maverick que é carburado com veículos com injeção eletrônica…compara agora a caravan o corcel com BMW Masserati…parabens pela expertise.

Avatar
Guilherme 15 de junho de 2021

Isso nao eh um comparativo, eh so uma lista

Avatar
Zedeque Lino Looes 15 de junho de 2021

… matéria fraca, comparativo sem pé e sem cabeça… Maverick, Tucson e Vectra nesta lista foi de lascar o cano…muito ruim…

Avatar
Celma Silva 15 de junho de 2021

Ricardo, pensei o mesmo que você! Q comparação hein? Fazer essa comparação com os carros 🚗 do mesmo ano!!

Avatar
Sérgio 15 de junho de 2021

🤦🏽‍♂️🤣🤣🤣

Avatar
Carlos Henrique da Silva 14 de junho de 2021

Luxo requer dinheiro pra manter os seus bens, eu prefiro o gol G4 1.0 Power,Econômico, mecânica só manutenção básica, Eu tenho e gosto muito,recomendo 1.0 e 1.6 os dois motores são top!

Avatar
Rubem 14 de junho de 2021

Sou mecânico e proprietário de um auto center já tive várias suvs praticamente todas bebem hj tenho uma toró endurance não se compra esses tipos de veículos pensando em economia e o desempenho depende de cada motorista eu consigo fazer a minha andar bem e ainda ficar econômica faço entre 9/10 na cidade e já fiz 13/14 na estrada

Avatar
Francisco das chagas Alves 14 de junho de 2021

Não dá pra acreditar

Avatar
carlson 15 de junho de 2021

Este motor 1.8 etork é beberrão e lerdo,só presta no palio e Punto Sporting

Avatar
Vagner Lorencatto 18 de junho de 2021

Vc deve ter feito essas medidas com a toro em cima do guincho.

Avatar
CRISTOVAM DE JESUS VIRGENS JUIOR 14 de junho de 2021

Bota gnv na reportagem ,do preço que a gasolina e o álcool estão e esse presidente que só quer destruir a nação ,conheço vários que já colocaram o cilindro kkkkkk

Avatar
Mariano Meteco 14 de junho de 2021

Já bem se vê que a parte tributária não é teu forte. Então informe-se antes de falar bobagem. Saiba que são os tributos estaduais que encarecem os combustíveis.
Faça-nos um favor e pesquise.

Avatar
Otávio 14 de junho de 2021

Cristovam, pesquisa quanto o teu estado cobra de ICMS sobre o preço do combustível, e depois volta aqui e edita teu comentário kkk

Avatar
Paulo C. 16 de junho de 2021

Historicamente a gasolina sempre custou $1 (DOLAR) o litro, quem não puder pagar tem que andar a pé ou de bicicleta porque o transporte público, esse sim é absurdamente caro, mesmo com a gasolina a _R$ 5,40 num trajeto de 20 km, ida e volta, compensa mais ir de carro.

Avatar
Jorge 18 de junho de 2021

O Cristovam. O assunto aqui é consumo e não preço de combustível.E mais, o Presidente não tem nada a ver com o combustível. Se liga cara.ĺ

Avatar
jose rubens alves cardoso Cardoso 14 de junho de 2021

Blaser 6cc

Avatar
CRISTOVAM DE JESUS VIRGENS JUIOR 14 de junho de 2021

Gnv ???

Avatar
Eliton Alves 14 de junho de 2021

Up tsi pra quem gosta de carro o resto é mimimi.

Avatar
Fernando B 14 de junho de 2021

Carro da Bar Bie

Avatar
Vagner Lorencatto 18 de junho de 2021

UP é pra quem gosta de pote de sorvete

Avatar
Polvo 14 de junho de 2021

Nesse ranking de eficiência incluiria todos os SUVs atuais, a maioria gasta muito e anda pouco.

Avatar
Jair Elias da Silva 17 de junho de 2021

Gostaria de saber se alguém já teve uma suv HRV da Honda e se gostou me informe o desempenho e consumo de uma automática estou interessado em comprar uma

Avatar
Ale 14 de junho de 2021

Santana AP foi, sempre será o carro, máquina 12 cidade e 18 na estrada, do jeito que desce sobe a ladeira, cheio ou vazio dar igual, não quebrava e não e interessante pra revendedor de peças, mata o mecânico de fome!!!

Avatar
Osmar 14 de junho de 2021

Concordo em gênero, grau e número.
Tô fazendo a cabeça do meu filho para pegar um 2.0 injetado, pra começar no mundo automotivo.

Avatar
Robson Andrade 16 de junho de 2021

tenho uma Quantum 2.0 injetada rodas 17e kit flex fui com a família pro Recife ela fez no álcool com ar ligado e carregada 11.7 e pé fincado só tirando onda com esses carros de plástico na rodovia, não vendo minha funerária, sou segundo dono e vivo recebeu propostas pra ela ir embora.

Avatar
Rogério Vieira Filho 14 de junho de 2021

Quer perder dinheiro? Compre um carro!! Desde de 2018 sem veículo e não comprarei tão cedo. Precisando de um carro é só alugar de forma simples,barata e sem preocupação.

Avatar
Fernando B 14 de junho de 2021

Barata kkkk. Sabe de nada

Avatar
Clésio Ferreira 15 de junho de 2021

Pode indicar onde é barato por favor.

Avatar
Newton Tardioli 14 de junho de 2021

Comparar esses latas velhas de 04 décadas atrás com os carros de hoje é brincadeira.

Avatar
Osvaldo 18 de junho de 2021

Naquele tempo a gasolina era quase de graça custava 0,49 centavos o litro e ficou nesse preço mais de 5 anos
Então dava para ter um Maverick
Depois que apareceram os políticos corruptos o almento é toda semana
Hoje temos que arriscar a vida e andar de bicicletas.

Avatar
Afonso 14 de junho de 2021

Tive três carros com esse motor e-torque da Toro. Um Renegade 1.8 2020 automático, uma Pálio Weekend Aventure 2014 dualogic e um Novo Palio 1.6 e-torque mecânico. Todos comprados novos. Os motores não quebraram, mas bebem muito. No câmbio mecânico engasga em baixa rotação. Só anda bem em alta. Como qualquer carro, se andar na maciota faz média boa, mas se pisar gastam muito. Esse e-torque é um motor de concepção antiga e já deveria ter saído de linha a tempo. Tenho carros com motores Ford Sigma 1.6 (New Fiesta) e GM Onix 1.4 automático ambos 2019, que fazem na maciota, mais de 20 km/litro de gasolina na estrada. Vale dizer que o Ônix 1.4 2019 é manco.tive dois 2019, um mecânico e um automático. Pensa num carro manco. A propósito, falaram que o Maverick 4 cilindros saiu em 1976. Tive dois, sendo um zero kilometro. Ambos eram 1975/1975. Abraços a todos

Avatar
ANTONIO CARLOS CAMPOS DO NASCIMENTO 14 de junho de 2021

Uma mistura de épocas desnecessárias, no comparativo dos atuais somente concordo com o baixo desempenho do Hyundae Tucson que sempre foi sofrível. Discordo dos demais, cada um em sua época. Tenha mais critérios na próxima postagem. Saudações.

Avatar
Rogério Nunes dos Santos 14 de junho de 2021

A linha do tempo ta muito misturada nessa matéria. Tinha que comparar o Maverick com o Ford landau e outros da categoria Nesses casos tenho certeza que os donos de hoje em dia como o Silvio Santos nao se importa com gasolina a 6 conto

Avatar
Ralph 14 de junho de 2021

Jeep renegade
Consumo alto e anda nada.

Avatar
Anailton Eugênio da costa 14 de junho de 2021

Economia mesmo só quem possui Etios faz 16 17 na estrada 13 14 hurbano.

Avatar
Ademir Pimenta 14 de junho de 2021

Toro com motor 1.8 fazendo 6,3 km/l com etanol na cidade só se estiver em cima de um guincho prancha. Tive um Fiat doblô com esse motor e não passava de 4 km/l na cidade e 6,5 km/l na estrada.

Avatar
Bewerton 14 de junho de 2021

Nem minha moto faz 29 kl só um louco meu

Avatar
Otávio 14 de junho de 2021

Tenho uma Tucson automática a gasolina, e realmente bebe, mas não tanto assim como disseram…
A primeira vez que peguei estrada com ela rodei mais de 400km e consegui mais de 11km/L
Na cidade faz mais de 7 (comigo).
Consumo depende muito da manutenção e da forma que o condutor dirige

Avatar
Fernando B 14 de junho de 2021

Meu amigo, uma Tucson só faz 11 km/L numa descida. Esse carro só de dar partida já vai 1 litro de combustível embora, aí vc tira da garagem já vai outro. Nunca vi um carro tão Gastão na minha vida. Fazia 4 km/L com álcool na cidade SEM AR.

Avatar
Otávio 14 de junho de 2021

Ontem mesmo rodei mais 200km num passeio com a família, e não tenho porque mentir. Faço média na bomba, mas acredita quem quer. O carro é gastão mesmo e eu não me incomodo
As flex são ainda mais beberronas mesmo, ainda mais no álcool
Como eu disse, a minha é só a gasolina e está com as manutenções em dia, coisa que faz uma boa
diferença

Avatar
Fábio Augusto Barbosa Garrett 14 de junho de 2021

Eu tive muitos carros em minha vida fui representante de uma vírgula e andava 130 135 Km por dia e o Fiat 147 bate a Record na época em consumo baixo. Hoje temos um carro no mercado que todos eles são muito econômicos e de muita duração e não dão ferrugem, os que são ponto zero todos fazem 13 14 até 15 km e os de 1.6 chegam a 13 e 14 do motorista Sem falar na estrada o consumo é bem menor estou falando da linha Renault que hoje eu não troco por carro nenhum cansei de estar gastando dinheiro com mecânico e fazendo lanternagem principalmente hoje que eu não posso mais comprar com a minha aposentadoria por invalidez um carro novo e eu compro um Renault de qualquer ano não encontro ferrugem faço uma boa revisão, e uso por muitos anos sem nenhuma dor de cabeça, até o interior do carro tá sempre novo Mesmo dormindo ao relento consórcio chuva ele nunca vira cururu em aparência.

Avatar
Roblett 14 de junho de 2021

Esqueceram de falar de outro beberrao(ford fusion)excelente cqrro,porem bebe muito.Comprei ja 2 fusion,(2011 e 2015)carro excelente,porem haja dinheiro pra abastecer.

Avatar
Valter da Fonseca 15 de junho de 2021

Já tive uma Palio Weekend Adventure 1.8 muitos reclamavam que esses carros nao faziam mais do que 7km na cidade e 8 na estrada e hoje tenho uma Tuson 2012 motor 2.0 que na cidade faz 9.5 e na estrada faz 10.5 e muitos dizem que bebe muito como diz a matéria, pra falar a verdade esses carros nao são beberrões como dizem é a pessoa que não sabe conduzir e outro coisa você paga pelo luxo.

Avatar
Fernando B 15 de junho de 2021

Tucson fazendo 9,5 km/L na cidade? As pessoas aqui mentem descaradamente. Nossa senhora, deveria ser possível marcar como spam. 9.5 km/L na cidade é média de Celta, que é leve, motor pequeno. Essa Tucson faz 4 com álcool e 6 na gasolina, isso andando na maciota.

Avatar
Rogério 14 de junho de 2021

Bom dia, boa a matéria, mas colocar um carro de mais de 40 anos atrás, como o lendário Mavecão, em um comparativo com veículos modernos com injeção eletrônica de combustível e outras tecnologias é uma puta covardia, “trate os iguais de forma igual e os diferentes de forma diferente” e meu amigo respeite os mais velhos, esse Mavecão é lenda e faz parte do imaginário de milhões de brasileiros, abraço fica com Deus e boa sorte na sua próxima matéria.

Avatar
Ronaldo Matos 14 de junho de 2021

Verdade, é uma covardia sem tamanho, o Maveraick além de Lendário, é também um Astro do Cinema.

Avatar
Carlos Henrique Braun Singer 14 de junho de 2021

Eu, como proprietário de alguns Maverick, tive 3 quatro cilindros, e 2 seis cilindros, para a época eram show. Kkkkkk…..

Avatar
Luiz Antonio Gasparini 14 de junho de 2021

Tenho uma EcoSport freestile 2011 2.0 no álcool faz 6km/l na cidade e 9 na estrada, na gasolina faz 12km/l na Estrada mesmo com o ar condicionado ligado.

Avatar
Comentarista 14 de junho de 2021

O motor a combustão existe há mais de 130 anos e já era pra ter virado peça de museu há tempos.
Carro tem que ser elétrico. Muito melhor e mais fácil de fazer a manutenção, não faz barulho, não polui, é mais eficiente, é melhor para dirigir etc…
Aí sim!

Avatar
Cleuzo Almeida 14 de junho de 2021

As petrolíferas mandam no mundo todo, agora que apareceu um doido chamado Elon Musk e as montadoras tiveram que correr atrás dos elétricos. Petrobras de tanta controvérsias tem dias para para ver o faturamento cair. Que continue em produção de outros derivados.

Avatar
Otávio Eliton Alves 14 de junho de 2021

Muitos querem ter carro potente luxuoso mais não tem dinheiro pra colocar gasolina vivem de aparência.Eu estou tranquilo com meu up tsi carro pequeno feio mais ágil seguro é bastante econômico.

Avatar
Francisco de Assis Martins 14 de junho de 2021

Já li muitos comentários,de veículos que consome muito combustível, não sei nada sobre a Fiet Toro, mais tenho um carro muito econômico, que é o Novo Pálio, 1.6 ESSENCIE,da Fiet, anda bem tem ótima arrancada faz 12,km gasolina na estrada, 10 a etanol.
O único defeito foi ter saído de linha

Avatar
Franklin 14 de junho de 2021

Bom dia, essa história de consumo e muita ficção, os testes são feitos em pista preparada, motorista profissional etc. Quando vai para a rua (realidade), ruas ruins (esburacada, lombada, inúmeras paradas, etc), motoristas (bons/ruins) que insistem em enfiar o pé no acelerador (igual motoqueiros que fica acelerando a moto no semáforo vermelho), a quantidade de carga, pneus calibrados, etc. São inúmeras variáveis a favor e contra, tudo isso colabora para o consumo do veículo.
Por conta disso, eu observo o que os fabricantes colocam nas etiquetas, mas só para efeito de informação. Porque para cada forma de dirigir, estrada, cidade vai variar o consumo.

Avatar
luiz antonio 14 de junho de 2021

Já tive varios carros citados na materia mas, só hoje acertei no carro certo. Tenho um Onix plus turbo 1.0 premier que é uma maravailha. Eu digo isto pq tenho um. Não sou funcionário e propagandista da montadora mas, é a pura vdd. Fui a cabo frio e tive o prazer de ve-lo fazer 29 km por litros na via lagos. Ta registrado ate hoje no painel do carro. Esse eu indico. Na cidade chega a fazer 17.

Avatar
José Otaviano 14 de junho de 2021

Seis

Avatar
José Carlos 17 de junho de 2021

Concordo plenamente!!!

Avatar
WILSON 14 de junho de 2021

Bom dia , posso falar do Kadett GSi, tive 8, 14,5km/ gasolina estrada e 10. Cidade.
Isso 1994/93/95, ganha dos moderninhos aí, por isso eu hj desembolsaria 3o.ooo.oo tranquilo para adquirir uma raridade em relação ao moderninhos de hj , ele tem TD e um pouco mais q muitos moderninho de 25 anos depois.

Avatar
Gustavo 14 de junho de 2021

Que materiazinha horrível! Comparativo sem pé nem cabeça. Essa lista teria pelo menos 4 vezes esse tamanho… Cadê pickups à gasolina, os SUVs com motores mega defasas ou os enormes V6? Tá doido… Perda de tempo.

Avatar
Rei 14 de junho de 2021

Dá pra parar de chorar?

Avatar
João carlos pinto 17 de junho de 2021

Depois que encerraram o Uber vendi o meu só ando de uber tem seguro não preciso pagar estacionamento

Avatar
Sylvio Ricardo de Carvalho Pereira 14 de junho de 2021

Boris ! O meu carro é um Nissan kicks 21/22 1.6 cvt e ele faz entre 7.0 e 9.0 consumo litro de gasolina 9.0 quando estou na reta da estrada e pisando nada
Deveria ter entrado nessa matéria dos beberrões.
E ele ainda tem um causo bem estranho .
Quando tirei da concessionária me falaram que tinha que pisar no freio para ligar no segundo dia me esqueci e virei a chave sem pisar no freio para minha surpresa ele pegou, fiquei logo preocupado pois com está falta mundial de chip , já achei que tinha recebido um carro com algum tipo de defeito, mas ao ir em outra concessionária autorizada Nissan me falaram que isso era normal e o carro para pisar no freio e ligar seria o com botão o com chave não.
Então Boris !!me salva aí!!! isso é verdade!!!!. Ou tão querendo me engrupir para não ter que consertar o carro.????????

Avatar
Jonatas marques de azevedo 14 de junho de 2021

Fala Sílvio blz?
Referente ao consumo do seu kicks e pq ele é muito novo ainda, o motor precisa amaciar o meu começou melhorar depois da primeira revisão ( 10 mil ). Hoje o meu faz média de 11 na cidade e 16 km/l na estrada tranquilamente! Um carro super econômico.

Quanto ao problema na hora de ligar, cuidado! Concessionária adora arrumar uma desculpa para pular fora da garantia! No meu caso descobri um problema precoce na caixa de direção e eles não assumiam para não ter que pagar! Falando que era só a bucha da barra estabilizadora! Mas era desgaste na caixa mesmo… Fora esse problema que tive, o kicks é excelente! Há que diga que o kicks não anda, que o motor dele é muito fraco etc… Pra mim tá excelente, não comprei um SUV compacto pra ficar acelerando nem aportando corridas!

Avatar
Sérgio A. 14 de junho de 2021

Teste comparativo de consumo, falam de veículos c/ módulo de injeção,sonda lambda,e comparam c/ um auto 1976 carburado??! Sem comentários, esqueceram de falar sobre nosso combustível, baixa octanagem,misturas inacreditáveis, sempre adulterados, façamos um teste de consumo c/ gasolina de primeira, ,tenho certeza q o consumo muda!!

Avatar
Alan 14 de junho de 2021

Correto

Avatar
Fábio Soares 14 de junho de 2021

Discordo totalmente quanto a Fiat Toro.
Tinha uma e entregava tranquilamente 10 a 10,5 km com litro de etanol.

Avatar
HERICA 14 de junho de 2021

Kkkk nossa ta brincadeira né mas nunca

Avatar
Antonio 15 de junho de 2021

A minha tb entregava isso no etanol e de 12 a 13 na gasolina, estrada. Mas a gente já sabe como essa turma anda ou então quando comenta sem ter tido o carro.

Avatar
Vagner Lorencatto 18 de junho de 2021

Sei…

Avatar
Sergio 14 de junho de 2021

Pajero Full 3.8 V6 humilha todos aí.
Consumo 4km/l na cidade e 6km/l na estrada.
250cv e 11s de 0a100.

Avatar
Fernando 14 de junho de 2021

Mas e um super carro né, conforto, segurança e anda demais, já tive uma, só vendi mesmo por não ter condições para manter.

Avatar
Lucia 14 de junho de 2021

Tenho um Ônix1.3 automático que consome igualzinho… levei na concessionária e me disseram q é assim mesmo!????
Decepcionante…

Avatar
Jean 14 de junho de 2021

Caramba, o meu FUSCA 1500 Carro Classico Original ano 1977 o carro mais Vendido Está praticamente o mais Econômico de Todos mencionados aqui consumindo reguladinho em torno dos 13 km/l na Estrada. Tudo de bom para todos.

Avatar
Anderson 14 de junho de 2021

Pois é.
Palmas para a antiga tecnologia alemã.

Avatar
Sir.Alves 14 de junho de 2021

Como ja falaram abaixo, essa porcaria de pre-sal… Ta salgando mesmo o preco da gasolina… 6 pilas o litro da comum? Os canos da Petrobras tao furados mesmo hein…

Avatar
Paulo Sá 13 de junho de 2021

Bem, nada contra as marcas, mas Fiat e GM nunca conseguiram fazer carros econômicos já dirigi a trabalho as duas marcas por nove anos e não tem jeito. Já a Ford e a vw a história é outra.

Avatar
Antonio Eduardo Fernandes 13 de junho de 2021

Foi uma matéria mal feita nossa expectativa era de carros atuais e vocês decepcionaram nas comparações. Lamentável.

Avatar
Marcelo 14 de junho de 2021

O certo é pra ser os
carros atuais

Avatar
Frederico Teixeira 13 de junho de 2021

ESSE EXPERT DE ARAQUE DETONAR O MAVERICK,ESQUECEU DE DIZER QUE OPALA COMODORO ERA UMA CARROÇA EM RELAÇÃO AO MAVERICK LDO O ACABAMENTO DE PAPELÃO DA GM TÁ LONGE DO ACABAMENTO DA FORD,A MESMA COISA É COMPARAR O MUSTANG COM O BREGA CAMARO

Avatar
Luiz 14 de junho de 2021

O assunto da matéria é consumo de combustível ,e não acabamento interno …isso seria assunto para outra matéria…fica a dica!

Avatar
Leonardo 13 de junho de 2021

Pior é o meu uno Vivace way 1.0
Que faz 10 rodovia

Avatar
ALEXANDRE 13 de junho de 2021

Vcs deveriam falar sobre o Renegade, que bebe como um Maverick
Pois faz 4.3lt na cidade com Álcool e 5.2 lt com gasolina na cidade.

Avatar
Alessandro Fabiano de Oliveira Ribeiro 13 de junho de 2021

Não é tão ruim assim. Tive um Renegade 2018, com motor 1.8 com duplo comando de válvula.
Na cidade fazia 6.0 km /l mas na estrada dava 10 km /l. Isso com etanol.

Avatar
Luiz Padial 14 de junho de 2021

E o pior alem de beber nunca tive uma porcaria igual, onde cambio não entende com o motor e motor não se entende com o cambio um fica brigando com o outro

Avatar
Luiz Padial 14 de junho de 2021

Esta bom o seu o meu é 3.9km na cidade e na estrada 5.5km isso porque esta com 17.000km rodado

Avatar
RICHARDSON ARISTIMUNHO ZAGO 14 de junho de 2021

Renegade é carro de estrada, a 100 km/h faz 13 por litro com álcool, mas na cidade me mata, 4,2

Avatar
Carlos Henrique Braun Singer 14 de junho de 2021

Perfeito relato. E olhe que é moderno, injeção, com tecnologia de ponta. Concordo plenamente com você.

Avatar
Joacir 13 de junho de 2021

O cara coloca o Maverick dos anos 70, tá de brincadeira né

Avatar
Robert Campos 13 de junho de 2021

Comprei uma Toro Fredom em 2016, apostei na marca e acertei. Modelo show, robusta, linda e top. Me iludi e comprei a Fredom 2021, me fudi. Uma merda de carro, não recomendo pra ninguém. Isolamento térmico e acústico a desejar, cobertura de motor e isolamento do motor já era. Sem retrovisor retráteis e sem um monte de coisa. Não passo do 120/h com medo do carro desmontar e eu cair no acostamento só com o volante na mão. Estou esperando as concorrentes da Hiundai, Ford e Chevrolet para o teste drive e decidir se me livro da bomba….

Avatar
Eu Falo 13 de junho de 2021

Um dos piores atuais senão o pior, é o Jeep RENEGADE SPORT Flex, que vide o motor 1.8 é o da Toro.

Avatar
Alexandre 13 de junho de 2021

Com certeza este é o Maverick atual em consumo

Avatar
Marco Antônio de Albuquerque 13 de junho de 2021

Eu acho que na minha opinião quem achar que esses carros Gastão muito então eles tem que andar de Ônibus, pois o saquinho de fichas e bem mais Baratos correto.

Avatar
Moacy Souza Matos 13 de junho de 2021

Percebemos que o Maveric consumia bastante combustível mas mesmo assim conseguia rodar sem reclamações mas os combustíveis não tão caros como hoje. Hoje não se tem controle de preços do combustível.

Avatar
Murilo Soares de Oliveira Filgo 13 de junho de 2021

Acho que a Fiat Toro, se o motor fosse de todo ruim e beberrão, acho que não venderia horrores. Mas enfim se vende, pq atende. Agora falando do motor novo, o pessoal já está reclamando, mas convenhamos, não é um carro leve, mas agora ele anda muito bem e com prática o mesmo consumo, mas lógico que isso depende muito do pé de cada um, estilo de dirigir, outro detalhe são 185 CV, então o motor é eficiente sim, pois anda muito mais, muito mais potência e torque pelo mesmo consumo ou melhor. Poderia ser melhor, talvez sim em uma outra configuração, menos potente, uma nova programação eletrônica e relações de marcha priorizando economia, mas aí teríamos um desempenho menor.

Avatar
Juliano 13 de junho de 2021

Pra 185cv ela não anda nada!

Avatar
Paulo Roberto da Silva 13 de junho de 2021

Concordo em tudo que você falou Murilo!

Avatar
Bruno 14 de junho de 2021

Mais podemos confundir eficiência com potencia. Eficiência é entregar boa potência com baixo consumo de combustível. Usando o exemplo da matéria, o Maverick tinha uma grande potência sob o capô, porém uma baixa eficiência energética pela relação potência x consumo

Avatar
Marcio 13 de junho de 2021

Falar de Maverick com quase 50 anos…. A pessoa que escreveu isso é muito burra mesmo!

Avatar
Isidoro 13 de junho de 2021

Tanta tecnologia e as fabricas n conseguem fazer um carro econômico no consumo?! Cada vez pior. 🤔

Avatar
Vailo Pereira 14 de junho de 2021

Vdd o FordKa mesmo 3 cilidro bebê igual Maverick meu na cidade faz 5 por litro gasolina estrada 8 e não anda nada

Avatar
ESTER ROBERTA DE SOUZA 13 de junho de 2021

Jesus, pensei que fariam um comparativo com carros atuais. Mas até Oi Maverick foi sacanagem. Podia ter feito melhor.

Avatar
Lauro Vasconcelos 13 de junho de 2021

Vão buscar veículos lá do passado, alguns que ficaram apenas na história pra falar de um assunto do presente,.

Avatar
Jose cicero dos santos Cicero 13 de junho de 2021

O brasil é um país muito atrasado pra trazer agum bem pros brasileiros, assim quando descobriram esse tal de pré sal, antes não tivesse descoberto, talvez os preços dos combustíveis não tivesse esse horror,enfim a que preço alguma descoberta???????

Avatar
Geraldo Fernandes Baptista 13 de junho de 2021

Vejo falarem de carro elétrico. Arrisco em citar q não será o futuro. O futuro será hidrogênio. Carro elétrico no Brasil não terá de futuro, não temos energia nem para o dia a dia Qto mais para uma frota de carros elétricos.

Avatar
Joao 13 de junho de 2021

Que porcaria, não produziu nada, comparam carro atual com carros que no ferro velho são encontrados.

Avatar
Claudionara Gonçalves Ribeiro Ricardo 13 de junho de 2021

Eu acho muito interessante esse tipo de carro se Deus conceder uma oportunidade de possuir um carro dessa marca ou modelo o porque achamos que não vamos ter condições de suplir as necessidades que eles têm,se tivesse condições ou uma oportunidade de ter uma beldade dessa pode ter certeza ceria um bem maior eu amo e adimiro carros de grande porte.

Avatar
Izidoro Palhari Neto 13 de junho de 2021

Puro preconceito com a Fiat Toro a minha modelo Freedom não é tão gastona , e tem mais quem paga R$110.000,00 em um veículo não importando o fabricante e nem o modelo , penso que não nos importamos se é gastona ou não .
Att Izidoro Palhari Neto SP

Avatar
Samuel 13 de junho de 2021

Ain se pagamos 110 .000 ou nao. Ahh sai daí o senhorzinho de péssimo gosto.

Avatar
Izidoro Palhari Neto 13 de junho de 2021

Boa noite meu Brother , seja honesto seja sincero .
Qual é o seu carro ?
Pagou a vista ?
Que bom ! tavendo gosto é que nem arruela , cada um tem o seu ! .
más eu senhorzinho vou parar por aqui ! Uma excelente semana pra você e sua família também , pois a minha vai ser chique .

Avatar
mbox 13 de junho de 2021

que eu saiba o Maverick de 4 cilindros era 99 cv e não 75 vc me lembro da plaquinha que ele tinha perto do motor falando essa especifição e o desempenho não era ruim como esse cara fala tá certo que não chega aos pés do v8 mas não era ruim não tanto é que ele andava mais que o opala com motorização igual de quatro cilindros .

Avatar
Martim Afonso Pires 13 de junho de 2021

Maverick v8 tive 5 ainda colocava comando quadrijet da jet em s.paulo ou seja quadro carburadores dava 240 p.hora autodromo de cascavel eu estudava em curitiba….foi sonho sinto muita saudades mega motor fazia 2.5 quilometros autodromo evna cidade subia 6.5 km de consumo jamais dava mecanica so desgaste natural freio etc…esse modelo de veiculo nao serve para comparativo voces colocaram nessa lista de lixos aqui…toro aff.etc so lixo….

Avatar
Mauro 13 de junho de 2021

Faltou a Pajero TR4 sempre com algo em torno de 7 km/litro

Avatar
André 13 de junho de 2021

Verdade eu tenho uma automático só faz 7,5 em trajeto misto

Avatar
Jancênio 13 de junho de 2021

A mecânica, faz 8.5

Avatar
rogerioribeiro1980cras1980@gmail.com 13 de junho de 2021

Honda civic 2005 mt bom economico e anda bem

Avatar
Paulo 13 de junho de 2021

Acho muito equivocada essa informação do consumo da Fiat Toro. A minha Fiat Toro Freedom com motor 1.8 faz 12.9 km com litro com gasolina e com álcool faz 11 km com litro.

Avatar
MARCOS Rogério de Almeida 13 de junho de 2021

Rapaz
Vc é privilegiado. A minha não chega nem perto desse consumo.

Avatar
Andre Rocha 13 de junho de 2021

Minha Xsara Picasso 2002 mandou abraços! Peso 1.306Kg (vazio) e máximo de 1.850Kg (carregado), como motor 2.0 16V 118cv, com 19,8kgfm de toque, fazendo 14,5 na estrada e 9,8 na cidade

Avatar
Paulo Roberto da Silva 13 de junho de 2021

Pois é Marcos, só esqueci de falar que esse consumo é na estrada, só que tem um importante detalhe, preciso manter uma velocidade entre 90 a 95 km/h. Sugiro fazer um teste nessa velocidade na estrada.

Avatar
Amilton Prado 13 de junho de 2021

Mentira!!!

Avatar
ADINILSON ROZANTE 14 de junho de 2021

Esse consumo em cima da cegonha kkkkkkk

Avatar
Rogério leal 14 de junho de 2021

Kkkkkkkkkkkkkkk faltou falar de minha Fiorino 1.6 motor argentino…

Avatar
Alexandre 14 de junho de 2021

A minha endurance, faz na cidade faz 3.9 álcool e na gasolina faz 5.6 na gasolina… gasta mesmo…

Avatar
Bruno Ribeiro 13 de junho de 2021

Por um maverik na comparação é meio sem lógica apesar dos anos consome o mesmo que muitos carros atuais e é uma verdadeira máquina ele é oque um carro deve ser ,e se Deus deu o cavalo a de prover a água

Avatar
JUNIOR MABERA 13 de junho de 2021

Não condiz com a Toro 1.8
Que basta acionar o botão Sport que o carro anda bastante,voa!

Avatar
Ivonia Duarte 13 de junho de 2021

Se atentem!!!
Matéria ruim, com dados errados….
Vcs sempre tentam denegrir a Toro, será pq?
E o Compass pq não colocaram nessa lista, bebe mais que o Zeca Pagodinho…. Rsrsrs

Avatar
Evandro Zanatta 13 de junho de 2021

Tentam denegrir a toro por que ela é líder de vendas. Prego que se destaca leva martelada. Normal…

Avatar
Paulo carneiro 13 de junho de 2021

Boa tarde a todos do auto papo ,

Senhores,tenho um renault logan 1.6 8V ano 2012,e gostaria de saber se o seu consumo é alto mewmo.o meu chegou a fazer 3,9/_km etanol e 5,7/km gas.isso me levou a nunca mais desejar qualquer produto renault

Avatar
NEIMAR ANTONIO SECRETTI 13 de junho de 2021

Isso é mentira, grande mentira, de quem sabe muito de teoria e pouca prática, tenho esse Jetta descrito acima, ano 2011/2012, 2.0 aspirado, faço “apenas” 14km/l em viagem…..

Avatar
Thiago 13 de junho de 2021

Estão deixando o estagiário escrever as matérias? O que o Maverick está fazendo nesta lista? Carro com mais de 40 anos.

Avatar
OpalaSemCaneco 13 de junho de 2021

Fiat Toro é injustiçada demais kkkkkkkk

Avatar
RIchard 13 de junho de 2021

Não entendo porque o jeep conpass não esta encabeçado a lista junto com a toro? Os critérios para elaboração da lista não são correntes dae perde a credibilidade!! Um pé na porque o tema e muito interessante mas não souberam desenvolver.

Avatar
NEIMAR ANTONIO SECRETTI 13 de junho de 2021

Eles nem sabem o que falam….

Avatar
Comentarista 13 de junho de 2021

Carro com motor a combustão existe há mais de 130 anos e já deveria ter virado peça de museu há décadas.
Carro tem que ser elétrico. Muito melhor e mais fácil de fazer a manutenção, não faz barulho, não polui, é melhor para dirigir etc…

Avatar
OpalaSemCaneco 13 de junho de 2021

Viadagem demais isso
Gente besta existe a bem mais de 130 anos e até hoje não saíram de linha

desculpa…

Avatar
Paulo henrique guedes 13 de junho de 2021

Meu amigo carro elétrico no brasil boteaqui 50 anos ou mais se carro a combustão ta nos 200 mil.reais imagine o eletrico quanto vai custar.

Avatar
Paulo carneiro 13 de junho de 2021

Boa tarde sr.PAULO,

FALANDO EM CARRO ELETRICO,ME FEZ LEMBRAR MATERIA QUE ROLOU NA INTERNET QUE FALA DE UMA EMPRESA QUE FABRICARA MOTORES MOVIDOS A ETANOL/HIDRIGENIO (CRIANDO H DA AGUA QUE SAI DO ETANOL).SE ISSO SE TORNAR REALIDADE ADEUS CARRO ELETRICO,POIS ESSA TECNOLOGIA SERÁ LIMPA E AINDA HUMIDUFICARIA O MEIP AMBIENTE POIS CARRI A H SÓSOLTA AGURA PELO ESCAPE.

Avatar
Rubem 14 de junho de 2021

Aqui é Brasil prepare mais uns 130 pra talvez acabar com motores a combustão e governo vai os ladrões vão viver de que

Avatar
Célio Andrade 13 de junho de 2021

Infelizmente está matéria tem algo errado, pois além de erros no texto não tem informações relevantes, temos muitos modelos de carros com consumo bem alto que não está aí e colocam carros fora de linha a mais de 20 anos.
JABÁ?

Avatar
Jorge Nicolau 13 de junho de 2021

Pô Boris, me ajuda aí!
Ford Maverick V6??? Isso aí já deixou de ser fabricado há mais de 40 anos, mais precisamente em 1975 quando passaram a oferecer o 4 cilindros 2.3 DOHC que andava mais e consumia menos. Temos modelos atuais com desempenho e consumo semelhante como as camionetes Toyota Hilux Flex e a SW4 Flex vendidas por uma verdadeira naba, com um desempenho péssimo e um consumo digno de V oitões.

Avatar
Osmar Silvio 13 de junho de 2021

Penso que os senhores poderiam focar nos consumidores do momento atual, ajudando pessoas leigas a realizarem melhores escolhas no hora da compra. Modelos que nunca compraria segundo esses critérios sugeridos: Creta 1.6, Renegade 1.8, todas as camionetes cabine dupla com motor flex.

Avatar
Jorge Nicolau 13 de junho de 2021

Exatamente Osmar, relacionar Maverick V6 foi pácábá, mas em relação às camionetes cabine dupla flex excluiria a S10 com o novo motor directo flex de 205 CV que tem desempenho melhor do que muitas a diesel e também a já não oferecida mais Ranger 2.5 de 173 CV que apesar da potência menor, por não oferecer nem tração nas quatro rodas e nem câmbio automático, dois itens que aumentam o Peso e o consumo com consequente redução do desempenho, ainda tem um desempenho bem melhor do que as hilux flex.

Avatar
Fernando B 13 de junho de 2021

No texto, a Toro e o Vectra estão com as potências invertidas entre os respectivos combustíveis (gasolina e etanol). Fica a dica.

Avatar
Fernando B 13 de junho de 2021

Eles atualizaram o texto corrigindo os erros, mas não fazem a errata . Tô começando a perder a vontade de entrar aqui, eles rasgam a cartilha do bom jornalismo

Avatar
Reginaldo Francisco de Andrade 16 de junho de 2021

Carro1.0 serve só pra ir ao mercado, o resto é improvisação, os motores abrem o bico cedo

Avatar
Gilson tome 17 de junho de 2021

Que-rem conforto,potência,e economia! comprem um corola XEI

Avatar
Izaias 17 de junho de 2021

Existem duas coisas que não andam juntas, conforto e economia.

Avatar
Edson 17 de junho de 2021

Vcs ñ sabem o q falam só sabem criticar já q São tão sabidos poq ñ fazem uma materia extraordinária

Avatar
Gilson tome 17 de junho de 2021

Que-rem conforto,potência,e economia!comprem um corola,XEI

Avatar
Deixe um comentário