Diesel S10 está estragando os motores? Negativo! O problema não é ele

Diesel S10 é mais limpo e a sua principal diferença em relação ao anterior é a quantidade de enxofre; o problema está no biodiesel

diesel s10 foto fabio rodrigues pozzebom agencia brasil
Bomba com diesel S10 já é mais comum nos postoso (Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom | Agência Brasil)
Por Boris Feldman
17 de novembro de 2021 19:15

Não vamos confundir alhos com bugalhos: tem um pessoal aí rodando com carros diesel, que são SUVs, picapes, jipes e até caminhões e ônibus. Quando dá um problema no motor, filtro entupido e outras complicações, chega na oficina e o mecânico diz: “pois é, o diesel S10 é que está provocando isso.”

VEJA TAMBÉM:

Nas, diesel S10 já existe há uns 6 ou 7 anos. Esse S10 quer dizer 10 ppm, ou partículas de enxofre por milhão. Pois “S” é o símbolo de enxofre. Antes tinha uma proporção muito maior de enxofre, de 500 ppm, mais danoso à atmosfera, poluição muito maior.

Diesel S10: muito mais limpo

O diesel S10 só veio contribuir, por ser um diesel muito mais limpo que o S500. Então, recentemente, os motores diesel começaram a dar uns problemas, nós já comentamos aqui, não por ser S10, mas pela proporção do biodiesel.

Vamos começar defendendo o biodiesel. Ele é limpo, feito a partir de vegetais, soja e  outros. Porém, há um problema no limite do biodiesel colocado no diesel. Ele foi subindo devagarzinho nos últimos anos por um acordo entre governo e produtores, e chegou a 10%. Até aí os motores estavam funcionando sem problemas.

Quando se foi além dos 10% e chegando aos 11%, 12% até 13% no começo desse ano, aí, sim, o biodiesel começou a provocar problemas nos motores: filtro entupido, bomba injetora com problemas, borra porque ele decanta. O biodiesel é higroscópico, ele absorve a umidade, ou seja, água da atmosfera, e acaba decantando no tanque, no depósito.

Este é um problema que está acometendo motores nos últimos tempos, de um ano para cá. Então, não tem nada a ver com o diesel S10 – que é mais limpo – e nem a ver com o próprio biodiesel. Ele é um excelente combustível, uma boa solução para se começar a alternar o combustível fóssil, o diesel que vem do petróleo.

Porém, o biodiesel tem que estar limitado a um certo percentual. Acima desses 10%, por enquanto, ele provoca problemas.

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook Twitter Twitter Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
SOBRE
3 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Edson Esteves 31 de janeiro de 2022

As bombas injetoras de alta pressão dos motores eletrônicos são lubrificadas pelo próprio diesel, o que faz o diesel ser lubrificante é o enxofre, tanto que o biodiesel que poder ser de origem vegetal ou animal (sebo) é adicionado tanto no S10 quanto no S500, mas somente o S10 causa problemas nos motores por falha na lubrificação das bombas, portanto o S10 é sim um problema. Salvo bombas mecânicas Bosch que são lubrificadas por óleo lubrificante próprio, as outras são afetadas pelo S10

Avatar
aidil jose fernanes 18 de novembro de 2021

Pô, se é o bio combustivel que tem nele, é o S10 sim que está estragando os carros, obvio. Que conversa prá boi durmir. Àcho absurdo quando o Feldman diz que nossa gasolina é otima, ricdiculo, quando é acrescida de etanos, vira bomba, então nossa gasolina é boa prá exportação, aqui é porcaria, simples. Desculpe Feldman, mas é assim que penso.

Avatar
Nanael Soubaim 18 de novembro de 2021

Até encontrarem um aditivo hidrofóbico viável, a regra é abastecer com o mínimo necessário e não deixar o diesel com óleo vegetal esquentar lugar no tanque.

Avatar
Deixe um comentário