DPVAT 2024: muitas dúvidas e poucos esclarecimentos

Volta da cobrança do DPVAT em 2024 já era prevista desde 2020 e abono não foi um presente do governo anterior para o contribuinte

Aproximadamente 100 mil pessoas aguardam a indenização do seguro DPVAT
Caixa não deveria ser responsável pela gestão do dinheiro do DPVAT (Foto: Arquivo AutoPapo)
Por Boris Feldman
Publicado em 22/11/2023 às 19h03

E quase ninguém entendeu a crítica que eu fiz sobre o DPVAT! Eu comentei sobre o projeto de lei que o governo mandou para ser aprovado pelos parlamentares, passando definitivamente para a Caixa Econômica Federal a responsabilidade de administrar o DPVAT, Seguro obrigatório que indeniza vítimas de trânsito. Um dos problemas que eu mencionei é de a Caixa não ser uma seguradora, mas um banco.

E voltou uma chuva de comentários argumentando que a Caixa tem sim uma seguradora. Sim, eu sei que tem, mas não é quem toma conta do DPVAT. Que, aliás, passaria a se chamar SPVAT a partir de janeiro de 2024, caso o projeto seja aprovado. No final de 2020, quando a Susep investigou e descobriu todas as pilantragens da Seguradora Líder, então responsável pelo DPVAT, transferiu a responsabilidade provisoriamente para a Caixa Econômica Federal e também para ela, os R$ 4,5 bilhões que a Líder tinha em caixa.

VEJA TAMBÉM:

Então, em primeiro lugar, não é a seguradora dela a responsável pelo DPVAT, mas a própria Caixa. E aí é importante esclarecer que a Caixa não é fiscalizada pela SUSEP, Superintendência de Seguros Privados, mas pelo Banco Central, que nada tem a ver com as companhias de seguros, mas com a rede bancária.

DPVAT 2024 não deveria estar com a Caixa

Vale lembrar que, ainda que fosse a seguradora da Caixa, o contribuinte brasileiro estaria sendo lesado em seu direito de optar pela companhia de seguros que melhor lhe convier. E forçado a pagar para a Caixa Federal, que, repito, nem seguradora é, o que configura um monopólio estatal.

E o governo, na prática, passa a considerar o DPVAT como um imposto. E não é nada disso. Nem tem o menor sentido defender a Caixa como administradora de um seguro pago pelo dono do veículo. Aliás, vale a pena entrar no portal Reclame Aqui, que desclassifica a Caixa Federal por não responder os problemas apresentados naquele site pelos prejudicados por ela.

Não tem porque o seguro de vítima de trânsito não ser como o do seu carro ou da sua casa. A decisão é do dono. Em segundo lugar, quase ninguém entendeu porque não se cobrou o DPVAT por três anos, de 2020 ou 2023, que a imprensa atribui a uma gentil decisão do governo anterior. Nada disso. Não se cobrou o seguro obrigatório porque a Caixa Federal recebeu no final de 2020, os R$ 4,5 bilhões que sobravam na Seguradora Líder.

Suficientes para indenizar as vítimas de trânsito durante esses três anos. Mas a grana acaba em 2024 e por isso, o seguro terá novamente que ser pago. Não tem governo bonzinho nem mauzinho nessa história. Em resumo, está tudo errado e o brasileiro vai sair novamente perdendo por uma nebulosa e mal explicada decisão do atual governo.

Newsletter
Receba semanalmente notícias, dicas e conteúdos exclusivos que foram destaque no AutoPapo.

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook X X Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
SOBRE
3 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Lucas 19 de janeiro de 2024

Sofri acidente em 2024 pelo aplicativo da caixa não estou conseguindo solicitar,fala q a caixa não está autorizada a receber os acidentes desse ano

Avatar
José Gercione de Siqueira 26 de novembro de 2023

Realmente não tem governo bonzinho. E esse aí faz questão de da com uma mão e tirar com as duas ainda puxa com os pés!

Avatar
Dimmy 24 de novembro de 2023

Qual valor do DPVAT? Menos de seis reais por ano, não é

Avatar
Deixe um comentário