Carro 0 km novo ou importado usado? Renault Kwid ou Mercedes? 

Essa é a dúvida de muitos que vão trocar de carro: vale mais a pena comprar um compacto nacional novo ou um importado premium usado?

mercedez classe c kwid
Luxo e status do importado ou racionalidade do compacto 0 km? (Fotomontagem: Ernani Abrahão | AutoPapo)
Por Boris Feldman
29 de janeiro de 2022 09:03

Os valores são semelhantes: com R$ 60 mil dá para comprar um Fiat Mobi zero km ou um Mercedes com 10 anos de uso. R$ Com 70 mil, um VW Gol novinho em folha ou um BMW (ou Audi) 2012.

Vale mais a pena um carro simples, desprovido de eletrônica sofisticada, compacto, apertado, sem charme, luxo nem status, ou um importado premium usado?

VEJA TAMBÉM:

Vantagens do zero km

Em primeiro lugar, a garantia do fabricante. Existem algumas limitações que aborrecem quando a oficina da concessionária vem com o conhecido refrão do “Ahhh….doutor, mas embreagem é peça de desgaste natural e não é coberta pela garantia”. E assim como a embreagem, o freio, o pneu, a lâmpada e inúmeros outros.

Mesmo assim, não deixa de ser uma preocupação a menos, já que a maioria dos custos de manutenção de um carro zero km está coberta pelo fabricante.

Conta do posto

Outra vantagem é o consumo de combustível. Por mais evoluído que esteja o funcionamento mecânico graças ao gerenciamento eletrônico e aos novos recursos tecnológicos, um compacto nacional pode pesar a metade de um baita importado premium. E peso influi decisivamente na conta do posto no fim do mês.

Assistência

Em viagem de férias com a família, quebra uma roda numa cratera asfáltica. Ou bate uma pedra e trinca o parabrisa. Se o carro for um Kwid ou Mobi, haverá uma concessionária em algum ponto da estrada para repor o componente. Mas a rede da marca premium é muito mais restrita e só presente nas capitais e grandes cidades do interior, pois o volume de vendas não justifica capilaridade maior.

Adequado

shutterstock volkswagen golf passa por buraco com a roda traseira

Indiscutível a qualidade superior de um importado de luxo, que custa centenas de milhares de reais. Entretanto, e por incrível que pareça, a engenharia nacional se especializou também nas características do nosso país. Os modelos desenvolvidos aqui oferecem uma série de detalhes mecânicos que os tornam mais adequados às nossas ruas e estradas.

A altura livre do piso é maior. A suspensão é reforçada. Alguns amortecedores de nossos carros oferecem o “stop hidráulico” para amortecer as pancadas mais violentas de fim de curso. Tem fábrica na Europa, Japão ou EUA que nem sabe o que vem a ser isto…

Tem mais: até o nosso pneu é mais resistente que o importado. Nossos fabricantes desenvolveram um composto de borracha também mais adequado às nossas (tristes) condições rodoviárias. Problema agravado com o run flat, que deveria até ser proibido aqui.

E nossas velas de ignição funcionam melhor que as importadas, pois projetadas para operar com a presença de elevado percentual de etanol.

Combustível

Já existiu no passado uma tal de “tropicalização” de automóveis exportados para o Brasil (principalmente os europeus) para que seus motores resistissem à nossa pobre (em octanagem) gasolina.

Hoje, ela tem octanagem até superior à média mundial, mas o novo problema é a adulteração. Nosso carro flex suporta bem a gasolina com percentual de etanol muito superior aos 27% estabelecidos pelo governo. Mas o importado entrega os pontos…

Desvantagens do carro importado usado

Claro que tem vantagens: conforto, status, qualidade, segurança, confiabilidade estão ente os principais.

Porém, depois do sucesso com a família, amigos e vizinhos de chegar em casa com um vistoso Mercedes, começam os golpes no saldo bancário. O seguro, por exemplo, que poucas seguradoras assumem. E as que o fazem, cobram o “olho da cara”.

Pois o custo de reposição dos componentes é muito elevado. O BMW 2012 pode ter custado apenas R$ 75 mil reais, enquanto o zero km beira os R$ 300 mil.  Mas, se uma pedra quebra o parabrisa, o novo tem preço coerente com um zero km: não existe desvalorização de peças novas… e, se o do Mobi custa R$ 250, o do premium importado (e sempre com sensores de chuva) custa pelo menos dez vezes mais.

E também amortecedores, pastilhas de freio, velas, retrovisores (o externo custa tanto quanto uma tevê…), faróis, pneus, bateria, todos aqueles componentes de duração limitada e que um dia fatalmente serão substituídos, por melhor e mais sofisticado que seja o carro.

E, finalmente, a assistência técnica. Os nacionais mais modernos já receberam uma boa dose de eletrônica. Mas, mesmo assim, seus eventuais reparos de emergência ainda são infinitamente mais simples que os importados. Problema na estrada? Boas chances de um mecânico de certo nível resolver num Renault, Fiat, Chevrolet ou Volkswagen.

Mas, num Mercedes ou BMW, só o guincho…

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook Twitter Twitter Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
SOBRE
28 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Olavo Mendonça 11 de fevereiro de 2022

Parabéns pelo casamento, vai morrer com esse resto de rico.
Você é super experto mesmo.

🤣🤣🤣🤣

Avatar
Carlos Roberto do Rego 1 de fevereiro de 2022

Entre nesta aventura de um importado semi novo ou usado e tente encostar a sua máquina do desejo em qualquer assistência técnica especializada. Dói até os fios de cabelos que já foram cortados. Demais, Boa sorte!

Avatar
Junior 31 de janeiro de 2022

Kkkkkkk…. Falaram só dos 0 km de quse 100 mil reais… Poderiam ter falado da segurança e da tecnologia da Mercedes. Tenho uma C180 2014 1.6 turbo. (Diga-se de passagem, chega a fazer 17km/l de gasolina. E não precisa ser gasolina premium como disse um amigo em outro comentário.) Excelente veículo. Mais vai de cada um. /// Lógico q um carro usado pode precisar de manutenção, mais se a pessoa comprar um de boa procedência e pouca quilometragem com certeza não irá se arrepender. Até pq as manutenções de rotina são do mesmo valor que a de um carro zero km. Ex.pastilha de freio. Disco d freio Oleo. Filtro. ( faz tbm a cotaçao de uma turbina de reposição da mercedes C180 e de um Onix ou Hb20 por exemplo.) vc verá que o preço será o mesmo…
Fácil falar mal do importado pela cultura antiga do Brasileiro. Hoje temos peças de pronta enttrega em todo o brasil. E se vc tiver a oportunidade de fazer uma media em uma viagem com 4 pessoas no carro, sou bem capaz de acreditar que o 1.0 0km vai gastar mais que o “importadão bomba” como tem gente falando. Kkkkkkk. Ainda bem q saí dessa de 1.0 0km. Kkkkk Se bater um carrinho 1.0 com 4 pessoas na rodovia é morte pra todos. Ja o importado como a mercedes dificilmente ocorrerá obitos.
Fácil falar bem do zero km, só que não citaram os pontos positivos do importado que com certeza é uma lista muitoooo maior que de um Kwid Onix Hb20 ou Gol.

Avatar
Lucas 1 de fevereiro de 2022

COMPROU UMA BOMBA 🤣🤣🤣 NINGUÉM VAI QUERER ESSE LIXO SE FERROU

Avatar
José Carlos 10 de fevereiro de 2022

Parabéns pelo casamento, vai morrer com esse resto de rico.
Você é super experto mesmo.

🤣🤣🤣🤣

Avatar
Flávio 10 de fevereiro de 2022

Esse textão é típico de quem quer se auto convencer …..kkkkkkkkk

Avatar
Ney Verdandi 30 de janeiro de 2022

Infelizmente existem inúmeros casos, daqueles que não “podem” comprar um sedã compacto OKM, e acabam adquirindo essas “lasanhas” importadas, financiadas a perder de vista. Esquecem que esse tipo de veículo, requer o uso específico de gasolina premium, manutenções preventivas muito caras, peças importadas a preços exorbitantes: óleos, aditivos, bomba de alta, bomba d’água, descarbonização, filtros, velas, bicos, turbina, bomba de óleo, pastilhas e discos de freio, mão de obra especializada, etc. etc. só para mostrarem aos vizinhos que “estão podendo”. Do outro lado da avenida onde resido, duas BMW, sendo uma 2011 e outra 2012; uma dorme na rua por não ter vaga suficiente na garagem, e a outra por não caber; é comum ver as duas totalmente empoeiradas dormindo no relento, e os donos disputando vagas para estacionar na rua; será que estão fazendo as “preventivas” como muitos aqui dizem, ou é só blá, blá blá. Além disso, existem dois estacionamentos na mesma quadra, com vagas cobertas a preços módicos que não passam de 300,00 reais. Será que estão podendo mesmo?

Avatar
Santiago 30 de janeiro de 2022

Inclusive boa parte dos primeiros donos de importados, que os compram 0 km, não são exatamente zelosos com estes veículos. E aí a despesa pode ser ainda maior, e cheia de surpresas, para o próximo comprador.
Portanto, além de uma boa reserva financeira, quem compra um importado usado precisa saber garimpar no mercado.

Avatar
Fernando 30 de janeiro de 2022

Quem optar por importado usado, seria bom não o ter como único veículo. Nas manutenções é fundamental ter tempo para pesquisar preço de peças. Existem empresas especializadas nestes carros e fóruns/grupos que dão dicas valiosas. Além das fundamentais manutenções preventivas, ter reserva financeira e espírito de arqueólogo, oficina com mecânico capacitado por conta da tecnologia. Sou dono de carro Ford importado rsrs. E optei pelo Kwid zero, pois o uso é 90% cidade e estou na fase da vida que procuro mais praticidade, porém entendo e respeito quem opta por Mercedes/BMW. Inclusive conheço várias pessoas próximas que chutaram o balde e compraram por se tratar de sonho de infância, bora viver e buscar o que lhe é importante!

Avatar
Bob Sabio 29 de janeiro de 2022

Não era a Mercedes que tem um problema na corrente de comando que gasta mais de 50 mil reais?

Avatar
Santiago 29 de janeiro de 2022

Verdadeira sinuca de bico:
Pagar 60, 70 mil por um “popular” que não deveria custar mais do que 45 mil???
Ou pagar 80 mil num importadão usado, cujas manutenções e eventuais reparos podem custar até mais do que se pagou pelo carro???

Avatar
Rodrigo 29 de janeiro de 2022

Infinitamente vezes um Importado Usado ou um otimo Sedan Médio Seminovo!

A única questão é que é necessário lembrar que a manutenção, dependendo do item, realmente será superior, outros itens, nem é tão absurdamente mais caro.

O ponto apenas é lembrar que carro mais avançado exige manutenção preventiva. Não adianta nada o cara desfilar com um bom importado e querer trata-lo com manutenção porca ou sem manutenção… e depois ficar falando besteira por aí que o carro é bomba…

Bomba é o dono relapso!

Avatar
Fernando B 29 de janeiro de 2022

Pensamento completamente errado. Uma Mercedes de 10 anos vai dar diversas manutenções, e todas são caras: de um jogo de velas à troca dos 4 amortecedores. Um assalariado tupiniquim não consegue manter uma Mercedes. Se ele não quer um kwid (que é um lixo, convenhamos) pegue um carro melhor com no máximo 5 anos de uso.

Avatar
Rodrigo 29 de janeiro de 2022

Você tem a sua opinião e eu, a minha. Cada um na sua…

Se você leu com atenção, eu reforço que a pessoa precisa lembrar que a manutenção de um carro mais avançado é mais cara.

Vai da pessoa faze-la corretamente ou não. O que não pode é deixar de fazer e começar a falar baboseira por aí.

Na minha opinião é, diante de tudo o que estamos passando há 2 anos com essa pandemia, a vida é curta e este é um momento de não se privar mais.

Se você se sente feliz com um Mobi ou um Kwid, vá em frente e seja feliz…

Se você prefere, como eu disse e você não leu, comprar um.bom sedan Médio Seminovo, vá em frente e seja feliz…

Se você prefere comprar Audi, BMW, Mercedes, Volvo ou qualquer outro importado de alto nível, vá em frente e seja feliz…

Se você não quiser nada disso e preferir investir numa casa, vá em frente e seja feliz…

Se você prefere gastar viajando por aí, vá em frente, com as medidas de segurança e seja feliz…

A vida é curta e essa pandemia nos mostrou isso!

Avatar
Fernando B 30 de janeiro de 2022

Está equivocado. Temos que aproveitar a vida de acordo com o tamanho da nossa perna. Um cara que ganha 4 mil mensais não consegue manter uma Mercedes. Simplesmente não consegue. Não adianta “ir em frente e seguir o sonho” e perceber que em 6 meses vc quebrou e vai vender o carro na primeira oferta. Compreendo que, se é possível realizar determinadas coisas, sim devemos ir pra cima e realizar, entretanto não dá pra viver como se não houvesse amanhã. A diferença de manutenção entre um popular de entrada zero para outro importado com 10 anos são infinitamente superior. Não adianta ter uma Mercedes na garagem parada pq não consegue manter. Insisto, uma troca de amortecedores, batentes, coxins, rolamentos e pneus de uma Mercedes vai dar quase metade do valor do Kwid tranquilamente.

Avatar
Rodrigo 30 de janeiro de 2022

Cara, acho que você não sabe ler…

Em qual parte do meu comentário eu disse que você DEVE comprar o carro A ou B?????

A escolha é um direito do consumidor!

Se o cara quiser gastar o dinheiro dele, que gaste como quiser!

Em.todos os momentos, estou reforçando que o cara deve lembrar que carro de rico sempre terá manutenção de carro de rico, entretanto, existem itens que nem são tão absurdamente mais caros assim…. agora, se a manutenção envolver motor e câmbio, sim, será caro e não deve deixar de ser realizado, senão será cada vez pior!

Agora, trocar óleo, o básico, n será tão mais caro assim, até porque quando estamos falando dos atuais Turbo 0KM do mercado, a manutenção já é tão cara quanto é, em breve, muitos começarão a critica-los também…

A realidade é uma só… caro, qualquer carro está é ninguém teve o a mesma evolução em seu poder monetário…

Assim, se for pensar na real, ninguém compora mais nenhum carro… o Mobi ou o Kwid de 60.000,00 também terá Seguro, IPVA, licenciamento,manutenção, etc… portanto, se o cara não conseguir mante-lo, também não deve co.prar nem isso…

Conclusão: seja feliz como você quiser! Passar bem!

Avatar
Rodrigo 30 de janeiro de 2022

Cara, acho que você não sabe ler.

Seja feliz como você quiser e passar bem!

O cara que não consegue manter um carro de 60.000 não deve comprar e ponto é final.

A porcaria do Mobi é do Kwid de 60.000 também possui Seguro, Manutenção,IPVA, Licenciamento, etc..

Os seminovos, a mesma coisa.

Os importados, de mesma forma…

Portanto, se o cara não tiver como manter, que continue andando de busao….

Falar para o cara comprar um carro dos anos 80 ou 90, também não dá, porque os inteiros, estão caríssimos pois viraram “Neo-Colecionaveis” e os que estiverem barato, exigirá Manutenção que o cara não terá condição de manter.

Conclusão: seja feliz como quiser, a pé, de bicicleta, se moto, de busao, de carro, de barco, de lancha, de avião executivo ou como quiser, mas seja feliz e não encha o saco de quem está tentando sobreviver a uma pandemia de 2 anos!

Avatar
Fernando B 30 de janeiro de 2022

Acho que faltou um ensino fundamental bem feito para vc, tanto em interpretação de texto quanto matemática financeira. Primeiro disse o brasileiro em geral, não disse “eu”. Segundo, vc acredita que uma manutenção de Mercedes de 10 anos será troca de óleo? Vc ficou muito bravo por ser contrariado na sua ideia insana na qual acha que manter um carro usado como uma Mercedes é tranquilo e dá pra qualquer um. Evidente que uma Mercedes é 130 milhões de vezes melhor que um Kwid, entretanto manutenção (creio que falta vc aprender melhor o que é isso) é cara e 80% das pessoas que comprarem não vão conseguir manter. Resto de rico é bucha.

Avatar
Santiago 30 de janeiro de 2022

No mercado dos usados existe até uma velha máxima para os importados:
– O rico não quer mais, e o assalariado não banca.

Avatar
Rodrigo 30 de janeiro de 2022

Seja feliz do jeito que você quiser e deixe cada viver do seu jeito!

Você que não sabe ler e não sabe interpretar texto!

Vai aprender a ler!

Ninguém aqui falou pá um cara que ganha 3.000,00 comprar uma Mercedes…

Se o cara ganha isso nem um Mobi ele consegue ter!

Então, vai aprender a interpretar texto e não encha o saco e nem a paciência dos outros!

Avatar
Rodrigo 30 de janeiro de 2022

Seja feliz do jeito que você quiser e deixe cada viver do seu jeito!

Você que não sabe ler e não sabe interpretar texto!

Vai aprender a ler!

Ninguém aqui falou pá um cara que ganha 3.000,00 comprar uma Mercedes…

Se o cara ganha isso nem um Mobi ele consegue ter!

Então, vai aprender a interpretar texto e não encha a paciência dos outros!

Avatar
Rodrigo 30 de janeiro de 2022

Acho que quem não sabe ler é não sabe interpretar texto é você…

Ninguém aqui falou que um cara que ganha R$ 3.000,00 deve comprar Mercedes… aliás, uma pessoa dessa também terá dificuldades para manter um Mobi ou Kwid 0KM…

Em qual concessionária Renault ou Fiat você trabalha para estar tão incomodado com esee posicionamento?

Cada um sabe das suas condições e compra o que quiser.

Seja feliz do seu jeito e eu do meu. Pare de encher a paciência das pessoas.

Ninguém é obrigado a ter sua opinião!

Eu tenho a minha e você a sua, pronto! Simples assim!

Se preferir, ande a pé
Se preferir, vá de bike
Se preferir , vá de carro, seja ele qual for
Se preferir, vá de helicóptero
Se preferir vá de avião
Se preferir, vá em Jet ski
Se preferir, vá de lancha
Se preferir, vá de navio
Se preferir, vá de caminhão
Se preferir, vá de busao

Avatar
Lucas 1 de fevereiro de 2022

CARRO USADO (SEFAN MÉDIO LICO) E UM IMPORTADO (BOMBA ATÔMICA) SOU MAIS UM OKM PELADO MESMO

Avatar
Rodrigo 1 de fevereiro de 2022

O legal da democracia é isso…você pode escolher o que prefere.

Seja feliz como que você quiser e da forma que achar melhor!

Avatar
Alessandro 1 de fevereiro de 2022

O único comentário sensato!!! Parabéns !!!

Avatar
Rodrigo 29 de janeiro de 2022

Infinitamente vezes um Importado Usado ou um otimo Sedan Médio Seminovo!

A única questão é que é necessário lembrar que a manutenção, dependendo do item, realmente será superior, outros itens, nem é tão absurdamente mais caro.

O ponto apenas é lembrar que carro mais avançado exige manutenção preventiva. Não adianta nada o cara desfilar com um bom importado e querer trata-lo com manutenção por aí e depois ficar falando besteira por aí que o carro é bomba…

Bomba é o dono relapso!

Avatar
Lucas 1 de fevereiro de 2022

RODRIGO IMBECIL CARRO É LIXO

Avatar
Rodrigo 1 de fevereiro de 2022

Nooooossaaaa…. que nervosinha!!

Ao invés de comprar um carro, seja ele qual for, vá num psicólogo se tratar.

Avatar
Deixe um comentário