Isenção de IPVA para PcD pode ser praticamente extinta em São Paulo

PL que quer alterar os parâmetros da dispensa será votado pelos deputados estaduais; Abridef protocola Ofício contra a proposta do governador João Doria

Por Laurie Andrade 21/08/20 às 14h14
cadeirante de brinquedo em cima de moedas e notas
Aproximadamente 95% dos carros PcD podem perder a isenção de IPVA (Foto: Shutterstock)

Está em tramitação, na Assembleia Legislativa de São Paulo, o Projeto de Lei 529/2020, de autoria do Governo do Estado de São Paulo, que pretende equilibrar as contas públicas e – para isso – quer alterar a política de isenção do Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) para pessoas com deficiência (PcD).

Caso seja aprovado pelas Comissões de Constituição, Justiça e Redação; Administração Pública e Relações do Trabalho e pela Comissão de Finanças, Orçamento e Planejamento, o texto reduzirá a dispensa do tributo às pessoas com deficiência grave que tenham carros adaptados e excluirá as deficiências visuais, intelectuais/mentais e Síndrome de Down das doenças elegíveis à isenção.

LEIA MAIS

pcd impostos isencao
Abridef calcula que 95% dos carros PcD podem perder a isenção de IPVA (Foto: Shutterstock)

A proposta apresentada pelo governo paulista prevê “critérios mais adequados para a isenção para veículo de propriedade de PcD”.

O texto do projeto exclui o trecho “deficientes visuais e mentais como beneficiários da isenção” da Lei Estadual 13.296 de 2008 e mantém “pessoas com deficiência severas ou profundas que tenham carros adaptados“. Mas, de acordo o presidente da Associação Brasileira da Indústria, Comércio e Serviços de Tecnologia Assistiva (Abridef), Rodrigo Rosso, “as pessoas com deficiências severas ou profundas normalmente não são condutoras e não necessitam carros adaptados para dirigir”.

Por essa razão, a Abridef protocolou o Ofício nº 97/20 na Assembleia Legislativa e publicou o documento no Diário Oficial do Estado de São Paulo. No texto, a instituição solicita que o segmento das Pessoas com Deficiência seja ouvido pelos Deputados Estaduais. “Gostaríamos de, enquanto entidade representativa, apontar problemas que constam no projeto original, e que, em sendo aprovados, vão prejudicar mais uma vez essas pessoas que já sofrem com tanta falta de apoio e estrutura”.

Em nota, o Governo de São Paulo afirma que “a isenção de IPVA para PcD está mantida. O Detran terá um cadastro destes indivíduos e dos seus veículos adaptados”. O cadastro, diz o comunicado, tão somente permitirá que o benefício seja dado aqueles que devem recebê-lo, portanto não há nenhum descumprimento de Lei Federal, ao contrário, o benefício chegará àqueles que necessitam.

Para o presidente da Abridef: “o fato dos veículos adaptados serem cadastrados no Detran garantindo a isenção prejudicará a imensa maioria das pessoas com deficiência que tem o direito à isenção, pois nem 5% dos veículos comprados com o benefício precisam de alguma adaptação específica para atender a necessidade do usuário com deficiência. Na maioria dos casos o câmbio automático e a direção hidráulica atendem essa necessidade e não são consideradas adaptações”, finaliza Rosso.

De acordo com a Secretaria da Fazenda, em 2019, foram concedidas 304,5 mil isenções de IPVA para condutores PcD, com impacto de R$ 563,5 milhões em imposto.

“A proposta de exclusão da isenção de IPVA para PcD proprietárias de veículos com problemas visuais e mentais é equivocada e injusta do ponto de vista social. As pessoas com deficiência se defrontam com inúmeras barreiras que limitam a sua circulação e o acesso a serviços de transporte. O benefício que se pretende restringir mitiga essa condição pela desoneração de custos de manutenção de veículo próprio. É inegável a necessidade de revisão dos critérios de concessão do benefício, mas é inadmissível que o ajuste exclua parte os legítimos detentores deste direito”, completa José de Araújo Neto, Presidente da Associação Amigos Metroviários dos Excepcionais (AME).

SOBRE
74 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Wanderle S. 8 de janeiro de 2021

Como fica os que compraram veículo anterior a essa canetada? Perco um direito adquirido consolidado pela Constituição?

Avatar
Edson 5 de janeiro de 2021

Todas as empresas que alugam automóveis para terceiros e empresas, lançaram no IR 2020, que lucraram mais com a venda dos veículos do que com o aluguel dos mesmos, e todas compram com isenções fiscais que atingem 25% do valor de compra do veículo zero Km. Ora, onde está a ética nessa operação? Extingue-se o benefício para este tipo de empresa. Onde está a coragem da Fazenda Estadual?

Avatar
Pedro 1 de janeiro de 2021

Único jeito é pedirmos pra senadora Mara gabrilli e major Olímpio
Nos ajudarem
Pedindo para os mesmos fazerem um abaixo assinado para a população
E pedir o cancelamento dessa cobrança de ipva dos pcd
Que o ditadorzinho (doria)
Nos
Impôs

Avatar
Tania Regina de Andrade 30 de dezembro de 2020

Sou obrigada a comprar um carro automático por ter sequelas de um câncer de mama, pago bem mais caro no carro e agora terei que pagar IPVA?
Porque não tiram o IPVA de quem realmente faz uso indevido, eu tenho laudo médico estou sendo prejudicada entrarei com uma ação contra o governo Dória.

Avatar
Jose 30 de dezembro de 2020

Fora urgentemente CoronaDoria

Avatar
Valmir 30 de dezembro de 2020

Minha esposa é não condutor e tem direito da isenção do IPVA, ela teve 7 AVCs, tem comprometida 70% da visão, não consegue mais dirigir, e foi cancelado a isenção do IPVA, como proceder nesse caso? Nas páginas oficiais quando entro da falhas.

Avatar
Pascual 30 de dezembro de 2020

O grande problema é que a maior parte do povo ainda não aprendeu a votar!

Votam em ideias liberais que só ferram o povo e que só favorecem os mais ricos.

É isso aí, décadas de Tucanos no poder em SP!!!

Até quando continuarão tirando os nossos direitos?

Avatar
Pascual 30 de dezembro de 2020

Pelo que notei pesquisando, nossa única saída é entrar com uma ação judicial em grupo, pois, esse decreto além de “discriminatório” é “inconstitucional”.
Se pagarmos a 1ª parcela para depois pedir revisão, de certo, perderemos a isenção do IPVA.
A observação que consta na minha CNH é: D (carro automático) e F (direção elétrica/hidráulica), no meu caso, perderei de certo como certos advogados já afirmam!!!
São tão safados que só ontem, 29/12/2020, recebi um e-mail da SF me avisando para dar uma olhada no site da Secretaria.
Espero ter ajudado a todos vocês
Bom final de ano se ainda o teremos…

Avatar
Rachel 9 de janeiro de 2021

O meu tbm e df e veio cobrando o ipva, não fui notificada em nada, como fazer ?

Avatar
clarino 29 de dezembro de 2020

DORIANA VAI TER TROCO.

doria vai ter troco

Avatar
Robis 24 de dezembro de 2020

O Legislativo forçando o povo a buscar o judiciário. É o jeito! Quem se sentir prejudicado, deve acionar o estado na justiça. A câmara municipal concedeu um aumento de quase, sonoros, 50% para o Sr. Bruno Covas. Veja ai quem esta pagando essa conta, quem esta pagamento o aumento do Sr Bruno! A população que precisa!!! Quem no Brasil teve aumento??? Quem no Brasil teve um aumento na margem de 50%??? LAMENTAVEL, chega ser REVOLVANTE.

Avatar
MARCOS 17 de dezembro de 2020

Além de perdermos a isenção, estamos sendo pego desprevenidos , sendo isento , quem contava com um inicio de ano tendo que pagar IPVA , muitos pegaram carro zero e o valor do IPVA vai ser em torno de 2.000 a 2.500 ou até mais dependendo do carro , como pode uma cobrança repentina sem menos o cidadão ser prevenir monetariamente? Então se isenção de IPVA não é de direito , que façam a coisa correta, um aviso geral e que inicie em 2022 pra podermos nos programar. Apesar de que é uma tremenda discriminação já que se leva em consideração a letra da CNH e não o CID de cada condutor pois um deficiente com a perna direita faz adaptação e tem isenção , já o deficiente com a perna esquerda paga um pouco mais e adquire um veiculo já automático de fábrica pois hoje a adaptação fica quase que no valor de um carro com cambio automático e pra não ter que adaptar uma embreagem automatizada que inclusive é falha, não funciona 100% e sempre dá defeitos, o cidadão então adquire um veículo já com cambio automático que lhe atenda as suas necessidades aí um “mestre” no assunto diz que carro automático não dará isenção ao deficiente . Espero que autoridades judiciais tomem providências.

Avatar
Maria Inês Lobo de Lima 16 de dezembro de 2020

Que absurdo. será que ainda vai candidatar se a presidente da República em 22? Deusolivre. Aff!

Avatar
Francisca Dourado Pires de Souza 12 de dezembro de 2020

Esse Doriana deu foi um tiro no pé, não vai ser mais nem zelador de cemitério. Porque não põe fiscalização pra saber quem tem realmente direito.

Avatar
Lourdes 8 de dezembro de 2020

0 governo de São Paulo pode considerar a derrota dele se ele tirar os direitos dos deficientes! Isso é uma vergonha porque ele não diminui o salário dele?

Avatar
Maria Lucecleide Nobre Fiuza 24 de novembro de 2020

Isso é um discado. Se há fraudes, quem fiscalizem. Tive que ouvir de um perito do DETRAN que teria que tirar uma nova habilitação com deficiência,que não ficasse triste porque teria isenções e agora isso? Como se eu ficasse preferisse ter limitações só para ganhar isenções. Isso é uma vergonha e também mostra um péssima gestão governamental.

Avatar
LUIZ CARLOS SANTOS 6 de novembro de 2020

Essa situação vai ficar ridícula para aqueles que agem dentro da lei

Avatar
Wagner 3 de novembro de 2020

Governo só ferra o povo

Avatar
Malu 28 de outubro de 2020

Penso que esse direito vem diminuir as inúmeras injustiças sociais que as pessoas com deficiências possuem. Se este direito for perdido será mais uma imensa injustiça que o poder público causará nesta população.

Avatar
HELIANA 3 de novembro de 2020

É UM ABSURDO O QUE FAZ ESSE DÓRIA…E OS DEPUTADOS AINDA VOTAM À FAVOR DESSE “ESCÁRNIO”CONTRA O “PAGADOR DE IMPOSTO’ DEFICIENTE. MARIDO É DEFICIENTE VISUAL, TEM DEGENERAÇÃO VISUAL, DOENÇA QUE NÃO TEM CURA…JÁ NÃO TEM CNH HÁ MAIS DE 15 ANOS…EU QUE DIRIJO AQUI EM CASA…ALÉM DE SER APOSENTADO E PAGAR AINDA IMPOSTO DE RENDA, VAI TER QUE ARCAR COM IPVA, GANHANDO 4000,00 DO INSS…LAMENTÁVEL.

Avatar
Lourdes nunes 10 de novembro de 2020

Acho um absurdo tirar um direito adquirido,isso é justo?temos direito,pq tirar? Governo já não tem mais noção de tanta roubalheira,ganham muito e ainda quer prejudicar o “deficiente”?

Avatar
Cesar 25 de outubro de 2020

Esse é o caso do meu filho. Tem coisas que só o Doria faz por voce. Menos terminar por exemplo o monotrilho que já deveria estar pronto

Avatar
Paulo 23 de outubro de 2020

Os governantes deveriam , cortar na propria carne, e fazerem economia na administração publica , eles nao produzem absolutamente nada , só gastam , e ao inves de reduzirem as suas despesas , querem aumentar a receita., tirando os beneficios de quem tem direito e precisa,
Os Estados Unidos tem 1 Senador por estado , aqui no Brasil são 3 , e cada um tem 74 funcionarios… dá pra acreditar…, só no senado são 6000 funcionarios, se todos forem trabalhar nem vão caber no senado, imaginem só o valor gasto em salarios,
Uma tremenda má administração e Nós é que pagamos a conta .

Avatar
Mauricio a de freitas 20 de outubro de 2020

Gostaria de saber se quem ja tem o veiculo vai passar a pagar o ipva o só daqui p frente, vai valer o direito adquirido?, sou aposentado por invalidez, fiz 2 cirurgias na coluna, tenho placa pinos e oito parafusos na coluna (pescoço) apesar de tomar muitos remédios p dor consigo dirigir meu propio veiculo, será q terei q pagar ipva?, meu carro é 2019/2020

Avatar
Rosana 14 de dezembro de 2020

Pelo que entendi vamos perder o diteito sim amigo ☹️😭

Avatar
Vanderlei 29 de dezembro de 2020

Todos foram tirado o direito, vamos ter que pagar, Eu era isento desde 2013, já verifiquei vou ter que pagar mas de 2500 reais

Avatar
Wilson 17 de outubro de 2020

Estou na dúvida.
Quem já esta isento de pagar IPVA (por exemplo quem já não pagou no ano de 2020), não teria direito adquirido, ou seja, não pagaria mais IPVA?

Avatar
MARCIA 11 de dezembro de 2020

Vai perder

Avatar
Danieli Tavares 16 de outubro de 2020

Vergonhoso, aposto q quem vota uma PL dessa não tem deficiente na família, acho q deviam dar pra quem realmente é pcd, parar de dar isenção pra todo mundo e dar todas pra quem precisa,

Avatar
Adham 16 de outubro de 2020

Este Doria eh um imbecil…
Sabe quanto custa tratar uma crianca autista?? o MINIMO eh ter o desconto do ipva, ja que os pais precisam levar quase que diariamente a crianca para terapias com psicologo, fono e terapia ocupacional…
Como uma CRIANCA deficiente com sindrome de down nao vai ter isencao de ipva?? me diz que governador eh este???????????

Avatar
Amador Kathe Goria Bhe 14 de outubro de 2020

Onde foram parar os respiradores comprados pelo Sr. Doria?
Superfaturados!
Fora os EPIS comprados em lojas de livros

Avatar
Joao Silva 4 de outubro de 2020

Já presenciei veículo de PCD no valor de quase 1/2 milhão se reais. Sabem quanto paga de IPVA? “””””ZERO””””

É justo isso?

Avatar
Elisângela 9 de outubro de 2020

Olá. Vc está equivocado. Somente não paga IPVA, de acordo com a lei, os carros Pcd que não ultrapassem o teto de 70 mil. Os demais pagam normalmente.

Avatar
Edilson 3 de dezembro de 2020

provavelmente alguém que votou em Dória, vc está corretíssima Elisângela, passou de e Real a mais do valor teto de 70 mil, irá pagar IPVA integral, e não somente do valor que exceder. Pior que ainda terá muito PCD que irá votar neste cara em 2022, depois são os que mais reclamam, bora acordar meu povo,

Avatar
Walkiria 11 de outubro de 2020

Para ter direito a isenção, os veículos tem teto máximo para compra, inclusive, parece que esse teto iria passar de 70 para 90 mil, não tenho ctz se já aumentou o valor. Portanto tem alguma coisa errada na sua informação.

Avatar
EDILSON 3 de dezembro de 2020

se estão tirando seus direitos, acha que iriam aumentar o teto?

Avatar
Kaka 14 de outubro de 2020

Só tinha isenção veículos de até R$70 mil. Se informe antes de postar.

Avatar
Marta Monhoz 14 de outubro de 2020

Melhor o senhor se informar melhor, o teto para isenção de IPVA é de R$ 70.000,00
Antes de postar algo, se informe ok

Avatar
ROBSON CARVEJANI 14 de outubro de 2020

Apenas são isentos de IPVA no estado de São Paulo veículos que tem o seu valor até 70.000,00 Que com os descontos ficam por volta de 58.000,00, não procede sua observação amigo.

Avatar
Sérgio 14 de outubro de 2020

O teto para Isenção de IPVA em São Paulo é de 70 mil reais de valor venal, passando disso se paga o IPVA.

Valor de aquisição com Isenção de IPI, ICMS e COFINS tbm tem o teto de 70 mil para obter isenção.

Por tanto, quem for comprar o suposto carro de meio milhão, não terá subsídio e/ou isenção alguma.

Avatar
Paulo 15 de outubro de 2020

Não é verdade!!!
Isenção de IPVA somente para veículos com valor até 70 mil.
FAKE

Avatar
Danieli Tavares 16 de outubro de 2020

Será???? Pq sp carro de valor maior 70mil já paga IPVA, eu acho q deviam é cortar o benefício de quem não precisa, agora tirar de quem realmente precisa é uma palhaçada

Avatar
PCD 23 de outubro de 2020

VC ESTA ENGANADO AMIGO OU NÃO CONHECE A LEI DE ISENÇOES EM SÃO PAULO SO SE DA ISENÇÃO DE IPVA A CARROS COM VALORES ATE 69.999.99

Avatar
Fabiano 7 de novembro de 2020

Vc está mal informado amigo o teto para desconto de ipva, são carros de até R$ 70.000,00 !!!! Se informe primeiro pra depois emitir opinião !!!

Avatar
Flavia 3 de outubro de 2020

O que deveria mudar era os salários desses políticos corruptos q tem a aqui no nosso Brasil! Deveriam ganhar
Um salário mínimo , não ter regalia nenhuma e nem plano de saúde ! Aí sim iria ter bem mais verbas para o governo fazer mais coisas para o povo ! Aí não iria ter mais tanto políticos ! E deixar o que é direito dos PCDs!

Avatar
Raphael Sanches 12 de setembro de 2020

Como protestar contra este trecho do projeto? Absurdo total, retirar um. Direito adquirido

Avatar
Fabio Maehana 17 de setembro de 2020

Já tentei! Já passei e-mail
Para todos os deputados estaduais!

Avatar
EDILSON 3 de dezembro de 2020

nossa única arma seria não ter votado neste governo, mas…….

Avatar
Mércia Ovigli 10 de setembro de 2020

Para equilibrar as contas do governo do Estado de São Paulo é só diminuir o nr de políticos desnecessários e onerosos que compõe o governo, simples assim.

Avatar
João Marcos Rodrigues de Souza 9 de setembro de 2020

Para equilibrar as contas, por que não diminui a quantidade de políticos??

Avatar
Mariade Fátima Souza Barros 3 de setembro de 2020

Absurdo os Deputados deixar esse direito adquirido ao PCD, são limitações que deficiência e gostaríamos que todos que possuem PCD faça algo!!ABSURDO pois é mínimo a isenção!! vamos lutar para não tirarem João DORIA péssimo governante e não pensa no proximo

Avatar
Alcino c.junior 29 de agosto de 2020

Ipva pelo que falam é um direito adquirido pela pessoa com deficiência, acho que o governo teria que ajudar mais os planos de PCD isso que está movimentando as fábricas de automóveis e gerando vários empregos em fábricas e concessionárias o governador seu Doria deveria pensar bem antes de tirar esses direitos e dar mais incentivo e aumentar o teto de 70mil reais pois as eleições está aí e tem muitos PCDS que votam, então e melhor refletir antes das decisões!

Avatar
Paulo Eduardo 10 de setembro de 2020

Concordo em gênero e número com o seu comentário.
Quanto ao valor também acho que deveria aumentar, são quase 20 anos e o valor está totalmente defasado.

Avatar
Claudio Grunwald 25 de agosto de 2020

Infelizmente aqueles que realmente precisam, vão pagar por conta dos oportunistas, que por conta de uma pequena bursite ou qualquer outro pequeno problema, se sentem no direito de utilizar esse benefício, fazem artimanhas para pagar mais barato. Eu não acho justo eu pagar IPVA, o o cidadão que se acha PCD não pagar. Isso virou uma festa, que de alguma maneira, e sem querer generalizar abre caminhos para fraude e corrupção. Chegou a hora de restringir e fiscalizar melhor esses oportunistas que se aproveitam, e prejudicam quem realmente precisa. Porém acho justo cobrar o IPVA.

Avatar
WALKIRIA APARECIDA FAHL 11 de outubro de 2020

Cláudio, vc só acha justo o pagamento de IPVA, porque não se enquadra em nenhuma condição. As pessoas são realmente o câncer do mundo, pq se vc ou qualquer parente chegado tivesse direito, essa não seria sua opinião. Hipócrita!

Avatar
Joao 21 de outubro de 2020

Concordo plenamente, compram até 70.000 depois enchem de acessórios e gastam mais 30.000, conheço um que faz maratona, joga futebol e musculaçao

Avatar
Antonio Donizeti Martins 23 de agosto de 2020

Meus Caros,
Temos que sustentar um estado inflado de políticos, Aproximadamente 72.000 cargos eletivos e seus privilégios. Quem pode cortar gastos do Legislativo e Judiciário? Nos 3 níveis, federal, estaduais e municipais. Precisamos de 594 no congresso? De tantos dep. estaduais como há em seu estado? De tantos vereadores como há em sua cidade?
Quem afunda uma nação são seus des-governantes, e o povo tem que pagar a conta. Tudo o que se faz é “aumentar receita”. Ninguém fala em cortar gastos privilégios). estamos F.

Avatar
PATRICIA CLAUDIA RAIMUNDO DO NASCIMENTO 23 de agosto de 2020

Todos as pessoas pcd deveriam procurar os seus direitos, quantos deles temos mesmo? Igual número de processos deveriam ser. Patrícia N

Avatar
Fábio de Souza Martins Salles. 4 de janeiro de 2021

Estive hoje me informando em uma empresa que trabalha com isenção de IPVA, ela que falou que tem várias pessoas entrando na justica, pois está cobrança não e correto. Poderíamos todos nós fazermos o mesmo, entra na justiça!! A empresa me cobrou 697,00 em 4 vezes. Vai entrar com advogado. Se tivermos que pagar não vale mais apenas tem carro pcd.

Avatar
Luiz 23 de agosto de 2020

Votam em neoliberal querem o que?

Avatar
Fabio Peder 23 de agosto de 2020

Esse país está ficando cada vez mais difícil, endividaram o país, agora tem q tirar de alguém.

Avatar
Joaquim 22 de agosto de 2020

Esse estado de são Paulo tem que parar de ser desgovernado pelo PSDB enquanto o povo não acordar é isso que vai continuar acontecendo, onde já se viu acabar com os direitos dos deficientes, esse Dória infelizmente não é governador nem aqui nem na china, fora Dória!!!!
Vc Dória tem que ajudar os pobres tbm, lembre que daqui dessa terra vc não leva nada

Avatar
CLEITON DE ANDRADE SILVA 22 de agosto de 2020

Sou PCD, não tenho a mão esquerda, é absurdo isso que o Dória quer fazer. Este governo é covarde, é mais fácil colocar todos no mesmo saco e acabar com nosso direito. Espero que a assembleia legislativa tenha sensibilidade e altere este descalabro. Certamente a carreira política do Dório não vai durar muito.

Avatar
Jefferson Rocha 22 de agosto de 2020

Antes de tirar direitos de pessoas deficientes, o Sr. Dória deveria, por obrigação moral, começar a cobrar IPVA de iates e jatinhos como o que ele possui.

Avatar
Claudia 22 de agosto de 2020

Bom dia sou pcd e demorei muito pra ter conseguido ter um carro do pcd e tenho minha cnh e com todo o processo entre fazer é esperar foram meses . Agora querer tirar isso de nós. Tem que tirar dos condutores de deficiência pq eles não tem deficiência nenhuma e tiram carros para os pais e não o conduzem. E a gente com problemas cada um com o seu é claro mas sendo pcd querem tirar nosso direito. Tirem de quem tira pra conduzir pra outra pessoa e nem leva a pessoa ao mercado !! Pronto falei !

Avatar
Patricia Delfino 21 de agosto de 2020

Sou PCD, passei por todas as avaliações necessárias, até auto escola foi necessário ser refeita para aprovação do uso do carro com câmbio automático..
Agora o governo Sr.Doria resolve que não temos direito a isenção ao IPVA, então devolva os valores gastos para ter direito ao meu direito…

Avatar
Paulo 21 de agosto de 2020

Cortar mordomias ou o super bonus que foi aprovado para que os desembargadores façam o trabalho que já recebem para fazer, premiando os que não fazem com a celeridade o serviço a que foram contratados procrastinando o serviço e já recebem muito bem a estes tudo. Agora pessoas com deficiência com a devida justificativa médica o Dr. Doria decidiu que não precisam. Qual o interesse do Sr. Dória em proteger a justiça e atacar os PCD? Somos em número muito maior portanto, alterando este merecido benefício às pessoas PCD nos lembraremos nas urnas. O Sr. Alckmin começou a cobrar IPVA dos carros com valor superior a R$ 70.000,00 e depois disto não ganhou a eleição. O Dória vai perder igual qualquer eleição futura se tirar estd direito dos PCD

Avatar
Mario 21 de agosto de 2020

Não consta nada no projeto de lei sobre as isenções de impostos e redução no IPVA de locadoras de veículos cujo principal negócio é revender carros? Isso sim é abuso e desvio de finalidade. Mas são grandes e poderosos e ninguém quer mexer com eles, preferem a covardia de bater nos mais fracos e deficientes. Só Brasil sendo o lixo de Brasil.

Avatar
Felipe 21 de agosto de 2020

Na verdade o Governo faz um calculo simples e falho. Analisa da seguinte forma (exemplo): “temos 15.000 pessoas com isenção de IPVA e ver o valor total que está sendo isentado e pensam que se cortar o IPVA todos irão pagar e o governo irá receber todo esse dinheiro anualmente.”. Mas o que vai acontecer é ter uma pessoa que já possui limitações em sua saúde, que terá se quiser ter um carro para atender suas necessidades ter condições financeiras superiores para ter um carro e ajudar em seu dia-a-dia, algo que nenhum transporte público a nível Brasil consegue atender. Com isso o governo não vai ter arrecadação maior e o PCD estará em uma situação muito frágil ao depender de transporte público ou ter uma renda maior que a média, já que os carros que geralmente precisam nunca serão os de entradas que as Fabricantes de carros vendem.
Será apenas triste se isso for aprovado, pois o governo quer arrecadar das pessoas que mais precisam, não adianta achar o erro da economia na parte que mais precisa, mas sim começar a reduz o gasto na própria administração pública e depois dos ricos e ir descendo caso necessário.

Avatar
Marcus 21 de agosto de 2020

Isso virou uma indústria, infelizmente. Pessoas que não deveriam ter direito estão se aproveitando para comprar carros mais baratos e, além de tudo, ainda se esquivar do imposto. Nesse caso, concordo com o governo. O critério de admissão de um cidadão PCD deve ser mais rigoroso.

Avatar
Luigi Pedroli 21 de agosto de 2020

Deve ser rigoroso sim, mas c/ aqueles safados e os aproveitadores de plantão. Ser rigoroso c/ cegos, sindrome de Down, e outros tantos é absolutamente inadmissível e absurdo …

Avatar
Luigi Pedroli 21 de agosto de 2020

valor do carro gongelado em 70k, já faz 7 anos, o Confaz (engravatados pensadores q não utilizam o transporte público) se reúne para punir mais ainda os que precisam de um veículo p/ ser transportado (vez que o transporte público, no Brasil em geral, é uma tranqueira)… e tome ipva goela abaixo …

Avatar
Fabia Ferrari 22 de agosto de 2020

Tantas outras coisas deveriam ser mais rigorosas nesse país, mas é mais fácil começar com pessoas quem tem sim alguma dificuldade em dirigir um carro manual. Passamos por um longo processo de avaliação até sermos considerados PCDs, não tem como falsificar exames e mobilidades motoras. Mas enfim , como já disse incialmente, somos alvos mais fáceis e frágeis a atingir. Vamos avaliar e cortar as mordomias dos políticos e o mal uso do dinheiro público para um outro momento

Avatar
Luiz 23 de agosto de 2020

Conversa pra boi dormi

Avatar
Deixe um comentário