Injustiçados: 7 carros bons e (relativamente) baratos, mas rejeitados

Qualidades técnicas nem sempre são sinônimo de sucesso comercial: às vezes, nem mesmo valores de compra competitivos são capazes de atrair consumidores

Por Alexandre Carneiro 04/10/20 às 09h16

Qualidades técnicas nem sempre são sinônimo de sucesso comercial. Existem filmes aclamados pela crítica que foram verdadeiros fracassos de bilheteria. Com produtos industrializados, ocorre o mesmo: o Zune foi um fiasco de vendas, apesar de alguns o considerarem tão bom quanto o iPod. E não é diferente com os carros, que às vezes são bons e até baratos, mas nem por isso emplacam.

VEJA TAMBÉM:

O listão de hoje é justamente sobre eles: enumeramos 7 carros bons e baratos em relação aos concorrentes, mas com vendas em baixa. Cabe destacar que a seleção inclui apenas veículos novos e leva em consideração os preços de unidades zero-quilômetro. Confira!

1. Volkswagen up!

vw up 2020
  • Preços do Volkswagen up!: de R$ 51.590 (MPI) a R$ 60.990 (Xtreme 170 TSI)

Para os críticos, o up! é um subcompacto com preço de compacto. Tal afirmação é até verdadeira, mas há muitas outras questões sobre o modelo que merecem ser levadas em consideração. Fiat Mobi e Renault Kwid custam menos, mas têm padrão de construção mais simples: a nota máxima que o hatch da Volkswagen conquistou nos crash tests do Latin NCAP é a prova disso.

O alto padrão de segurança deve-se ao à origem do projeto, que foi desenvolvido para a Europa: coisa rara até entre os compactos, geralmente criados especificamente para países subdesenvolvidos. Mas vale lembrar que, a partir deste ano, o modelo só tem capacidade para quatro ocupantes.

Mas o trunfo do up! é o motor 170 TSI (1.0 de três cilindros turbo, com injeção direta), que equipa as versões Xtreme e Connect. Os 105 cv com etanol ou 101 com gasolina e, principalmente, os 16,8 kgfm de torque, sobram para os cerca de 900 kg de peso do hatch. Não há carros mais baratos com níveis tão bons de desempenho na mesma faixa de preço.

Com o propulsor 1.0 aspirado, que rende 82 cv e 10,4 kgfm com o primeiro combustível e 75 cv e 9,7 kgfm com o segundo, a performance é naturalmente pior, mas ainda razoável. O manejo do câmbio e o acerto da suspensão da gama agradam. Mas os materiais do habitáculo são simplórios, apesar da boa execução na montagem.

2. Peugeot 2008

novo peugeot 2008 frente 2
  • Preços do Peugeot 2008: de R$ 79.490 (Allure) até R$ 97.290 (Griffe)

O segmento dos SUVs compactos é o que mais cresce no mercado, mas o 2008 não tem conseguido surfar nessa onda. Apesar de ter projeto atual e características técnicas similares aos concorrentes, o modelo é o lanterna do segmento.

A gama tem duas opções de motorização. A opção menos potente é um 1.6 de aspiração natural, com 118 cv com etanol e 115 cv com gasolina, além de 16,1 kgfm de torque independentemente do combustível. Há ainda o 1.6 turbo com injeção direta (THP), capaz de elevar os números para 173 cv com o primeiro e 165 cv com o segundo, além de 24,5 kgfm com ambos.

O pênalti do modelo foi a demora para as versões turbo ganharem câmbio automático, o que só ocorreu há cerca de 1 ano. Agora, toda a linha conta unicamente com esse tipo de transmissão, que tem seis marchas tanto com o motor aspirado quanto com o turbo. O 2008 ainda é um dos bons carros do segmento, e tem preços dos mais baratos.

3. Chevrolet Cruze Sport6

cruze sport6 premier 1
  • Preços do Chevrolet Cruze Sport6: de R$ 105.290 (LT) a R$ 129.790 (Premier II)

O Cruze Sport6 integra um segmento em extinção: o de hatches médios. Os veículos dessa categoria foram dizimados pelos SUVs e crossovers, atuais queridinhos dos consumidores. Último sobrevivente da espécie, o modelo da Chevrolet, hoje, nem aparece entre os 50 automóveis mais vendidos do país, divulgado pela Fenabrave.

Com altura menor, tanto da carroceria quanto em relação ao solo, o motorista de um Cruze Sport6 não goza de uma elevada, que é justamente o trunfo dos SUVs e crossovers. Por outro lado, isso faz com que o hatch tenha condução mais esportiva e interativa, o que faz dele uma opção natural para quem gosta de dirigir.

O motor 1.4 turbo de quatro cilindros e injeção direta, que equipa toda a linha, entrega 153 cv de potência com etanol ou 150 cv com gasolina. O desempenho é bem interessante, graças também ao torque de 24,5 kgmf com o combustível vegetal e de 24 kgfm com o derivado do petróleo, entregue a apenas 2.000 rpm.

4. Nissan Frontier

nissan frontier
Nissan Frontier Attack
  • Preços da Nissan Frontier: de R$ 163.190 (S) a R$ 223.370 (LE)

Entra ano, sai ano, e a Nissan Frontier continua na lanterna do segmento de picapes médias. Com uma média de emplacamentos na casa de apenas 600 unidades mensais, o modelo vende 5 vezes menos que a Toyota Hilux. E isso não ocorre por causa dos preços, que, mesmo não sendo baratos, são competitivo em relação aos outros carros do segmento.

Essa rejeição também não encontra justificativa nas características técnicas da picape. O motor 2.3 turbodiesel tem duas configurações: nas versões de entrada, é sobrealimentado por um turbo e desenvolve 160 cv e 41 kgfm de torque; a partir das configurações intermediárias, a unidade traz dois turbos, elevando os números para 190 cv e 45,9 kgfm.

Potência e torque estão na média da categoria, portanto. E o conjunto de transmissão também: o câmbio pode ser manual de seis marchas ou automático de sete, mas toda a linha traz tração 4×4 com reduzida. Tampouco faltam preços competitivos ou tradição à Frontier, que está no mercado brasileiro desde os anos 90.

5. Kia Cerato

kia cerato 2020
  • Preços do Kia Cerato: R$ 94.990 (EX) e R$ 104.990 (SX)

Empresas do ramo automotivo sem fábricas instaladas no Brasil tendem a ter menor participação no mercado. Pesam contra elas a ausência de incentivos fiscais e a maior vulnerabilidade a variações cambiais. Apesar disso, o Kia é uma das poucas marcas que ainda vendem um sedã médio com valor inicial abaixo de R$ 100 mil.

Além dos preços relativamente baratos, o Cerato tem outros bons atributos frente aos carros do segmento, como design que lembra o do modelo Stinger e o acabamento interno bem-cuidado. Nem por isso, entretanto, o modelo vende bem: ele sequer figura no ranking da Fenabrave com os 50 veículos mais emplacados do Brasil.

Nas duas últimas gerações, o sedã tinha uma grande desvantagem em relação aos concorrentes: um motor 1.6 aspirado, cuja potência não passava de 128 cv, e o torque, de 16,5 kgfm. A atual, finalmente, adotou um 2.0: são  167 cv e 20,6 kgfm com etanol e 157 cv e 19,2 kgfm com gasolina. O câmbio é automático de seis marchas.

Boris Feldman já dirigiu o novo Kia Cerato: assista ao vídeo!

6. Citroën C4 Lounge

novo citroen c4 lounge 12
  •  Preços do Citroën C4 Lounge: R$ 103.990 (Shine) e R$ 107.490 (série especial 100 Anos)

Diante de qualquer outro sedã médio do mercado, o C4 Lounge não consegue esconder as rugas. Ele é um dos mais antigos do segmento, com nada menos que 7 anos de mercado. Em 2018, veio uma reestilização que mais atrapalhou do que ajudou. Para piorar, o modelo está em fim de carreira e não sobreviverá por muito mais tempo.

Entretanto, apesar dos pesares, o sedã tem bons predicados frente aos carros concorrentes, a começar pelos preços,  relativamente baratos. O desempenho ainda é uma das referências da classe: nesse caso, os méritos vão para o motor 1.6 (THP), com 173 cv de potência com  etanol, 165 cv com gasolina e 24,5 kgfm com qualquer um dos dois combustíveis.

Também contribuem para a dirigibilidade o bom acerto de direção e de suspensão. Além do mais, o acabamento é caprochado. Mas o caso é que, mesmo quando o modelo era novidade na categoria, as vendas não vingaram. Agora, próximo do fim da linha, ficou praticamente impossível atrair compradores.

7. Renault Duster Oroch

renault duster oroch dynamique 20 verde em movimento
  • Preços da Renault Duster Oroch: de R$ 73.400 (Express) a R$ 90.970 (Dynamique 2.0 automática)

Outro modelo que segura a lanterna do segmento é a Oroch. Apesar de ter inovado ao criar um subsegmento, devido ao porte ligeiramente maior que o das picapes compactas, o utilitário sempre foi coadjuvante no mercado. Em parte, porque a caminhonete da Renault logo acabou ofuscada pela Fiat Toro, que é semelhante em conceito.

A questão é que a Oroch é um dos carros utilitários mais baratos do mercado (a Toro está em uma faixa superior) e ainda entrega bons dotes. Um dos pontos fortes é o espaço interno generoso. O outro é o desempenho: trata-se da picape flex mais potente do segmento, graças ao motor 2.0 com 148 cv e 20,9 kgfm com etanol e 143 cv e 20,2 kgfm com gasolina.

Esse motor pode ser associado a câmbios manual de seis marchas ou automático de quatro. Quem não faz questão de desempenho pode optar pelo 1.6 de 120 cv com o combustível vegetal, 118 cv com o derivado do petróleo e 16,5 kgfm com ambos. Nesse caso, o câmbio é manual de cinco velocidades.

Pesa contra a Oroch a desatualização em relação ao Duster, do qual o projeto é derivado. Nem mesmo a chegada da nova geração da Fiat Strada fará a Renault se mexer nesse sentido.

130 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Avatar
    VITOR HUGO 9 de outubro de 2020

    O CERATO É UM BAITA CARRO.
    E o preço dele zero km tá muito abaixo do valor dos concorrentes.
    Já estou no segundo e, provavelmente, comprarei o modelo atual.
    E sempre terá uma boa revenda , dependendo da quilometragem e do estado de conservação, até porque sendo ele comprado mais barato, poderá ser vendido convidativamente mais barato..
    Simpless assim.

  • Avatar
    Luiz Fernando 6 de outubro de 2020

    Na minha opinião .. hoje quem compra carro 0 e maluco e compra financiado ainda .. porque acha que não vai dá defeito . rsrsrs os carros de hoje entre 1 a 2 anos de uso já dão defeito … São carros descartáveis Agora as pessoas que compra carro avista esse sim pode ter . Porque se dê defeito e só trocar tem dinheiro pra pagar . Ainda tem pessoas que compra carro automático pensando que tem valor de mercado . que loucura …Aí quando vai vender quebra a cara o preço vai lá em baixo…. E muito bom comprar um carro usado no valor de no máximo 20 1.8 fazer todas as revisões e gastar 10 mil . E ainda vai conseguir vender por um bom preço … Aáaaaaaa brasileiro acha que comprar carro 1.3/1.4/1.5/ vai andar que nem fusca … fusca tem força porque a carroceria e leve já os carros de hoje são pesados .com motor fraco . Quanto menor a potência do motor mais fraca são as peças …. Por isso os motores 1.8/ 2.0 dura muito tempo … qualidade das peças…. Alguns brasileiros são bicho ???????

  • Avatar
    Sandro 6 de outubro de 2020

    Cruze a 129 K barato ? Projeto antigo e ultrapassado , por 80 K já seria caro . Frontier até 223 K ? Verdadeiro casamento com histórico de vergonha na lama . Cerato ? Casamento sem divórcio , pois até as concessionárias marca rejeitam o Cerato na troca.Up ? Mecânica cara e sistema mecânico complexo , obrigando o cliente a recorrer a manutenção na concessionária. Peugeot , Citröen e Renault são frágeis para o solo lunar brasileiro e as concessionárias indicam para o cliente tentar vender por “ fora” pois nas revendas oferecem entre 20 e 30% abaixo da Fipe….O que aconteceu Bóris ? Tem dúvida ? Teste tudo que foi exposto a cima e Vc vai se dar conta da verdade.

  • Avatar
    Saniel 6 de outubro de 2020

    Beleza. Só faltou os carros ” baratos ” na matéria. Porque que eu saiba carro barato é no mínimo 30 mil e não 80 a 100 mil. plmdds né

  • Avatar
    Márcio P 6 de outubro de 2020

    Qual planeta nobre repórter está????quanto ganha de comissão para vender esses carros “baratos”” Estamos no Brasil ..

  • Avatar
    Jayme 5 de outubro de 2020

    Alguém tem um Fusca para vender?

  • Avatar
    Alexandre 5 de outubro de 2020

    1. Up -> Pelo preço, tinha que ter câmbio automático para ter chance (e não automatizado). Entendo que é caro porque é um projeto moderno e seguro mas, no Brasil, isso não é argumento de venda (lamentavelmente).
    2. 2008 Peugeot… o sobrenome condena;
    3. Cruze .. Carro sem alma brigando com Corolla (rei também sem alma) e Civic. Sem chance;
    4. Frontier. Consume demais e não tem rede grande no interior, onde teria alguma chance de venda. O comprador “urbano” não vê vantagem no rústico, e o rural quer saber onde é a concessionária / mecânica mais próxima. (mas é um bom carro)…
    5. Kia Cerato. (quem? Ninguém sabe, ninguém viu).
    6. Citroen C4. Aqui o problema é o prenome. Carro francês no Brasil não pegou. Insistem (acho nobre), mas não vencerão jamais. Não adianta discutir que o amigo/tio/irmão/conhecido comprou e gostou. Se você for comprar um carro zero, simplesmente não terá estomago para arriscar a não ser que a diferença de preço seja um absurdo, o que não é. Essa é a vida (goste ou não).
    7. Renault Duster Oroch. Um carro que não faz sentido brigando com a Fiat Strada cabine dupla (outra que não faz sentido, mas não é francesa).
    De todos, os que gosto são o Up e Frontier. Mas ainda assim, na hora do “vamos ver”, se fosse gastar no zero, acabaria com um Polo básico ou uma Ford Ranger / S-10. Não digo que são melhores, mas são compras que você não precisa ficar “justificando” …(ainda que possa ter razão). BOM DIA A TODOS

    • Avatar
      bruno coutinho fernandes 5 de outubro de 2020

      Parabéns pelo seu comentário. Faço meu o seu comentário, com exatamente as mesmas palavras.

      • Avatar
        Tulio frigos 9 de outubro de 2020

        Fox não.

    • Avatar
      Joelson Dantas 8 de outubro de 2020

      Eu concordo plenamente com tudo que vc disse. De qualquer forma eu estou totalmente satisfeito com meu VW Fox, um carro que atende super bem todas as minhas necessidades

      • Avatar
        Cláudio A S Lima 9 de outubro de 2020

        Também vou ( e muito bem ) de Fox. Sai de um ótimo Ford Ka para um nível acima.

  • Avatar
    Cleber souza 5 de outubro de 2020

    Barato pra quem cara pálida?

  • Avatar
    cleber souza 5 de outubro de 2020

    Barato pra quem cara pálida!

  • Avatar
    Rafael 5 de outubro de 2020

    Rapaz essa matéria tá com cara de estagiário , principalmente o título

    • Avatar
      Charles 5 de outubro de 2020

      Kkkkk ouvir falar carros baratos! entrei correndo pra querer comprar, vtnc barato pra mim e menos de 40 mil em uma Ferrari

  • Avatar
    Jose 5 de outubro de 2020

    Relativamente baratos, perceberam esse detalhe no título? Vamos comparar com inúmeros carros presentes atualmente no mercado brasileiro, muitos 1.0 turbo pra dizer que é melhor, mas na realidade é s mesma coisa só que força um pouco mais o motor essa é a realidade. E custam mais de 100 mil ou próximos. Então pegar essa lista que tem alguns carros de segmento superior, com muitos itens de série, qualidade superior no acabamento e relativamente potentes, realmente não são caros. Antes de criticarem, vamos pegar alguns anos atrás, quais carros custavam 100 mil? Hoje custam bem mais, mas esses da lista seguem o mesmo “padrão” de qualidade que esses outros que antes custavam esses valores. Mas lógico, carro bom e de sucesso aqui é 1.0 turbo porque corre, desde que tenha ar condicionado, vidro elétrico e direção. Tá ótimo, e o povo paga, 50 mil ou mais. Agora um carro muito mais completo que custa mais caro é um absurdo. Mas isso só acontece por culpa nossa, a gente acostumou as empresas a seguirem essa fórmula, carro simples, básico, pequeno, potente= venda certa. Carro completo, grande, com qualidade superior e preço competitivo= fracasso de vendas. Logo vale mais investirem em um UP, Mobi, Argo, Kwid, Onix e outros da moda hoje em dia, mas todos são crias do sucesso do Gol, Palio, celta, Corsa e uno. Carros simples, baratos, com o básico e desenho bonitinho pra vender. Quando querem fazer carros bons e apesar das taxas se aproximarem dos valores de carros básicos não vendem pois é muito caro pagar 100 mil ou financiar, é melhor financiar meu Onix de 80 mil que é sucesso de vendas e não tem tanta qualidade quanto alguns citados nesta lista. Parabéns pa “noises”, 100 mil tá barato demais se for olhar tudo isso. Não que eu tenha esse dinheiro a disposição, lógico que é quase o preço de uma casa, é realmente um absurdo um carro de qualidade ter que custar isso, mas quem elevou os preços fomos nós mesmos, quando sempre aceitamos carros pelados por valores absurdo, se você pegar um gol de primeira geração, e converter o valor pra hoje, não foge muito do que é cobrado hoje, e lá atrás vendia igual água, então por qual razão as empresas tem que baixar? Quando fazem carros bons e baratos a exemplo do Altima que a Nissan tentou emplacar aqui, competindo contra o fusion com qualidade similar ou superior em alguns pontos, abaixo de 100 mil, quase no valor de um Onix zero hoje, mas com itens que brigavam até mesmo com Azera, fez sucesso? Não, muitos nem conhecem o carro, a Nissan trouxe direto dos E.U.A e ainda vendeu mais barato que o fusion, Corolla e civic.as o brasileiro muito exigente, preferiu o versa, Sentra e march a exemplo da Nissan, e com qualidade inferior e preço próximo, por isso não vingou, gastar com importação, taxas, fazer preço competitivo contra um carro isento de taxas, se o brasileiro prefere carro mais simples, só besta mesmo pra ficar insistindo.

  • Avatar
    mauricio Altea 5 de outubro de 2020

    Matéria comprada ou melhor , paga ??
    Muitos destes carros acimas mencionados, estão acima do preço q era prometido , não vou prolongar , por outro lado , o brasileiro ainda merece pagar caro pelas porcarias que temos, VW GM Ford Kia Peugeot são gambiarras automobilísticas caras . Nissan não compreendo por quê são caras não se justifica .
    Toyota , hoje são os aqueles chineses da antiguidade , resumindo, muito plástico, péssimo acabamento interno, gambiarras, exageradamente caros , não comprem !!
    Hoje, eu aconselho se puder compre um carro como VOLVO Mercedes , BMW não !!
    Se vc não puder adquirir estes acimas , compre um CHERY CAOA , ainda estão com bons preços, ainda , mas já estou obs q logo ficaram caríssimo !!!!! Abraços

  • Avatar
    Anderson 5 de outubro de 2020

    Quem fez a reportagem deve ser muito rico né.Falar q um carro de 100 ta barato kkkkk.N entendo falar q um carro popular custa mais de 30 mil. São poucos com 30 mil na mão.

  • Avatar
    Jorge Miguel 5 de outubro de 2020

    Esse título não deveria ser o inverso? Como assim mais baratos? Kkkkkkkk

  • Avatar
    Luis Carlos Lima silva 5 de outubro de 2020

    Barato e meu corsinha Hatch 2008 manutenção barata vai pra tudo q e lugar kkkkkkkkkk apenas 16 mangos isso e barato

    • Avatar
      Joelson Dantas 8 de outubro de 2020

      Concordo plenamente. Eu já tive um Corsa Hatch ano 2010 e foi um dos melhores carros que já possuí. Realmente eh um carro excelente

  • Avatar
    Jean 5 de outubro de 2020

    Do faltou ser relativamente barato meu ponto de vista carro barato e popular não existe mais

  • Avatar
    Adria 5 de outubro de 2020

    Para de papo furado. O nosso país encarece tudo cm tributos absurdos. Nossa tradição é os usados e ja cansados de qlqr categoria! Custo e benefício é meu lema!

  • Avatar
    Adriano Amaral 5 de outubro de 2020

    Realmente, o termo barato, não pegou legal rs, os carros citados na lista são bons, porém encontram grande rivalidade no mercado brasileiro, que tem dono, sedãs médios por exemplo, Toyota e Honda, lembrando que sempre a marca que está no topo dita os preços isso sem mencionar o nosso país que é ridículo e detona tudo com impostos absurdos e muita burocracia, a minha opinião é o seguinte, não compraria nem um da lista e nem os que não estão lista já andei em todos os sedãs médios e estão longe de valer R$ 100.000 a cima, logo eles vão valer R$ 200.000 mas faze oque, os brasileiros aceitam.

  • Avatar
    Antônio pestana de freitas 5 de outubro de 2020

    Combustível vegetal? Isso é novidade para mim. Já tá disponível para carros?

    • Avatar
      Adria 5 de outubro de 2020

      Kkkk biocombustíveis
      Mano, monopolizam o petróleo mais mts outras coisas podem ser combustível.
      Etanol é vegetal..rs

    • Avatar
      Joelson Dantas 7 de outubro de 2020

      Esses carros aí citados não tem nada de barato. A meu ver são todos caríssimos. Também num país ridículo como o Brasil não poderia ser muito diferente

  • Avatar
    Bruno 5 de outubro de 2020

    Acredito que o up na parte mecânica nas manutenções e muito mais cara em relação ao entusiasmo no lançamento do modelo, Citroen, Peugeot, frontier da Nissan também segue o mesmo padrão. Agora a Renault tem peculiaridades, como por exemplo não dar continuidade aos modelos lançados no Brasil como o Clio que deixaram de lado que enquanto na Europa tem modelos bem avançados que poderia competir com o golf entre outros motores da Volkswagen no Brasil, a Renault sempre teve preço de manutenção cara mais não tão quanto outras marcas, defeitos são o material utilizado interno no acabamento, baixa qualidade, tudo de plástico, utilizando cola em pasta para manter os acabamentos das portas firmes e com o calor aqui no Brasil eles escorrem e vira uma meleca terrível, ao contrário da Europa que é frio e mantém em estado mais firme.

  • Avatar
    José Elizeu Costa Júnior 5 de outubro de 2020

    Qual foi a parte que os 5 carros baratos🤔🤔🤔🤔🤔🤔🤔

    • Avatar
      FLAVIO ROBERTO BATELLI 5 de outubro de 2020

      Verdade não tem nada de barato .. são muito cara de pau

    • Avatar
      Ary silva 5 de outubro de 2020

      😂😂😂😂😂😂😀😀😀😀😀 também tô tentando descobrir!

  • Avatar
    Leticia 5 de outubro de 2020

    O título dessa matéria não faz sentido algum, preços absurdos pra um país em que a maioria luta pra sobreviver.

  • Avatar
    Marcos 5 de outubro de 2020

    Eu morei em portugal uma materia dessa de barato só tem sentido lá porque relmente é barato e assecivel a todos aqui é uma lenda conto de fada.

  • Avatar
    Clarismar 5 de outubro de 2020

    Uma matéria sem pé nem cabeça. Carros com preços absurdos sendo chamados de baratos…quem foi o gênio que deu esse título a essa matéria???

    Foi mais uma propaganda do que uma matéria avaliativa…

  • Avatar
    Paulo Roberto 5 de outubro de 2020

    No Brasil tudo é piada e as montadoras são um circo só que brasileiros não é palhaço

    • Avatar
      Adriano Amaral 5 de outubro de 2020

      Os brasileiros são palhaços sim, compram carros de R$ 100.000 pra cima, pagam e aceitam o mercado, eu torço sempre pra que fique mais caro que chegue aos 200.000 e os otários e otárias gastem seu dinheiro, eu não compro, já andei em Civic, Corolla, cruze, Citroen, Jetta entre outros e nem um deles vale 100.000 eu pagaria 50.000 no máximo, porém cada um tem sua opinião, só acho que aqui no Brasil as pessoas aceitam tudo, logo os 200.000 e praticamente todos vão pagar rs

      • Avatar
        Liborio 5 de outubro de 2020

        Eu ando com carro velho , ficar fando dinheiro pros carteis das montadoras e coisa de trouxa

    • Avatar
      juarez gomes 5 de outubro de 2020

      Brasileiros são palhaço sim, carro barato, barato e um salário mínimo de 1000…🙄

  • Avatar
    Edmilson Ferreira 5 de outubro de 2020

    O Cruze é um carro bonito porem muito caro e Gastão

  • Avatar
    Cfhj 5 de outubro de 2020

    Não vi nada bom, muito menos barato. Kkkkk que matéria lixo.

  • Avatar
    Cesar 5 de outubro de 2020

    Tenho interesse só não tenho dinheiro…

  • Avatar
    João Paulo 5 de outubro de 2020

    São muito baratos mesmo, sendo que se vc for converter os 100000 para dólares da 20 mil míseros dólares..

  • Avatar
    Odilon 5 de outubro de 2020

    Quando apareceu Citroen e Peugeot parei de ler…fala sério…

  • Avatar
    Alexandre Borges 5 de outubro de 2020

    Mencionaram a baixa venda dos 07 carros ok! Alguém foi ver os valores de peças para reposição e manutenção dos mesmos?
    O brasileiro está acordando! Estamos sim em busca do melhor carro pelo menos valor, peças e serviços!!!

    • Avatar
      Liborio 5 de outubro de 2020

      Bem isso nao c iludam , quero ver como fica o preco da manutencao depois que passar a garantia , vamos deixar de ser gado

  • Avatar
    Vladi 5 de outubro de 2020

    Os fabricantes de carros precisam entender que os brasileiros, querem carros bonitos e modernos, e com preços bons,
    Existem marcas que estão de brincadeira né, precisam se colocar no lugar do comprador e se perguntar. Será que compraria um carro deste.e neste valor?

  • Avatar
    Sílvio Tácio de Azevedo 5 de outubro de 2020

    Bons, podem ser, mas baratos? Pra quem?

  • Avatar
    João 5 de outubro de 2020

    Baita piada!!!!

    • Avatar
      José Carlos 5 de outubro de 2020

      A reportagem trata de carros INJUSTIÇADOS em relação as vendas de outros carros. O assunto aqui não é sobre poder aquisitivo, altos impostos pra sustentar marajás, que brasileiros não sabem votar…

  • Avatar
    Isa 5 de outubro de 2020

    Estou chocada, barato é marido da barata, são carros e caros, faixa de 100.000,00 ,somando-se manutenção…onde foi que perdi…essa avaliação em tempos pandemicos é de quebrar o laboratório

  • Avatar
    Adilson maciel 5 de outubro de 2020

    104.000 um citroen barato..kkkkkkkkk

  • Avatar
    Flailson Pereira Figueredo 5 de outubro de 2020

    São carros ultrapassados,vendem com preços abasudos. Barato meu Suzuki Swift 1.0 3cc Japan, com tecnologia de 30 anos atrás e carros Brasileiro não tem.

  • Avatar
    Gina Gobbi 5 de outubro de 2020

    Onde barato? Não entendi, e a manutenção, reportagem fake para meu bolso

  • Avatar
    Kênia Rocha 5 de outubro de 2020

    A manutenção anualmente da maioria desses carros, você compra um de passeio em bom estado fácil! Não entendi esse “Barato” informado nessa matéria!!!!

  • Avatar
    Marcos Canindé 5 de outubro de 2020

    Barato? Já parou pra fazer um check in na manutenção? Cada ida ao mecânico é um órgão diferente que vc deixa…. Foi se a época de carros bons e baratos.

  • Avatar
    Gustavo Zott 5 de outubro de 2020

    Os caras colocam uma roupinha nova em um chassis, diminuem a qualidade dos componentes e dobram o valor. Muitos carros “relativamente baratos” não irão emplacar daqui pra frente…

    • Avatar
      Odenilson 5 de outubro de 2020

      correto, e ainda joga na nossa cara carros 3 cilindros e ainda diz que é bom,é bom sim pros fabricantes, o carro 3 cilindros perde força ai os caras impurra um turbocompressor e o preço vai lá pra estratosfera.

  • Avatar
    Evanildo 5 de outubro de 2020

    Nem sei o que dizer acho que o fudido sou eu mesmo. Não achei nada barato aí.

  • Avatar
    MARLON MORAIS SILVA 5 de outubro de 2020

    Não preciso opinar meus colegas abaixo já o fizerem amigo escolha outro assunto os carros não são injustiçados. Procure saber quanto custa a manutenção desses veículos citados e como conseguir suas peças e com isso a desoneração da folha de pagamento e a recessão do país aí conversamos sobre barato e caro !

  • Avatar
    Carvalho 5 de outubro de 2020

    Velho na boa só bomba e carro nada ver, e se vc acha relativamente barato imagina caro pra vc? Fala do sentra, fluence esses sim são bons e baratos!

  • Avatar
    Antônio Carlos 5 de outubro de 2020

    Eu sou do grupo que não pode parar para opinar sobre preço de carro,O arroz a carne a farmácia esses itens são os atrapalham o meu sono.

  • Avatar
    Paulo 5 de outubro de 2020

    Barato é o meu fusquinha de 3,5 mil reais e eu tenho o maior ciúme dele.

  • Avatar
    Charles Demarco Louro 5 de outubro de 2020

    Vocês estão de sacanagem!
    BARATOS!!!!!!!!!!
    Vocês pensam que estão em que país!
    Carros horríveis e caros!!!!!
    Vão dormir pô!!!!!

  • Avatar
    Babico 5 de outubro de 2020

    É ótimos carros!
    Mas pelos os valores se tornam injustiçados, levando em consideração muitos outros carros com melhor valor de revenda e etc…

  • Avatar
    Eduardo 5 de outubro de 2020

    Então não muda forma do texto, pois o leitor como eu que faz a leitura desse texto, interpreta carros baratos, e não relativamente comparado com os outros carros mais caros!!! Vcs que escrevem esses textos, tem que saber fazer uma interpretação de texto melhor!!! Sugestão: 7 bons carros relativamente mais baratos, que outros carros com preços mais elevados!!! Dessa forma seria mais respeitoso, com um povo tão sofrido como brasileiro.

  • Avatar
    André 5 de outubro de 2020

    Alexandre Carneiro, vc só pode estar de brincadeira ou ter cheirado cola! Falar que carros de 100.000 são relativamente baratos só mostra o quão mesquinho e sem noção de economia você é!! Isso é um abuso para um povo que é explorado diariamente.

  • Avatar
    Zek 5 de outubro de 2020

    “Relativamente barato”
    Kkkkkkkkkkk
    Meu ovo

  • Avatar
    Eduardo 5 de outubro de 2020

    Vcs falarem que 7 carros injustiçados e relativamente baratos, realmente vcs não moram no Brasil!!! Falar que um carro de 60 mil à 160 mil reais como citado na matéria é barato, vcs brincam com um país aonde o salário mínimo é R$1045, vcs não estão na Europa e muito menos no Estado Unidos!!! São caríssimos!!! Pra um país que o salário mínimo e tão baixo, realmente vcs são sem noção!!!

  • Avatar
    Klaus Hermann Wirz 5 de outubro de 2020

    O que encarece o carro nacional é a carga tributária, cerca de 38%. Nos EUA é 12%. Por isso não existe carro barato ou “popular” no Brasil. Falou-se em baixar o imposto dos elétricos e híbridos para 7% a fim de incentivar o uso de energia limpa e renovável, mas depois não se tocou mais no assunto.

    • Avatar
      Gileno 5 de outubro de 2020

      Amigo já foi pro ado que não nem a carga tributária que encarece o preço do carro e sim a ganância das montadoras que lança um carro por valor x (caro) e já tem gente na fila de espera pra comprar. Então eles lançam o valor alto, se pegar eles continuam, se não pegar eles mudam uma coisa aqui outra ali e o preço continua lá em cima.

      • Avatar
        Fagundes santos 5 de outubro de 2020

        Concordo amigo, também acho estranho isso dizer que são impostos, já pesquisei sobre valor de veículos e não encontrei nada que desse explicação aceitável sobre esses valores altos, também acho que são as montadoras

  • Avatar
    Zz 5 de outubro de 2020

    Um país onde ter carro novo é luxo, como pode ser barato ?

  • Avatar
    Flavio Fernandes 4 de outubro de 2020

    Sr Alexandre Carneiro, termine seu trabalho, apresente a segunda etapa de sua pesquisa, quero ver os automóveis caros nacionais, não vale os importados, Ferrari, Lamborguini, Maceratti, etc…

    • Avatar
      Dorval plotegher 5 de outubro de 2020

      Barato , com tanto imposto? Por exemplo!! Idosos não consegui mais trocar o velho carro , tantos impostos.

  • Avatar
    Maicon 4 de outubro de 2020

    Esse povo não tem jeito, por isso esse país não vai pra frente, pois educação é algo considerado desprezível no Brasil. Existe a palavra RELATIVAMENTE no título, não quer dizer que os carros são baratos, quer dizer que exitem rivais muito mais caros que vendem mais. O Brasil tem sim preços absurdo, e comprar um zero km em um pais com renda per capita tão baixa é sim uma falta de noção, mas a matéria não tem nada a ver com isso. Nunca vi povo tão frustado que tem vergonha de falar o que pensa pra quem deve ouvir e começa a atacar pela internet pois assim pode se esconder.

  • Avatar
    Anderson Alves Celio 4 de outubro de 2020

    Baratos ( piada né)😂😂😂

    • Avatar
      Rodrigo M. 5 de outubro de 2020

      Concordo…preço de 2 carros vc compra um apartamento.

      Carro zero no Brasil é luxo.

  • Avatar
    Nino da Loide 4 de outubro de 2020

    Bóris? Auto papo? Isso é comédia… AF
    Nada mais resistente que um cbt… Deutz rsrsrs

  • Avatar
    Mayllom 4 de outubro de 2020

    Compre uma casa com esses $100 mil daqui a dez ano, a casa vale o dobro, e o carro vale no máximo 15%do valor que pagou .Vai nesse essa de carro okm e sem futuro.

    • Avatar
      Leandro de Oliveira Martins 4 de outubro de 2020

      Onde encontrar casa por esse preço? Aqui na minha região, se brincar, nem terreno.

  • Avatar
    Vanderlei Miguel pessoa 4 de outubro de 2020

    Acorda amigo todos super caros Brasil meu uno 2010 básico 17000,00 j é super caro eu em Nei sei o q falar

  • Avatar
    Fernando Caldeira 4 de outubro de 2020

    Se é louco cachoeira
    Barato aonde aí esse up da vw é carro descartável bateu já era não tem nem retifica e ainda o cara vai desembolsar uma grana alta no motorzinho novo

    • Avatar
      THIAGO ROSA DA SILVA 4 de outubro de 2020

      Pensei que iriam colocar o Renault Fluence na lista kkkkk, ele sim é muito bom e relativamente barato

    • Avatar
      José Carlos do nascimento 4 de outubro de 2020

      Amigo para falar besteira,eu tenho um tsi 2017com 55 mil quilômetros rodados anda muito bem e econômico na cidade 13,8 kl,e 18 a20 na estrada, compara os preços dos turbos HB20,Onix turbo, passa dos 80,mil completos,e mais são motores com ajustes ainda por ser os primeiros anos de fabricação,com 62000,de um tsi zero.

  • Avatar
    Anderson 4 de outubro de 2020

    Matéria mentirosa,fajuta e de muito mal gosto, em falar de carros, que forma emjustiçados
    Não sei onde e com esses preços!!!!!
    Nunca será uma realidade a muitos dos brasileiros. Pois somos um povo que paga muito e muitas coisas e temos muito mais muito pouco direitos e benefício aqui nesse país …… Acorda meu povo..

  • Avatar
    Felismino de Oliveira Fernandes 4 de outubro de 2020

    No atual cenário econômico o jornalista fez esta matéria para os milionários pois 95% da população brasileira vive das migalhas que os gestores públicos nós atiram os preços destes carros não condizem com a nossa realidade o povo brasileiro está falido não tem condições de comprar um Fusca imagina um desses carros coitado do nosso povo !

  • Avatar
    Alberto 4 de outubro de 2020

    Carro no BR nunca foi barato, nem relativamente. Num país que a população vive com uma média de R$ 1.500,00 reais, um carro de R$ 90.000,00 dizer relativamente barato é uma afronta!! Sem contar os custos com manutenção, seguro, gasolina e a própria depreciação. Totalmente infeliz o título desse texto.

  • Avatar
    Marcos 4 de outubro de 2020

    Baratos!
    🤔🤣😂🤣😂🤣😂

  • Avatar
    Nilton Santos 4 de outubro de 2020

    Carro bom e barato é o VECTRA GLS, com motor 2.2 a gasolina.
    Veículo completo, confortável e que deixa esses carros “modinhas” de hoje em dia no chinelo.
    Um exemplar em ótimo estado, custa menos de 20 mil reais, mas as pessoas preferem um carnê com “parcelinhas” acima de mil reais e pegar um carro dito “novo”.

    • Avatar
      Marcelo Corrêa Merlo Pantuzza 4 de outubro de 2020

      Concordo contigo Nilton.
      Tenho um Santana 2.0 – máquina.

    • Avatar
      Aldeni Gonçalves 4 de outubro de 2020

      Estes caras que fizeram esta matéria estão de brincadeira,num país que tem gente que ganha menos de 1000 reais por mês ,dizer que carros acima de 100 mil é barato, estão bebendo uma cachaça muito louca kkkkk

      • Avatar
        Clovis 5 de outubro de 2020

        Tô contigo e não abro Aldeni Gonçalves! Esses caras metem ô Loko dizer que carros de 100 mil é barato. Beberam cachaça Corona kkkkkk

  • Avatar
    Quincas 4 de outubro de 2020

    Furada essa repostagem, eita falta de matéria.

  • Avatar
    Marcio 4 de outubro de 2020

    Injustiçado sou eu , trabalhador brasileiro , que sonhos demoram anos para serem realizados

  • Avatar
    Paulo 4 de outubro de 2020

    Olha os preços para nível Brasil
    Muito caros
    Acho que quem colocou que são preços razoáveis ta zoando ou esta comprometido.

  • Avatar
    paulo roberto 4 de outubro de 2020

    Não sei o que tem de barato

  • Avatar
    Gabriel 4 de outubro de 2020

    Essa matéria so poder ser piada, bem como, o entendimento do jornalista sobre carros!

  • Avatar
    V.neto 4 de outubro de 2020

    O Kia soul é um excelente carro 1.6 muito econômico, não quebra pois tem uma mecânica extremamente confiável.mas não é muito querido pelos brasileiros.

    • Avatar
      Antonio Brito 5 de outubro de 2020

      Matéria enganosa, falta de bom senso com o povo brasileiro. Realmente isso é uma afronta… nunca que esses carros são barato, para quem vive com uma salário mínimo.

  • Avatar
    Afranio Franciosi 4 de outubro de 2020

    Injustiçados?
    Vamos falar sério?!
    Se querem atrair minha atenção têm que se esforçar mais.
    Nem vou tecer maiores comentários, para tanto, deixo a palavra aos adolescentes.

  • Avatar
    Charles 4 de outubro de 2020

    Credo. Só tranqueiras

    • Avatar
      Klay 4 de outubro de 2020

      Vai anda na tua bike riquinho do facebook. P

  • Avatar
    Afranio Franciosi 4 de outubro de 2020

    Injustiçados?
    Falem sério!
    Se querem atrair minha atenção, têm que se esforçar mais.
    Nem vou tecer maiores comentários, para tanto, deixo a palavra aos adolescentes.

  • Avatar
    Roberto Jorge Alves Barbosa 4 de outubro de 2020

    Eu já tive três Ceratos. Carros excelentes. Pensei que com a chegada do novo modelo oriundo do México, o carro ficasse mais competitivo em relação aos demais. Ledo engano. Ele continua com o mesmo preço de lançamento e não deslanchou. Esquisito. O preço das revisões são altos e o número de revendedores caiu um bocado. Com isso, apesar do carro ser excelente, o pós venda acaba pesando um bocado na escolha. A Kia não soube fidelizar seus clientes no Brasil. Uma pena!!

  • Avatar
    David Greenwald 4 de outubro de 2020

    Cruze tecnologia, motor tecnológico, dá de 10 nos ultrapassados1.8 / 2.0 japodeis se phoDeus tudo…..Resto tudo porcaria, quem e da engenharia, jamais compra motor RAJAnte 3 cilindros 360/3 120 rajadas por giro

    Nem na China compram

  • Avatar
    Veras 4 de outubro de 2020

    Com certeza essa matéria é para subestimar os leitores. O carro de menor valor é 60.000 mil, porém, é um simples carro de entrada da w…. Não têm nenhum carro barato aí. Quem postou foi só para tirar sarro dos leitores. Que falta de respeito.

    • Avatar
      Marcelo Corrêa Merlo Pantuzza 4 de outubro de 2020

      Eu concordo. Em um país onde existem quase 20 milhões de desempregados falar em veículo que custe entre 70000 e 110000,00 reais.
      Existem veículos bem mais baratos e de boa qualidade e que desempenham a mesma função.

    • Avatar
      Edson Tavares 4 de outubro de 2020

      Concordo com vc amigo… Onde está o “relativamente barato” 50 mil em um Kinder ovo fala sério, tem que gostar muito do carro…

  • Avatar
    Cris nunnes 4 de outubro de 2020

    Tô procurando o barato aí, cadê, não encontrei ainda

  • Avatar
    J.c.g 4 de outubro de 2020

    À matéria diz injustiçados e relativamente barato.injusticado é o povo brasileiro quê paga bem caro por carros quê não valem oque as montadoras cobrao

  • Avatar
    VITOR GOMES 4 de outubro de 2020

    CITROEN PEOGEOT IA DESCARTA UP É 7M MINI FRIGOBAR PORCARIA CARA E F4ACA, CR7ZE É O UNICO RAZOÁVEL POREM EXTREMAMENTE CARO N8SSAN ESQUECE MUITO CARO E TEM UMA G5ANDE DESVALORIZAÇÃO.

  • Avatar
    Paulo 4 de outubro de 2020

    Suvs queridinhos?
    Acho que seria: enfiados goela abaixo!
    Ou vc compra um SUV ou compra um cruze hatch, pois foi o que sobrou da categoria.

    Brasileiro eh birro mesmo. Bem feito!

  • Avatar
    Marcio rosa 4 de outubro de 2020

    223 mil em uma Nissan, para usar 2 anos e vender por 120 mil? Tá louco barato nada. Pagar 60 pilas numa condução chamado de UP? ….ta de brincadeira né? tem nada barato ai não, tudo muito caro, brasileiro é passivo e explorado o tempo todo por essas montadoras.

  • Avatar
    Jone 4 de outubro de 2020

    Barato sério?? E o problema de revenda destes modelos, com certeza qualquer um destes modelos se desvaloriza mais de 10% no primeiro ano. Mas justiça sendo feita tem carro bom nesta lista sim.

  • Avatar
    Tiago 4 de outubro de 2020

    Peguei um Cerato desses por 89900, não tem nada comparado nesse valor. Carro espetacular.

    • Avatar
      Lucio 4 de outubro de 2020

      Não vai pegar 20 na hora de vender kkkkk

  • Avatar
    Moisés 4 de outubro de 2020

    Ops, pensei que fosse para humanos comuns, tipo, trabalhador e pai de família brasileiros, carros esquecidos a partir de 80.000,00….já caiu no meu esquecimento😂😂😂

    • Avatar
      Valdir 4 de outubro de 2020

      Gostei da sua resposta, abrie inocente tbm , e tb deixei no esquecimento.

    • Avatar
      Marcelo Corrêa Merlo Pantuzza 4 de outubro de 2020

      Gostei
      Kkk

  • Avatar
    Viana 4 de outubro de 2020

    Como consumidor, não me importo com desvalorização de carro. Se me importasse com isso , compraria terrenos,ouro etc….
    O modismo é que contuma sair caro….

  • Avatar
    Marcosdaniel .rs@gmail.com 4 de outubro de 2020

    E tem outra coisa liso tem que anda de golzinho pe duro porque nao conhece o que e bom e se tiver nao sabe cuidar e disse

  • Avatar
    Marcos@gemail 4 de outubro de 2020

    Bolso gosto e qualidade nem sempre sao o que o que se destaca no mercado
    Compra o carro da moda e paga muinto e fica no mesma situacao que anda num carro superior no mesmo valor do carro

  • Avatar
    Anônimo 4 de outubro de 2020

    Uma reportagem com tema totalmente errado, carros baratos ? Onde que $51.990, foi o menor valor da lista, para povo brasileiro é barato este veículo ? Acorda e posta informações verdadeiras, existem outras marcas com valor de mercado menor e alta qualidade.

    • Avatar
      Marcelo Corrêa Merlo Pantuzza 4 de outubro de 2020

      Concordo

  • Avatar
    Clenilson 4 de outubro de 2020

    Onde que esse site viu q esses carros são baratos?

  • Avatar
    Arnaldo 4 de outubro de 2020

    Carros relativamente bons problema maior seria na hora da revenda a depreciação do s valores nas subsequentes tabelas

  • Avatar
    Pedro 4 de outubro de 2020

    Kia ótimos carros,cerato o melhor custo benefício da categoria,pra quem não pensa em revenda Kia é uma opção com o Cerato.

  • Avatar
    Samarone 4 de outubro de 2020

    Podem “custar” barato mas, o custo de manutenção é muito elevado, com exceção de Oroch e Cruze todos custam mais caro para manter que seus concorrentes diretos.

    • Avatar
      Weverton 4 de outubro de 2020

      Ai o barato sai caro kkk

      • Avatar
        Eduardo 4 de outubro de 2020

        Barato e um gol bola 2000 tudo bem conservado que comprei a pouco tempo 7.000.oi reais kkkkk.bom carro econômico isso sim é barato

Avatar
Deixe um comentário