Carros automáticos usados até R$ 50 mil: 10 opções

Os leitores do AutoPapo consideram os carros 0 km caros no Brasil; fizemos uma lista com 10 opções de usados para todos os gostos

Por Fernando Miragaya 30/03/20 às 18h18
Especial para o AutoPapo
montagem 10 carros automaticos ate 50 mil

Outro dia você viu aqui no AutoPapo que o carro automático zero-quilômetro mais barato do país custa R$ 57 mil. Mas para quem não quer gastar essa grana toda, ou quer um carro mais equipado, espaçoso e potente – sem abrir mão do conforto da transmissão -, há diversas opções entre os carros usados automáticos por menos de R$ 50 mil.

Selecionamos 10 modelos, entre sedãs, SUVs, compactos e até uma station wagon e um carro de marca de luxo. Confira.

BMW 320i 2011: R$ 48 mil a R$ 50 mil

carros automáticos usados: bmw 320 2011 prata
  • Motor: 2.0 16V
  • Câmbio: automático de seis marchas

Começamos a lista dos carros automáticos usados com o pé na porta. Garimpamos o Série 3 automático, opção de sedã requintado e com pegada esportiva garantida pelo motor de 156 cv e 20,4 kgfm disponível a 3.600 rpm. Ajudam no desempenho a tração traseira e o ágil câmbio automático de seis velocidades. Destaque para a suspensão multibraço na traseira com acerto bastante firme.

O espaço interno é assegurado por um entre-eixos de 2,76 m e o toque de sofisticação está no acabamento, com couro, costuras aparentes, superfícies emborrachadas e tapetes de veludo. Ar automático, ESP, seis airbags, GPS e banco do motorista elétrico estão entre os equipamentos. Só não esqueça que o pós-venda de um carro de marca premium usado é caro.

Kia Sorento EX 2.4 4×2 2012: : de R$ 42 mil a R$ 47 mil

carros automáticos usados: kia sorento 2012
  • Motor: 2.4 16V
  • Câmbio: automático de seis marchas

O Kia Sorento é para quem gosta de SUV espaçoso e conforto. Os cinco ocupantes têm sobras para pernas, ombros, joelhos e cabeças. A caixa automática de seis velocidades ajuda em um desempenho mais confortável e pacato, ainda mais que o motor de 174 cv é apenas suficiente para os mais de 1.700 kg do Sorento – atenção para o consumo elevado.

Tem ar-condicionado automático bizona, revestimento de couro, som com USB e retrovisores rebatíveis eletricamente, mas deve itens de segurança: só oferece airbag duplo, freios com ABS e sensor de ré. A versão mais completa é a com motor 3.5 V6, que tem sete lugares, tração integral, mas passa fácil dos R$ 60 mil – mesmo ano 2012. Vale a pena colocar entre os carros automáticos usados.

Chevrolet Onix LTZ 1.4 2016: de R$ 39 mil a R$ 44 mil

carros automáticos usados: chevrolet onix ltz 2017 frente
CHEVROLET ONIX 2017
  • Motor: 1.4 8V
  • Câmbio: automático de seis marchas

Carro mais vendido do país, o Chevrolet Onix também tem vez entre os carros automáticos usados. E a caixa de seis marchas é bem funcional e confortável para rodar com o compacto na cidade, mesmo com o cansado motor Família I de 106/98 cv.

A opção de mudanças sequenciais é que poderia ser de outra forma que não na minúscula tecla ao lado do pomo da alavanca.

A versão LTZ era a mais completa da geração anterior do Onix, mas é aquele pacote trivial: ar, direção hidráulica, trio, computador de bordo, controle de velocidade, rodas de liga leve e faróis de neblina. O destaque é a central MyLink.

Avaliamos o Onix LTZ 1.4. Veja o vídeo!

Mitsubishi Outlander GT 3.0 V6 4×4 2012: de R$ 47 mil a R$ 50 mil

carros automáticos usados: mitsubishi outlander gt 2012 cinza
  • Motor: 3.0 V6 24V
  • Câmbio: automático de seis marchas

Está aí uma opção de carro automático usado com motorzão e tração integral sob demanda. O Mitsubishi Outlander é para lá de bem disposto com seu V6 de 240 cv e 31 kgfm e a transmissão de seis velocidades, que tem mudanças bastante pontuais e relativamente ágeis – além de opções de mudanças sequenciais no volante. Só não esqueça que o consumo acompanha tamanha disposição.

A lista de equipamentos é comedida: ar automático, couro, ajuste elétrico do banco do motorista, teto-solar, GPS e sensores de luminosidade e chuva. Destaque mesmo só para o assistente à partida em rampas e os seis airbags. Atenção ao pós-venda.

Toyota Corolla XEi 2014: de R$ 48 mil a R$ 50 mil

carros automáticos usados: corolla 2014
  • Motor: 2.0 16V
  • Câmbio: automático de quatro marchas

Obviamente o queridinho dos clientes de sedãs não poderia ficar de fora dessa lista de carros automáticos usados. O Corolla se vale da reputação da marca japonesa e de carro que não quebra, e acaba sendo ótima opção de automático confortável por menos de R$ 50 mil.

Pena que a caixa automática de apenas quatro velocidades apresenta alguns delays e buracos, mas o motor de 153/142 e o conjunto da obra compensam. E ainda há opção de fazer as trocas no volante para minimizar as indecisões da caixa.

O Corolla XEI tem quatro airbags, câmera de ré, ar automático, bancos de couro, retrovisores rebatíveis eletricamente, sensores de luminosidade e chuva e multimídia com GPS, Bluetooth e USB.

Honda Civic LXS 2008: de R$ 31 mil a R$ 33 mil

carros automáticos usados: honda civic 2008
  • Motor: 1.8 16V
  • Câmbio: automático de cinco marchas

Onde um vai, o outro tem que ir. O Civic também é imprescindível entre os carros automáticos usados até R$ 50 mil, mas escolhemos uma geração mais para trás do arquirrival do Corolla. No caso, a linha 2008, daquele New Civic (2006) – que consideramos mais bacana e com estilo mais moderno que o da geração seguinte. E o comportamento do conjunto mecânico é dos mais afinados da história do sedã médio.

O motor 1.8 de 140/138 casa bem com a caixa, que, apesar das cinco marchas, proporciona respostas rápidas e desempenho bastante sólido – e até empolgante na estrada.

Só não espere muito dos equipamentos – é um carro da década passada: ar automático, freios ABS, airbag duplo, trio, ajustes de altura e profundidade do banco, controle de cruzeiro e som.

Nissan March SL 1.6 XTronic 2018: de R$ 45 mil a R$ 48 mil

carros automáticos usados: nissan new march 1.6 sl azul
Foto Nissan | Divulgação
  • Motor: 1.6 16V
  • Câmbio: automático do tipo CVT

A relação de carros automáticos usados até R$ 50 mil também não poderia ficar sem um representante com câmbio continuamente variável. Ele está na versão mais completa do Nissan March, e oferece um desempenho bastante confortável. O motor 1.6 também trabalha bem com a caixa CVT, mas o comportamento é aquele linear e gradual de sempre.

Trata-se de um hatch compacto e a lista de itens de série é condizente: ar, direção elétrica, trio, faróis de neblina, ajustes de altura do banco do motorista e do volante. Destaque para a central multimídia com câmera de ré, GPS, DVD, roteador de wi-fi, Bluetooth e USB. Outra boa é que o March 2018 ainda está na garantia e as revisões estão entre as mais baratas do segmento. O hatch só peca pelos bancos desconfortáveis e projeto defasado.

Ford Fusion SEL 3.0 V6 2011: de R$ 34 mil a R$ 36 mil

carros automáticos usados: ford fusion 2011 frente
  • Motor: 3.0 V6 24V
  • Câmbio: automático de seis marchas

O maior sedã da lista de carros automáticos usados é também o mais espaçoso e confortável. O Ford Fusion, modelo médio-grande importado do México, fez bastante sucesso no Brasil no início das vendas devido ao custo-benefício e a linha 2011 já trazia o face-lift de meia-vida da geração anterior do carro.

Essa versão V6 é a mais divertida, com motorzão bem disposto e transmissão de seis velocidades esperta na maior parte do tempo – ainda é possível pesquisar a configuração com tração integral e bloqueio eletrônico do diferencial central. Só não repare no comportamento banheirão da carroceria e fique atento ao consumo elevado.

Outra coisa bacana é a lista de equipamentos do Fusion: já vinha com alerta de ponto cego, câmera de ré, seis airbags, controles de estabilidade e tração, monitoramento dos pneus, Isofix, retrovisor eletrocrômico, couro, banco do motorista elétrico, ar bizona e central multimídia com GPS e HD interno.

Hyundai ix35 2012: de R$ 49 mil a R$ 50 mil

carros automáticos usados: hyundai ix35 prata
  • Motor: 2.0 16V
  • Câmbio: automático de seis marchas

Outro modelo que vendeu bem devido ao custo-benefício agressivo e mais uma opção de SUV entre os carros automáticos usados até R$ 50 mil. O motor já flex do Hyundai ix35 na linha 2012 tem respostas boas e rápidas, e o câmbio de seis velocidades trabalha bem nas arrancadas – mas há buracos nas marchas mais altas.

O modelo tem espaço interno interessante para cinco ocupantes, mas o comportamento dinâmico oscilante da carroceria desagrada na estrada. Traz o previsível em itens, como ar, trio, direção hidráulica, rodas de liga leve, computador de bordo, GPS e ajustes de altura e profundidade – o mais “diferente” é o retrovisor rebatível eletricamente.

Pesquisando é possível achar um ix35 “completaço” com os opcionais da época: câmera de ré, assistente à partida em rampas, controle de descida, bancos de couro, sensor de luminosidade, teto solar, chave presencial e controle de cruzeiro.

VW Jetta Variant 2.5 2012: de R$ 39 mil a R$ 41 mil

carros automáticos usados: vw jetta variant 2009
  • Motor: 2.5 20V
  • Câmbio: automático de seis marchas

Essa é a opção entre os carros automáticos usados para quem morre de saudades das station wagons. O Jetta Variant, perua média da Volkswagen, tem bom acerto dinâmico e desempenho bacana proporcionado pelo motor 2.5 de cinco cilindros com 170 cv e 24,5 kgfm. O câmbio é o Tiptronic de seis marchas.

Só na parte de itens de segurança, oferece controles de estabilidade e tração, seis airbags, sensores de estacionamento na frente e atrás e regulagem de altura dos faróis. O conforto é garantido também pelo nível de equipamentos: ar automático bizona, retrovisores rebatíveis eletricamente, controle de cruzeiro e som com entrada USB, SD card, Bluetooth e comandos no volante. Teto-solar, couro, retrovisor eletrocrômico e sensor de luminosidade são opcionais fáceis de achar. O porta-malas é o destaque, com 505 litros.

SOBRE
6 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Silas 17 de fevereiro de 2021

Boa tarde!
Gostaria do contato porque me interessei por um automóvel

Avatar
marcus 2 de abril de 2020

Não gosto dos Veículos da GM. Mas, é melhor pagar 59 mil em um Onix automatico ou 61 mil em um Ford Ka Hatch Automatico.
Resto de rico é fris.

Avatar
Celio Santos 2 de abril de 2020

Gente, esta lista mostra bem a crueldade que é o mercado de autos usados no Brasil, tem algumas “bombas” que não valem o que custam, dão muito problema. Na Argentina nuestros hermanos pagam R$ 43.000 por carro automatico como um Logan 2019 ou em Portugal vc compra um Mercedes Classe A 150 ano 2005 por R$ 40.000, sem comparação com os beberrões problematicos Jetta ou o Fusion da lista.

Avatar
Leandro 2 de abril de 2020

Se colocaram o Civic 2008, por que não o Honda Fit EX AT 2008, com câmbio CVT? A última versão do Old Fit com o melhor custo X benefício desse modelo, super econômico, motor 1.5 e anda bem em qualquer lugar… Está na faixa de R$25.000 a R$28.000… Como proprietário de um Fit, não trocaria meu carro por nenhum desses citados acima!

Avatar
everton 2 de abril de 2020

somos 2

Avatar
Marcelo 1 de abril de 2020

Ótima lista. Eu sou um dos que sentem falta das station wagons!!

Avatar
Deixe um comentário