Carros abandonados contribuem para surto de dengue

Detrans investem na destruição de veículos que são grandes focos de água parada; Brasil já tem mais de 740 mil casos da doença em 2024

dois carros antigos abandonados em rua de belo horizonte foto laurie andrade
Veículos danificados viram criadouros do mosquito Aedes Aegypti (Foto: Laurie Andrade | AutoPapo)
Por Laurie Andrade
Publicado em 23/02/2024 às 19h02

Os casos de dengue no Brasil já superaram a marca de 740 mil em 2024 – é o que afirma a última atualização do painel de monitoramento de arboviroses do Ministério da Saúde, realizada nesta quinta-feira (22). Ainda de acordo com os dados, foram 151 mortes em decorrência da doença este ano e 438 óbitos estão em investigação. Carros abandonados são alvo de ações para combate da doença.

O Departamento Estadual de Trânsito do Estado de Santa Catarina (Detran SC) dará início à Operação Limpa Pátios, na maior cidade do Estado, Joinville, na próxima segunda-feira, 26, para combater possíveis focos do mosquito Aedes Aegypti. A previsão é destruir cerca de 1.500 veículos na cidade.

VEJA TAMBÉM:

Até o momento já foram desmontados e destinados à reciclagem 4.684 veículos (carros, motos e caminhões abandonados), em pátios de 19 municípios catarinenses.

A operação está sendo realizada em parceria com a Associação de Pátios de Veículos Apreendidos e Reboques do Estado, nos 310 pátios existentes em Santa Catarina (da PRF, de prefeituras – públicos e licitados, e de delegacias de polícia).

No Distrito Federal, a secretaria de segurança pública removeu, em 2023, mais de 1.132 carcaças de veículos das ruas.

Em Goiás, o Detran estima que mais de 10 mil veículos velhos ou carcaças estejam obstruindo calçadas e ruas. Os automóveis poluem o meio ambiente e servem de criadouro para insetos, como o mosquito Aedes Aegipty. Por isso, o órgão de trânsito divulgou, nesta quinta-feira (22), que vai remover motos e carros abandonados em mais de 20 cidades com quantidades alarmantes de casos de dengue.

Em Belo Horizonte, moradores denunciaram surto de dengue devido a carcaças de carros abandonados no Bairro Paraíso.

Vale ressaltar que abandonar veículos é comportamento passível de multa. O valor da penalidade varia de acordo com a legislação local.

Segundo o Código de Trânsito Brasileiro, no artigo 279:

O veículo em estado de abandono ou sinistrado poderá ser removido para o depósito fixado pelo órgão ou entidade competente do Sistema Nacional de Trânsito independentemente da existência de infração à legislação de trânsito, nos termos da regulamentação do Contran.

Sobre a dengue

Ao menos seis estados e o Distrito Federal já decretaram situação de emergência por conta da doença, são eles: Acre, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Santa Catarina.

As mulheres respondem pela maioria das infecções (55%), enquanto os homens registram 45%. A faixa etária dos 30 aos 39 segue na liderança de casos de dengue, seguida pelo grupo de 40 a 49 anos e pelo grupo de 50 a 59 anos.

Minas Gerais é o estado com o maior número de casos prováveis, tendo 258.194 diagnósticos. Em segundo está São Paulo, com 124.597 casos, depois o Distrito Federal, com 83.284, Paraná, com 75.499 casos e o Rio de Janeiro, com 55.187 diagnósticos prováveis. Os estados de Goiás (45.682), Espírito Santo (24.785) e Santa Catarina (16.662) também apresentam números expressivos de casos.

Vacinação

A vacinação contra a dengue começou em pelo menos seis dos dez estados selecionados pelo Ministério da Saúde para receberem o lote inicial de 712 mil doses. A distribuição das vacinas contra a dengue para 315 municípios iniciou no dia 8 de fevereiro.

Segundo levantamento da Agência Brasil, a vacinação foi iniciada no Distrito Federal e em Goiás, duas das regiões com maiores índices de contaminação, e também nas capitais Campo Grande (MS), Salvador (BA), São Luís (MA), Rio Branco (AC), Natal (RN) e João Pessoa (PB).

No estado de São Paulo, o município de Itaquaquecetuba, pertencente à região metropolitana de São Paulo e à do Alto Tietê, iniciou na última segunda-feira (19) a vacinação.

O estado do Amazonas ainda não informou quando irá começar a imunização.

Newsletter
Receba semanalmente notícias, dicas e conteúdos exclusivos que foram destaque no AutoPapo.

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook X X Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário