Precisa só de dois pneus novos para o seu carro? Então veja 7 dicas

Se o veículo estiver com dois pneus ruins e dois bons, não há necessidade de substituir os quatro; porém, é preciso ter atenção a alguns detalhes

Por AutoPapo 29/06/18 às 15h17
iStock 60267058 LARGE

Seu carro está com dois pneus gastos, mas os outros dois ainda estão bons? Pois saiba que é possível comprar só um par de pneus novos para substituir apenas os que estão desgastados; só é preciso trocar os quatro componentes se todos eles estiverem em más condições.

Todavia, é preciso ficar atento a alguns procedimentos e ter cuidados na hora da compra e da instalação.

LEIA MAIS:

Confira 7 dicas para ficar seguro!

1. Pneus novos devem ser colocados na traseira

Ao contrário do que muitos pensam, os pneus novos devem ser colocados no eixo traseiro. Por um simples motivo: se ocorrer perda de aderência ou algum outro problema com um dos pneus dianteiros, o motorista tem o volante para controlar o carro.

Se é no eixo traseiro, ele vira “passageiro”, pois não tem nenhum controle da situação.

2. Faça o rodízio da maneira correta

Ao colocar os pneus no eixo traseiro, os que lá estavam devem ir para a dianteira do mesmo lado, se o carro tiver tração traseira. Se a tração for nas rodas dianteiras (é esse o caso da maioria dos modelos), os traseiros vão para a frente em “X”, invertendo os lados.

Precisa só de dois pneus novos para o seu carro? Então veja 7 dicas

Se o veículo tiver tração nas quatro rodas, transfira os pneus da traseira para a dianteira invertendo os lados, ou seja, em “X”.

3. Pneus unidirecionais têm que ser mantidos do mesmo lado

Se os pneus forem do tipo unidirecional, jamais mude seu lado: isso porque eles têm um sentido único de rodagem, que foi previsto em projeto e não pode ser alterado. Na hora de fazer o rodízio, troque os dianteiros pelos traseiros sempre do mesmo lado.

4. Faça o balanceamento dos pneus novos

Rodas que receberam novos pneus devem ser balanceadas.

Precisa só de dois pneus novos para o seu carro? Então veja 7 dicas

Mas só há necessidade de alinhamento se estiver na quilometragem recomendada pelo manual do veículo ou se o desgaste das bandas de rodagem tiver sido irregular.

5. Mantenha os pneus calibrados

Além de ter pneus em bom estado, o veículo precisa estar corretamente calibrado.

Isso traz vantagens tanto para a dirigibilidade quanto para a durabilidade. Muitos carros pedem calibragem diferente entre pneus dianteiros e traseiros. Lembre-se de ajustá-la depois de fazer o rodízio.

6. Pneus novos podem ser de outra marca

Os novos pneus não precisam, necessariamente, ser da mesma marca e do mesmo modelo dos outros dois que serão mantidos no veículo.

Porém, é essencial que os dois substitutos sejam idênticos e que os quatro tenham as mesmas medidas e especificações (menos em veículos que utilizam componentes de medidas distintas em cada eixo, o que é muito raro: costuma ocorrer apenas em superesportivos).

Cada par de pneus iguais precisa ser mantido sempre no mesmo eixo, para não comprometer a dirigibilidade do veículo.

7. É possível aproveitar o estepe

Quer comprar apenas um pneu e aproveitar o estepe para completar o par? Pode, desde que seja verificada, em primeiro lugar, sua data de fabricação. Se tiver mais que cinco ou seis anos, deixe-o lá, como sobressalente.

Além disso, lembre-se de comprar o segundo pneu da mesma marca e com especificações idênticas às do estepe.

Fotos iStock | Reprodução

22 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Thiago Martins 15 de novembro de 2020

Eu coloquei no meu carro (Polo Comfortline TSi) 4 pneus 195/55R15 da marca Nexen modelo NPriz. Fiz a troca a menos de 1000 km e um deles veio a rasgar perto da borda da roda e não é possível fazer vulcanização e não achei o mesmo pneu pra comprar pois na pneufree está em falta mas vi no site os Goodride e vi que a banda de rodagem é muito semelhante e as diferenças são quase imperceptíveis, minha dúvida é: posso colocar esse Goodride pra fazer par com esse Nexen? Ou fazer o mesmo com o estepe e conseguir um par semelhante para ele.

AutoPapo
Felipe Boutros 16 de novembro de 2020

olá, Thiago.
Não é recomendando, pois não é só o desenho da banda que influencia no desempenho do pneu: estrutura e tipo de borracha são parte disso.
Obrigado

Avatar
Marcelo 17 de junho de 2020

Meu carro usam o Pirelli P1. Posso deixar um P4 no estepe?

AutoPapo
AutoPapo 17 de junho de 2020

Olá, Marcelo.

Não há problemas, lembrando que ele deve ser usado em deslocamentos curtos e que pneus diferentes em um mesmo eixo podem modificar o comportamento dinâmico do carro

Avatar
paulo 13 de abril de 2020

Boa tarde
tenho um pneu pirele semi novo posso comprar um novo igual pra fazer par colocando no dianteiro
alguém me falou que ter quer os par novo porque pede estabilidade e fato

Avatar
CARLOS EDUARDO DE OLIVEIRA 4 de março de 2020

“Cada par de pneus iguais precisa ser mantido sempre no mesmo eixo, para não comprometer a dirigibilidade do veículo.”

Se for 2 pares de modelos diferentes (P1 e P4 da Pirelli, por exemplo), pode ser feito o rodízio?

Avatar
Leila Bianchi 28 de janeiro de 2020

Estou trocando somente os pneus traseiros, preciso balancear e alinhar os quatro pneus?

Avatar
Marcelo Abrão 16 de março de 2019

Gostaria de tirar uma duvida, posso colocar um par de pneus 195 55 16 sendo que os outros dois são 195 50 16?

Avatar
Marcos 22 de fevereiro de 2020

Sim

Avatar
Osanam Giordane 31 de janeiro de 2019

O Auto Papo está correto, pneus novos atrás, veja a matéria do G1 no Campo de prova da Pirelli.

https://www.youtube.com/watch?v=W8ieA0DZmN8

Pneus novos atrás para ter maior controle! Mito quebrado e parabéns ao Auto Papo.

Avatar
carlos henrique 17 de janeiro de 2019

tenho pneus aro 20 em minha hilux e até hoje não encontrei uma resposta confiável para calibrar.

Avatar
jose geraldo soares 22 de outubro de 2018

Já tinha conhecimento do comentário do Bob Sharp, muito bem embasado tecnicamente. Tive a necessidade de trocar apenas 2, e os coloquei na dianteira. Que cada um leia as matérias existentes, tire as conclusões e faça o procedimento que lhes trará mais segurança.

Avatar
Luis Santos 5 de julho de 2018

Sei que o conceito atual, quando da troca de dois pneus, é colocá-los no eixo traseiro. Isso já rendeu muito pano pra manga. E alguns especialistas, como o Bob Sharp, ainda defendem o contrário: 2 pneus novos? Que fiquem no eixo dianteiro.

Dado a grande gama de opiniões apontando para o eixo traseiro, deixando o Bob como virtualmente o único defensor do eixo dianteiro, tendo a me inclinar em adotar o conceito da maioria. Eixo traseiro!

Avatar
lamh 6 de julho de 2018

No momento de derrapagem numa curva é mto mais fácil controlar o carro com pneus novos na frente e mais desgastados atrás. Quando sobra a traseira na curva fica fácil corrigir, mas qdo sobra a dianteira é mais complicado. Concordo plena mente com Bob Sharp, pneus novos sempre na dianteira.

Avatar
Emilson Cesar da Silva 16 de junho de 2019

Espere estourar um pneu para vc q ocorre com pneu ruim na traseira…

Avatar
Emilson Cesar da Silva 16 de junho de 2019

Bob Sharp é um imbecil…ele é piloto e nao engenheiro…e ele sempre pilotou carros contraçao traseira…

Avatar
Gabriel Pereira 1 de julho de 2018

Discordo da primeira (dica): como vou ter controle da direção se os pneus estão lisos?

Avatar
Neilson 23 de novembro de 2018

Se os pneus estiverem lisos troque os quatro !!!

Avatar
Rodrigo 26 de fevereiro de 2019

Esse é o ponto também, se você tem pneus novos na frente, tem uma falsa sensação de segurança que pode fazer exceder os limites dos traseiros e vai sair de uma vez sem nem perceber, do contrário, se tiver mais gastos na frente, vai trabalhar nesse limite que é o que sente melhor no volante, se mantendo longe do limite dos pneus traseiros.

Avatar
Emilson Cesar da Silva 16 de junho de 2019

Burro….ele nao nao falou em pneu liso…é RODIZIO de pneu AINDA em bom estado…

Avatar
Emilson Cesar da Silva 16 de junho de 2019

O eixo contrario ao da traçao, é sempre o responsavel pelo “leme” do carro, é o que mantem estabilidade em caso de falta de traçao, estouro ou ate perda da roda…ocorre que mesmo sem roda,se consegue direcionar o carro pois os pneus novos no eixo contrario manteram o carro na sua direcao inercial….se estiverem ruins o carro dança, derrapa,etc…ou seja perda total de controle…com pneus novos no eixo contrario ao da traçao, ainda tem uns 60% de controle…

Avatar
Rodolfo 29 de junho de 2018

Prezados, boa tarde!
… Ótimo texto, parabéns!
… Eu prefiro fazer o rodízio dos pneus para então trocar na mesma hora os 4 pneus, assim eles terão envelhecido por igual e terão gastado por igual. É o tal do custo vs benefício… quatro pneus novos e aderência e seguranças nas quatro rodas.
Abraços,

Avatar
Deixe um comentário