Conheça 5 dicas para economizar diesel em caminhões

Com a alta dos combustíveis, incluindo o óleo diesel, caminhoneiros têm que economizar cada vez mais para ter lucro

abastecimento de caminhao volvo com oleo diesel
Caminhões podem fazer de 2 km/l a 4 km/l de diesel (Foto: Volvo Trucks | Divulgação)
Por Érico Pimenta
15 de março de 2022 20:21

O aumento expressivo nos valores dos combustíveis pegou muita gente de surpresa, principalmente aqueles que trabalham com veículos, seja por aplicativo, fazendo transporte individual pessoas,  ou com fretamento  de passageiros. Entre os que ficam preocupados com os seus ganhos, estão também os caminhoneiros autônomos ou os que são donos de pequenas frotas: esses tendem a sentir mais os impactos do aumento no valor do diesel. Mas por que?

VEJA TAMBÉM:

Os motores a diesel têm uma grande vantagem, que é o alto torque. Por isso, no passado, os motores passaram da gasolina para diesel; tanto que, em fotos de caminhões, antigos era possível ver a palavra Diesel na grade, justamente para identificar o combustível utilizado por aquele modelo.

caminhao man s 1 h 6
A MAN foi a primeira a utilizar motores a diesel em caminhões: na foto, o modelo S 1 H 6, de 1928, que era equipado com motor D 4086

Porém, por outro lado, esses veículos têm um alto consumo de diesel. Dependendo da rota e do implemento, e ainda da capacidade de carga, um caminhão pesado, que tem o Peso Bruto Total Combinado de até 74 toneladas, pode consumir de 2 a 4 litros de diesel por quilômetro rodado. Sendo assim, economizar diesel é super importante.

Dicas para economizar diesel

Para economizar combustível em um caminhão, é preciso ter atenção a alguns detalhes e ações: se elas forem feitas da maneira certa, podem entregar grandes resultados. O AutoPapo conversou com Iara Scortegagna, que atualmente dá treinamento para motoristas de caminhão em uma grande transportadora na Região Sul do país, que listou 5 dicas para os motoristas economizarem combustível.

1. Observe a velocidade

painel de caminhao volvo imuninado a noite
Além de auxiliar na economia de combustível, respeito à velocidade garante segurança

Os veículos pesados são ferramentas de trabalho e se tornam muito mais econômicos quando dirigidos dentro de um limite de velocidade. Esses veículos quase sempre deixam de ser econômicos quando acelerados além de 85 km/h.

2. Respeito ao conta-giros

conta giros em painel de caminhao
Saber interpretar o conta-giros do caminhão já pode ajudar a economizar combustível

O conta-giros de um veículo pesado traz 5 elementos muito importantes para a operação: saber reconhecer a função cada um deles faz grande diferença para uma performance econômica. Conduzir de forma orientada pelo giro garante a otimização da alimentação do motor, com menor desperdício de combustível.

3. Aproveite a inércia e a força da gravidade

caminhao scania 580s v8 em descida
Aproveitar da inércia é fundamental para economizar diesel

É a forma de conduzir observando a energia cinética: o veículo consegue percorrer muitos metros sem a injeção de combustível. Ou seja, o motorista deve manter o pé fora do pedal e aproveitar o embalo nas descidas, tirando proveito da força da gravidade.

4. Suavidade com os pedais

pedais de caminhao scania v8
Evitar o famoso “pé de chumbo” contribui para a economia

O pedal do acelerador é o responsável por injetar o combustível para a queima. Assim, ele deve ser utilizado de modo gentil, com leveza, tantos nas acelerações constantes nas rodovias quanto nas retomadas.

5. Marcha Lenta

cambio de caminhao volvo i shift
Mesmo em modelos com câmbio automático, é necessário prestar atenção à marcha lenta

A marcha lenta pode custar muito caro: não se deve permitir que o veículo permaneça ligado sem que esteja em trabalho: estudos apontam que a marcha lenta pode causar uma queima de até 4 litros de combustível por hora, sem falar que ela pode causar danos severos à performance e à mecânica.

Teor do biodiesel põe governo em ‘mato sem cachorro’: Boris Feldman explica essa questão em vídeo!

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook Twitter Twitter Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
SOBRE
5 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Sir.Alves 17 de março de 2022

Lembrando que mantendo os giros entre 2.000 e 2.500rpm, gera economia, geralmente é faixa ideal de giro nos flex. Nos diesel não deve ser muito diferente.

Avatar
Paul Muadib 17 de março de 2022

Nos motores a diesel essa rotação é mais baixa.

Avatar
Santiago 17 de março de 2022

No item 3 (aproveitar a força da gravidade nas descidas), só um complemento:
– Manter o veiculo engrenado, SEMPRE – inclusive automóveis, e até motos.
Parece tão óbvio, mas não são poucos os condutores que ignoram isso.

Avatar
Da 17 de março de 2022

Nos carros novos se gasta mais na banguela que com ele engrenado, já carburados antigos a dita banguela pode até trazer ganhos com economia de combustível, porem pode ser ariscado

Avatar
Marcos Aurélio Miranda 17 de março de 2022

Fiquei curioso…
Quais seriam todas as 5 funções que o conta-giros podem indicar?

Avatar
Deixe um comentário