Geraldo Alckmin atravessa Toyota e anuncia investimentos para a ‘Torolla’

O vice-presidente já adiantou a quantia que a montadora irá investir e a quantidade de empregos que serão gerados, nós adiantamos quais serão os carros

toyota epu picape conceito
O conceito EPU pode adiantar as formas do modelo (Fotos: Toyota | Divulgação)
Por Eduardo Rodrigues
Publicado em 04/03/2024 às 19h02

O vice-presidente da república, Geraldo Alckmin, publicou em suas redes sociais que a Toyota irá investir R$ 11 bilhões no Brasil pelo programa Mover. Isso veio antes da própria montadora realizar o anúncio oficial, que será nessa terça (5) na fábrica de Sorocaba (SP) de acordo com a Agência Brasil.

Segundo a publicação de Alckmin, a Toyota irá gerar 2 mil empregos e lançará novos modelos no Brasil. O primeiro a chegar — caso não atrase devido as fraudes em crash tests — é o Yaris Cross, que será híbrido.

VEJA TAMBÉM:

O SUV compacto será o primeiro do segmento a ter um sistema híbrido tradicional, até então existem apenas híbridos-leves com esse porte. Ele usará um sistema similar ao já usado pelo Corolla, porém com um 1.5 flex no lugar do 1.8.

O modelo já está à venda na Ásia. Por lá, onde o carro não é flex, o conjunto híbrido tem potência combinada de 111 cv. Existem também versões apenas com o 1.5 aspirado, o que deverá ser repetido no Brasil com o motor flex de 110 cv do Yaris.

toyota yaris cross hibrido filipinas azul frente parado
Se não atrasar, o Yaris Cross híbrido deverá estrear ainda nesse ano

‘Torolla’ também deverá fazer parte do investimento

A Toyota já havia anunciado que está desenvolvendo no Brasil um conjunto motriz híbrido plug-in flex. A tecnologia está sendo testada em um RAV4 PHEV, porém deverá estrear em uma nova picape nacional.

De acordo com o portal Autos Segredos, a Toyota está desenvolvendo uma picape derivada do Corolla Cross que será feita no Brasil a partir de 2026. Segundo a apuração do site, o conjunto híbrido plug-in flex será usado nas versões topo de linha.

toyota rav4 hibrido plug in flex em testes no brasil
Motorização híbrida plug-in está virando flex e deverá ser usada em uma picape nova

Nesse sistema plugável da Toyota, são usados 3 motores: um 2.5 aspirado à combustão de 178 cv e dois motores elétricos de 60 cv, um para cada eixo. Em conjunto eles produzem 222 cv e 27,9 kgfm.

A potência da versão nacional poderá ser maior devido ao uso do etanol, que se beneficia da alta taxa de compressão desse 2.5. O fato de ter um motor elétrico para o eixo dará tração integral a picape, ajudando no fora de estrada.

Essa picape intermediária da Toyota, que apelidamos de “Torolla”, irá concorrer com a Ford Maverick Hybrid e a nova caminhonete nacional da Volkswagen, que também será híbrida.

Newsletter
Receba semanalmente notícias, dicas e conteúdos exclusivos que foram destaque no AutoPapo.

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook X X Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário