Placas Mercosul estão mais fáceis de clonar, diz associação de fabricantes

STF pediu explicações ao Contran sobre a retirada de alguns itens de segurança; Anfapv afirma que falsificações e alta de preços já afetam brasileiros

Por Laurie Andrade 26/06/20 às 18h01

A Associação Nacional dos Fabricantes de Placas (Anfapv) ajuizou, no Supremo Tribunal Federal (STF), uma ação direta de inconstitucionalidade contra a Resolução 780/2019 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), que estabelece o novo sistema de placas de identificação de veículos (PIV), também conhecido como placas Mercosul. Ministro Luís Roberto Barroso pediu esclarecimentos ao Contran e deve se pronunciar em breve sobre as respostas.

Em nota enviada ao AutoPapo, a Anfapv afirmou que as justificativas do Contran e da Advocacia-Geral da União não convenceram Barroso, mas que a Procuradoria-Geral da República está com processo paralisado há mais de 60 dias.

LEIA MAIS

“Já é possível comprar as placas Mercosul pela internet sem controle dos Departamentos Estaduais de Trânsito (Detrans)”, afirmou a Associação. Outra situação que chama atenção da instituição é a diferença de valor entre as PIV e as antigas chapas:

Em São Paulo, por exemplo, o par das novas placas é encontrado por R$ 199,80, sem qualquer controle do Detran-SP – que antes cobrava uma taxa de R$ 100,00 pelas placas já instaladas.

Em termos de comparação, é o mesmo que franquear a impressão da Carteira Nacional de Habilitação ou até dos Passaportes para gráficas comuns.

Quando a Resolução 780/2019 foi publicada, o presidente Jair Bolsonaro e o Ministro Tarcísio de Freitas afirmaram que acabariam com o cartel dos estampadores e as placas ficariam mais baratas. Mas, ainda segundo a Associação Nacional dos Fabricantes de Placas Veiculares, as alterações no padrão Mercosul (foram subtraídos alguns itens de segurança) facilitaram falsificações, clonagens e o abuso de preços ao consumidor.

Ao solicitar os esclarecimentos ao Contran, o Ministro Roberto Barroso estipulou curtos prazos para resposta, já que “A matéria submetida à apreciação desta Corte é de inequívoca relevância, bem como possui especial significado para a ordem social e a segurança jurídica, haja vista seu impacto sobre a dinâmica do emplacamento e identificação de veículos em todo o país”.

Foram dados, em 04 de março de 2020, 10 dias ao Contran, cinco dias para manifestação do advogado-Geral da União e mais cinco para publicação do parecer do Procurador-Geral da República.

nova placa veiculos brasil padrao mercosul
As placas Mercosul são obrigatórias no Brasil desde janeiro de 2020

Sobre a demora, a Anfapv comenta que o país segue com o modelo de emplacamento fora dos padrões do Mercosul, sem qualquer tipo de controle de preços e os proprietários de veículos continuam sujeitos à fraudes.

Foto Alexandre Carneiro | AutoPapo

50 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Avatar
    Antônio Roberto da Silva 28 de junho de 2020

    Não vejo nada de interessante e útil nestas placas, são idéias mirabolantes de pessoas inúteis. Mercosul já é um real fracasso.

  • Avatar
    Andre 28 de junho de 2020

    Pra mim a placa tinha que ser do dono do carro e quando trocasse de carro a placa ficaria com o dono e colocaria no seu futuro carro com validade de 3 anos, após trocar a placa por outra…

  • Avatar
    Luis Soares Camargo 28 de junho de 2020

    Toda essa mudança desnecessário Placa Mercosul não ajudou em nada.
    Sim ajudou os clonanadore de placa Mercosul os ladrões de carros.
    Antes de sair esse modelo de Placa Mercosul os clonadores já placas já estava muito mais na frente já bem preparado para a clonagem do mesmo Parabéns quem mudou para esse novo emplacamento kkkk

  • Avatar
    RINARDO DOS REIS CAMAROTI 28 de junho de 2020

    Será que é difícil de entender que agora vc não paga 100,00 reais em um par de tarjetas que poderia ter colocado a um dia em um outro município? Agora paga uma vez o par e esquece!!!! Tá pior? Só pra quem não entende!!! Lógico que fabricantes querem que vc pague uma placa nova a cada transferência! Parem e pensem!

  • Avatar
    Emerson Nerasti 28 de junho de 2020

    De quê adiantou mudar?????

  • Avatar
    Tibúrcio 28 de junho de 2020

    Se tem bandido clonando, roubando, sequestrando, estuprando, matando, traficando e muito mais é culpa da Justiça que um prende outro solta, começa dando fim nesses vermes e só ficarão os bons mas do jeito que tá tenho a impressão que o crime rende muita grana pra muito engravatado…

  • Avatar
    Leonardo 28 de junho de 2020

    O que é bom nesta placa , como não tem o nome da cidade e estado , o próximo comprador não precisará pagar pela tarjeta quando é de outro municipio ou estado . Quanto ser bonita , gostava muito das amarela e principalmente as chamadas ” especiais ” depois vieram as cinza e acabei me acostumando e agora com este modelo mercosul é questão de costume para ficar bonita .

  • Avatar
    Luiz 28 de junho de 2020

    Fora com essa placa mercosul! Quem já colocou beleza, mas o negócio é pedir o cancelamento dessas placas! Se querem usar mais combinações de letras e números beleza! Mas tirar o nome da cidade e Estado, e essa faixa Azul ficou muito feia! Não combina com quase nenhum veículo!

    • Avatar
      André Fioravanti 28 de junho de 2020

      Gostei de não ter as tarjetas e lacre na placa.
      Imagine vc! que Por algum motivo tenha que mexer na placa mudança de proprietário, municipio, ou perdeu a placa numa enchente…
      Se for a placa traseira vc teria placa tarjeta e lacre, de quebra segunda via de crlv (certificado de registro e licenciamento de veículo) e crv (certificado de registro de veículo). O número do lacre vinha nesses dois documentos o verdinho e o recibo de compra e venda.

      Duda de segunda via de recibo R$144,68
      Duda de placas R$179,84
      Total R$324,52

      Imagine uma concessionária que tem que transferir para o nome da concessionária?
      Olha o valor da economia!
      Olhando pelo valor econômico, adorei essas placas.

  • Avatar
    Leandro Miranda 28 de junho de 2020

    Infelizmente sempre pagamos por situações que só prejudicam o povo, que é quem paga tudo no Brasil, só voltando um pouco no passado, não muito distante, inventaram um selo que tinha que colocar no parabrisa para saberem se o carro estava em dia, se não tivesse levava multa, depois o kit de primeiros socorros, e ai veio o uso obrigatório dos extintores, e depois viram que não era importante, e mais uma vez o povo já tinha contribuído com os órgãos públicos, e agora não vai ser diferente com está placa Mercosul, na minha cidade em Igarapé, Minas Gerais, esta um cartel, placas Mercosul estão de 240,00 a 250,00 reais, e tem mais, só aceitam pagamento no dinheiro ou no débito, nem crédito aceitam, e uma vergonha para nós Brasileiros, que ficamos a mercê destas Leis, que nos obrigam a fazer o que os governantes querem e sem choro, precisamos de uma intervenção urgente no nosso País a favor do povo e do Brasil, o nosso Brasil é muito mais do que pensamos, e ainda neste momento difícil que estamos passando, tudo é motivo para aproveitarem do momento de fragilidade do povo brasileiro, e obterem vantagem, uma vergonha, em breve as normas das placas Mercosul de veículos vão mudar de novo, e vamos ter que adequarmos mas a uma vez, aguardem e veremos.

  • Avatar
    Wegton José Alvarenga Silva 27 de junho de 2020

    Na verdade é uma mafia. Na cidade de Itabira MG 100km de BH, esta no, valor de R$300,00 reais. Enquanto que em BH R$130,00.
    Essa placa é para dar dinheiro a algum empresário amigo da alta clupa do governo, e para o próprio. Igual o instintor, e o kit primeiros socoro.
    Brasil a “capital” mundial da corrupção.

    • Avatar
      Alessandro Della Giustina 28 de junho de 2020

      Por isso o desespero dos fabricantes e algum engravatado, Bolsonaro mandou retirar dois itens da placa, pois eram de propriedade de uma empresa e vc teria que pagar uma taxa extra para usar aquilo na placa, junto do brasão do estado de emplacamento. Com essas medidas só troca a placa o dia que gastar, perder ou enjoar, já que nada amarra ao antigo proprietário. Por isso estão cobrando mais caro, para compensar a queda nas vendas.

  • Avatar
    Zé Oliveira 27 de junho de 2020

    Foi só mais uma arma do governo em arrecadar dinheiro do povo, governo podre e sem escrúpulos, já não basta IPVA , pardais ,radares móveis, e pedágios altíssimos, e roubo contra o povo

    • Avatar
      Robson Antunes machado 28 de junho de 2020

      Então aqueles pardais que pousam aqui no meu quintal são pássaros artificiais com câmeras embutida pra aplicar multas??????

  • Avatar
    Em Vila Rica mato Grosso também tá assim 27 de junho de 2020

    Vila Rica mato Grosso também tá assim

  • Avatar
    Márcio silva 27 de junho de 2020

    Já estava previsto q isso iria acontecer efetuar uma mudanca de placas sendo q a mudança de placa não traz benefício algum somente aumento de impostos q já não são poucos !!

  • Avatar
    Jose 27 de junho de 2020

    Concordo com os leitores,já que somos imitadores dos EUA ,seria importante que cada cidadão brasileiro tivesse sua placa,acabaria com essa farra, nós somos um país sem comando,veja aqui no Paraná,liberaram os despachantes para trabalhar ,e deixaram o Detran fechado,tem cidades que existe um monopólio de despachante,o cara ele é despachante,a mulher dele também e o filho ,pense numa exploração que está,cobram o que querem e o povo sem opção,temos que mudar isso,desmontar esses quartéis políticos…

    • Avatar
      Elder fernandes 28 de junho de 2020

      Aqui em Minas gerais onde moro cidade com 25mil habitante está assim tbm tem uns 6 despachante fui fazer transferência me pediram 270.00 só para emitir a guia fiz particular msm fui levar na vistoria os despachante faltaram me agredir por não ter feito com nenhum deles.

  • Avatar
    Samuel Felisbino 27 de junho de 2020

    Isso é uma farra, como sempre o cidadão sempre paga a conta…
    Aqui em Florianópolis, SC a placa custa R$ 200,00 mais os documentos do veículos que támbem mudame somando a vistoria com tudo vou gastar R$ 600,00.
    Isso é uma máfia, cadê as autoridades competentes????

    • Avatar
      Laura 27 de junho de 2020

      São as próprias autoridades que criam estas mudanças, o governo diminui gastos e não deixa de ganhar. Criam vistorias e placas novas continuam ganhando da vistoria e da placa. Diminuindo gastos com funcionários e demais gastos

  • Avatar
    Telmo paulo de oliveira 27 de junho de 2020

    O meu ta clonado e ai como fica .isso e uma bagunçatelmo paulo de oliveira estou com processo parado e nao posso reslver.*

  • Avatar
    Amílcar lopo 27 de junho de 2020

    Tinha que ser igual nos EUA a placa é do cidadão. Toda vez troca de carro é a mesma. Mas é Brasil.

  • Avatar
    Rodolfo 27 de junho de 2020

    Nos EUA a placa de é do cidadão e não do carro. Quando ele vende o carro ele fica com a placa pra por no carro novo dele. Já aqui quando eu for comprar um carro que tenha a placa antiga tenho que trocar pela placa Mercosul. Não faz sentido isso… De R$ 200,00 em R$ 200,00 os fabricantes de placa fazem a festa.

  • Avatar
    MARIO LUCIO FRANCO DE CARVALHO 27 de junho de 2020

    Em Minas gerais, a venda é regionalizada pelo Detran! Provocando desta forma a criação de monopólios, diminuindo a concorrência entre os fabricantes.
    Estes por sua vez, abusam no preço, com placas custando em minha cidade, Pedro Leopoldo,R$280,00 o par! E tem mais, formam cartel combinado preço! Em Belo Horizonte, próximo a nossa região, encontram-se placas a partir de R$100,00 o par, influenciado pelo grande número de fabricantes. Mas o Detran não permite a venda, por causa da regionalização imposta pelo orgão.
    Isto é um absurdo! E o ministério público sabe desta prática e até hoje não tomou nenhuma providência!!! Isto fere a lei de livre concorrência, constante no código do consumidor!!!

  • Avatar
    Fernando 27 de junho de 2020

    Nois samos palhaso do governo e dos minitros senverganha que a lei so presta pra fude a jenti

  • Avatar
    André Darri 27 de junho de 2020

    Na cidade de Mauá,paguei $240 reais sem choro, dividido em duas vezes uma exploração sem limites

  • Avatar
    Odivaldovale 27 de junho de 2020

    Á nossa opinião não vale é nada, se valece alguma coisa eles acatariam e mudavam o quadrado da situação. Eles decidem é isso é acabou. O meu sobrinho recebeu várias multas de um interior do estado que ele nunca foi não sabe nem como ir pra lá. Ele foi denunciar, disseram pra ele que tinham clonado à placa da moto dele, agora vem o melhor da história :que era pra ele ir lá no interior ver quem era que estava andando de moto com à placa clonada da moto dele :agora me diz se isso procede, estão de brincadeira com à nossa cara.

    • Avatar
      HELIO NICOLI JUNIOR 28 de junho de 2020

      no sistema anterior que tinha lacre na placa ,se o carro pego sem lacre , era apreendido , isso inibia o crime.

      esse sistema sem lacre ,o criminoso simplesmente se for pego com placa clonada ,
      vai dizer que nem reparou na placa , que foi vitima ….

      e assim vai se facilitando o crime ….
      faltou capacidade técnica de analise ….
      pessoas usaram lacre por 50 anos ,
      e agora nao precisa mais ….

  • Avatar
    Daniel Barbosa de Oliveira 27 de junho de 2020

    Nossa, como essa associação é boazinha! Ainda bem que tem ela olhando pelo bem estar de nós cidadãos. Kkkkkkk

    • Avatar
      Vinícius Vargas 28 de junho de 2020

      Pois é. Falta o povo brasileiro apreender a enxergar através do papo de vendedor.

  • Avatar
    Angelo Máximo 27 de junho de 2020

    Na minha cidade a tarjeta era mais caro que a placa completa, obrigando a pessoa comprar a a placa completa e só podia comprar na na cidade se não o Ciretran não Implacava. Quase 300 reais a Mercosul tá mais barata, pq aumentou a concorrência.

  • Avatar
    Joaquim Frade 27 de junho de 2020

    Nunca vi vantagem nessas placas padrão Mercosul, e nem tem!
    Agora se um cara bate no seu carro e foge fica até difícil vc decorar a placa com letras e números misturados, além de não saber nem de qual estado o carro é. E não é sempre que a pessoa tem uma câmera em mãos pra registrar uma foto. Brasil virou festa de corrupção mesmo.

    • Avatar
      João 27 de junho de 2020

      Você quer vantagem? E não consegue decorar sete caracteres misturados. Nossa?

  • Avatar
    Augusto 27 de junho de 2020

    Na realidade só inventaram mais uma forma de roubar mais do povo!! Apenas isso, por que se for pensar em segurança essa placa não traz nada de interessante. Brasil sendo Brasil.

    • Avatar
      MARIO LUCIO FRANCO DE CARVALHO 27 de junho de 2020

      Você está mal informado!

  • Avatar
    Marquinhos 27 de junho de 2020

    Coloquei ontem na minha moto, R$60,00. Não vejo diferença alguma em segurança contra a falsificação nos dois modelos, o submundo falsifica dinheiro que vc pega, analisa e tem dificuldade em dizer se é verdadeiro ou falso, não será uma marca, um selo, um lacre que irá impedir a falsificação. O problema no Brasil é que a pena de quem falsifica, quem comercializa e quem utiliza placa falsificada não passa de cesta básica. Ou seja, vc faz o rolo, lucra com o rolo e depois gasta uma pequena parte do lucro do rolo para pagar a pena que lhe aplicada. O advogado custa mais caro que a pena de cesta básica.

  • Avatar
    AL 27 de junho de 2020

    A emplacadora paga ao Detran de SP uma taxa aproximadamente de R$ 50,00 por par de placas o que nao e cobrado na maioria dos estados. O valor aproximado da materia prima R$ 45,00 + custo opercional R$ 10,00 + impostos R$ 16,00 + taxa do Detran R$ 50,00 + custo de registro no Detran R$ 8,00 chegam a aproximadamente R$ 139,00 de CUSTO POR PAR DE PLACA sendo inviavel para a fabrica vender o produto por menos de R$ 199,00 ou seja um lucro de apenas R$ 60,00. O valor sugerido pelo Detran SP nao deve ter levado em consideracao a taxa cobrada por ele. Se o Detran nao cobrasse essa taxa o par de placas poderia ser vendida a R$ 140,00 como ocorre em alguna estados. Vale lembrar que esses valores sao aproximados.

    • Avatar
      MARIO LUCIO FRANCO DE CARVALHO 27 de junho de 2020

      Denuncie e cobre do MP!

    • Avatar
      Dirceu 27 de junho de 2020

      Verdade. O povo desconhece os custos. O valor que o Detran e o serpro cobram encarecem demais o custo final.

  • Avatar
    João 27 de junho de 2020

    É fácil falar as coisas sem pesquisar , se for vê os empresários tem toda razão.

  • Avatar
    Antonio Carlos Costa 26 de junho de 2020

    Só agora que descobriram?
    Isso estava na cara.
    Por favor seus imbecis, deem um voltinha logo ali no Paraguai, pela ponde de amizade e vejam as placas paraguaias.
    O cara corta um pedaço de lata nos mesmo moldes e as pintam e pronto. Lacram e legalizam veículos brasileiros assim.
    Imagine agora.
    Primeira mudança, que deveriam fazer: Coloquem o nome da cidade bem em cima, como são as placas argentinas.
    Resolve? Não mas ajuda um checagem.
    Em um acidente até você guardar aquele monte de números e letras, para um motorista fujão, já era.Pelo menos com a cidade já ajuda um pouco.
    Parem alguns carros que constam com placas de outros países que circulam livremente e veja a confecção das placas, principalmente do Paraguai.

    • Avatar
      MARIO LUCIO FRANCO DE CARVALHO 27 de junho de 2020

      O que identifica o veículo é o alfa numérico! Que estorinha de Paraguai é essa??

  • Avatar
    Sergio Moura Silva 26 de junho de 2020

    No início de Março paguei R$ 260 no par aqui no ABC Paulista. Sim vai ser o festival para os bandidos, sem lacre, roubam as placas e farão a festa. E os donos que se virem para justificar que não foram eles q cometeram a infração.Palavra de quem teve o carro clonado e 6 meses de aborrecimentos.

  • Avatar
    RINALDO EDSON GUIMARÃES 26 de junho de 2020

    ADQUIRI UM VEÍCULO 0KM, ESTOU COM A DOCUMENTAÇÃO PRONTA PARA EMPLACAMENTO, PORÉM CONFORME DESCRITO NA MATÉRIA, AO QUE SE PARECE, SE CRIOU UM VERDADEIRO CARTEL. FIZ O CONTATO COM 3 EMPRESAS CREDENCIADAS PELO DETRAN DE SP (1 DE SÃO BERNARDO DO CAMPO, 1 DE ITAQUERA E OUTRA DA PENHA); ME FORAM OFERTADOS VALORES DE R$ 210,00 – R$ 215,00 E R$ 230,00. AO SE REALIZAR UMA PESQUISA NO SITE DO DETRAN, LIMITAM-SE EM INFORMAR QUE TAIS EMPRESAS VENCERAM LICITAÇÃO PARA PRESTAÇÃO DO SERVIÇO, MAS FICA A PERGUNTA: SE HOUVE LICITAÇÃO, HOUVE ALGUMA CLÁUSULA CONTRATUAL LIMITANDO O VALOR DO SERVIÇO?
    POIS BEM, AO SER FAZER UMA RÁPIDA PESQUISA SOBRE O ASSUNTO, O PRÓPRIO DETRAN TERIA DIVULGADO À IMPRENSA QUE O VALOR MÁXIMO PARA COBRANÇA POR UM PAR DE PLACAS PARA AUTOMÓVEIS DE 4 RODAS, É DE R$ 138,24. QUEM FISCALIZA ISSO?
    AS DESCULPAS DAS TAIS EMPRESAS SÃO AS MAIS BIZARRAS POSSÍVEIS; “O VALOR É SUGERIDO…EXISTE UMA TABELA QUE GIRA EM TORNO DE R$ 250,00…O VALOR SUGERIDO PELO DETRAN É PARA CADA PLACA…”. OU SEJA, OS TAIS EMPRESÁRIOS DO RAMO FIZERAM DE SUA INTERPRETAÇÃO UM CARTEL PARA A PRESTAÇÃO DO SERVIÇO. É NECESSÁRIO, INTERVENÇÃO IMEDIATA PELO MP, PARA QUE SE ADOTEM MEDIDAS PARA COIBIR E PUNIR EMPRESÁRIOS EXPLORADORES.

    • Avatar
      Paulo Figueiredo 26 de junho de 2020

      Os valores que estão sendo cobrados não podemos dizer que são um abuso dos empresários do ramo, pois antes de julgar precisamos ter idéia do custo real para depois julgar, penso assim

      • Avatar
        MARIO LUCIO FRANCO DE CARVALHO 27 de junho de 2020

        Digo com conhecimento de causa! Eles abusam, monopolizando a venda através de cartéis!

      • Avatar
        Antonio paulorinho 27 de junho de 2020

        Só Deus na nossa causa as autoridades só pensava nelis e na familha deles, os demais se exploda este e Brasil….

    • Avatar
      Jl 26 de junho de 2020

      Só o DETRAN/SP., COBRA 23 REAIS EM CADA PLACA SEM POR À MAO EM NADA. ISSO SIM E ESTORQUIR.

      • Avatar
        RODRIGO CARVALHO NEVES 26 de junho de 2020

        Para ser mais exato nós valores
        2 x 3,94 = 7,88 – Serpro
        2 x 23,95 = 47,90 – Detran
        2 x 20,00 = 40,00 – Blank (varia bastante)
        Total 95,78 o custo por 2 placas

        Fora isso tem os custos fixos, e variáveis.

    • Avatar
      MARIO LUCIO FRANCO DE CARVALHO 27 de junho de 2020

      É isso aí! MP neles!

Avatar
Deixe um comentário