Peugeot Partner Rapid: 10 motivos para ter (ou não ter)

Clone do Fiat Fiorino, Peugeot Partner Rapid tem versão e revisões mais em conta, porém rede de concessionárias é menor

peugeot partner rapid branco frente em movimento rodovia
Peugeot Partner Rapid é a versão do Leão da velha Fiat Fiorino, que basicamente só troca o para-choque e a grade do radiador (Fotos: Peugeot)
Por Fernando Miragaya
22 de maio de 2022 14:03
Especial para o AutoPapo

A Peugeot trilhou o caminho mais curto para renovar sua linha de veículos comerciais compactos. Aproveitou a sinergia do Grupo Stellantis e transformou o Fiat Fiorino no novo Partner, com sobrenome Rapid e mudanças na grade e nos emblemas espalhados pelo furgão compacto. Mas até que ponto vale a pena optar pelo modelo da marca francesa?

A alma do veículo é a mesma. A plataforma é a do Fiat Uno – que deu adeus no fim do ano -, assim como o conjunto mecânico, recalibrado para atender as normas do Proconve L7. Curiosamente, há diferenças nos valores dos pacotes de revisões, e o Partner, inclusive, tem uma versão mais barata que o irmão gêmeo.

VEJA TAMBÉM:

Veja motivos para ter ou não ter o Partner Rapid.

Rapid é mais barato

Se a ideia é economizar, seja para quem é autônomo ou para montar (e compor) frota, o “novo” modelo da Peugeot é a opção mais racional. O Partner Rapid começa na versão Business, com preço de R$ 101.390, enquanto o Fiorino tem opção única Endirance por R$ 106.090 – mesmo preço do furgão da Peugeot em sua versão “topo de linha”.

Mas o Peugeot é menos equipado…

Esta versão inicial do Partner também é daquelas que o patrão não tem qualquer pena do funcionário. O modelo sai da fábrica de Betim (MG) apenas com computador de bordo, apoios de cabeça com ajuste de altura, preparação para som, tomada 12V, limitador de velocidade, para-sóis e compartimento nas portas que acomodam máquinas de cartão.

peugeot partner rapid interior painel
Painel é similar ao da nova Fiat Strada

Pelo menos, já recebe controles eletrônicos de estabilidade e tração e assistente de subida em rampas.

Mas ar-condicionado e assistência hidráulica da direção só na Business Pack. Esta custa R$ 106.090 e recebe também banco do motorista com regulagem de altura, bancos revestidos de tecido com texturas, vidros e travas elétricos, chave tipo canivete com telecomando, cintos de segurança com ajuste de altura, volante com regulagem de altura, iluminação do porta-luvas, alarme e protetor de cárter.

Partner é bom de carga

O Partner Rapid herda as boas capacidades do Fiorino. O compartimento para transporte comporta 3.300 litros e a carta útil é de 650 kg. Além disso, há protetor de carga, iluminação, tapetes no piso e abertura de até 180º das portas traseiras.

peugeot partner rapid branco dau de carga foto aberta
E a capacidade de carga é de 650 kg

Conjunto robusto

O modelo da marca do Leão usa o velho e conhecido motor 1.4 Fire de origem Fiat com câmbio manual de cinco marchas. O que o conjunto tem de veterano, tem também de fama de durável e de manutenção relativamente simples.

peugeot partner rapid branco cofre do motor
O motor é o velho conhecido 1.4 Fire

O 1.4 foi recentemente recalibrado no fim do ano passado na ocasião da renovação da linha Fiorino, para poder se enquadrar nas novas normas de emissões do Proconve. São até 86 cv de potência e pouco mais de 12 kgfm de torque com etanol no tanque.

Revisões mais baratas

A Peugeot deixa evidente que quer fisgar os frotistas com o novo Partner. Apesar de compartilhar a mesma base do Fiorino, o novato tem um custo total de revisões até os 60 mil km ou três anos mais barato.

peugeot partner rapid branco traseira em movimento cidade

Curiosamente, na comparação com o “velho” Partner, o plano de manutenção obrigatório do Rapid é mais caro na soma das seis visitas. Confira os valores.

Partner Rapid

  • 10.000 km: R$ 376,00
  • 20.000 km: R$ 564,00
  • 30.000 km: R$ 702,00
  • 40.000 km: R$ 786,00
  • 50.000 km: R$ 404,00
  • 60.000 km: R$ 1.496,00

Total: R$ 4.328

Peugeot Partner 2021

  • 10.000 km: R$ 434,00
  • 20.000 km: R$ 760,00
  • 30.000 km: R$ 434,00
  • 40.000 km: R$ 1.044,00
  • 50.000 km: R$ 434,00
  • 60.000 km: R$ 760,00

Total: R$ 3.866

Fiat Fiorino 2022

  • 10.000 km: R$ 452,00
  • 20.000 km: R$ 580,00
  • 30.000 km: R$ 828,00
  • 40.000 km: R$ 788,00
  • 50.000 km: R$ 500,00
  • 60.000 km: R$ 1.696,00

Total: R$ 4.844,00

Experiência

Apesar de nunca ter vendido maravilhosamente bem entre os comerciais compactos, a Peugeot tem uma boa participação com funções de maior porte. Com o Expert e o Boxer, a marca obteve 17% de crescimento nas vendas na categoria na comparação entre os primeiros quadrimestres de 2022 e 2021 e hoje detém 7% de mercado.

Esse desempenho comercial é alcançado com a ajuda de planos específicos de pós-venda, que são aplicados no Partner Rapid e dos quais trataremos mais abaixo.

Rede menor

É até covardia comparar a rede de distribuidores da Peugeot com a da Fiat. Enquanto a francesa tem 128 concessionárias, a marca italiana se vale de 518 pontos de venda. Para quem precisa de acesso prático e rápido para manutenção e suporte, esse é um fator de compra.

Planos de pós-venda

A montadora francesa criou, há quase 10 anos, a Rede Peugeot Pro. Trata-se de um plano para atendimento especializado para empresas, frotistas e autônomos. Segundo a marca, consiste em equipes de pós-venda exclusivas em 24 concessionárias nas principais capitais – e com plano de expansão.

Compromissos

Aliado a isso tem o Peugeot Total Care Pro, o programa de pós-venda para veículos comerciais que promete mais serviços. Entre as conveniências oferecidas, atendimento personalizado, revisão do veículo com entrega no mesmo dia, carro reserva e assistência técnica 24 horas. No compromisso, a Peugeot promete cobrir a despesa caso o cliente não fique satisfeito com o serviço ou os prazos não sejam cumpridos.

Liquidez

A tradição e as vendas ainda pesam contra a linha de furgões compactos da Peugeot. O Fiorino é líder com sobras há décadas e isso resulta em mais oferta no mercado, mais facilidade de revenda e menor desvalorização. Apesar de o Partner ser um Fiorino com o emblema do Leão, o mercado pode demorar a entender isso e mudar essa realidade.

Confira o AutoPapo também no YouTube.

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook Twitter Twitter Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
1 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
jo 22 de maio de 2022

Acho que não vale a pena. Não por causa da camionete (praticamente tudo igual a fiorino), mas o preço deveria ser 15% a menos pra compensar desvalorização na venda.

Avatar
Deixe um comentário