Volkswagen T-Cross é flagrado em testes na Av. Paulista

O leitor Alex Antoniassi avistou duas unidades do novo SUV pelas ruas de São Paulo; modelo será lançado no Brasil em abril

alex antoniassi t cross flagrado na avenida paulista
Por AutoPapo
29 de janeiro de 2019 14:25

Duas unidades do Volkswagen T-Cross, o primeiro SUV da marca alemã a ser produzido no Brasil, foram flagradas na Avenida Paulista, em São Paulo, por um dos leitores do AutoPapo. Alex Antoniassi conseguiu fotografar um dos modelos que rodavam em testes na tarde da última segunda-feira (28).

O T-Cross será lançado por aqui em abril e deve ter preços fixados entre R$ 85 mil e R$ 115 mil.

Volkswagen T-Cross na Avenida Paulista | Alex Antoniassi

Motorização

O SUV da Volkswagen deve oferecer duas opções de motorização para o público: 1.0 TSI, com potência máxima de 128 cv a 5.500 rpm e torque de 20,4 kgfm e 1.4 TSI capaz de entregar 150 cv a 4.500 rpm e torque de 25,5 kgfm.

Os câmbios do Volkswagen T-Cross podem ser manual de cinco velocidades (apenas no 1.0 TSI) e automático de seis (tanto no 1.0 TSI quanto no 1.4 TSI).

Itens de série do T-Cross

Entre os itens de série, o modelo da Volkswagen terá: controle eletrônico de estabilidade (ESC), seis airbags (dianteiros, laterais e “cortina”), painel totalmente digital, diferentes perfis de condutores, assistente de partida, bloqueio eletrônico do diferencial, quatro entradas USB, iluminação da cabine em LED,  tela sensível ao toque de 8 polegadas, detector de fadiga, entre outros.

Duas configurações foram expostas aos jornalistas na apresentação do SUV da Volkswagen: Highline e Highline com pacote Beats. O VW T-Cross vai competir no segmento de Jeep Renegade, Honda HR-V, Hyundai Creta e Nissan Kicks.

Boris andou no T-Cross, confira quais foram suas impressões sobre o SUV que utiliza a plataforma do Virtus e motores derivados do Golf.

Dimensões do Volkswagen T-Cross

  • Comprimento: 4,19 metros;
  • Altura do T-Cross: 1,56 m;
  • Porta-malas: 373 litros;
  • Entre-eixos: 2,65 m (8,8 cm a mais de entre-eixos que T-Cross vendido na Europa).
SOBRE
20 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Choer 31 de janeiro de 2019

Preto com placa verde e branca na avenida paulista. Vendeu!

Avatar
Giancarlo segato 30 de janeiro de 2019

Respeito as opiniões de todos, porém não podemos esquecer que os tributos no país são caríssimos. Dificilmente iremos pagar pouco para um lançamento da Toyota, VW, ou outro qualquer.

Avatar
Rafael 30 de janeiro de 2019

Para de passar pano para marca gananciosa!!!
Como é que a Tiggo entrega um 5x muito mais conpleto que o T-Cross por 92mil?
A carga tributária é a mesma, mas a VW já pegou inúmeros incentivos governamentais.

Avatar
Maurício 30 de janeiro de 2019

Quero ver como vai ser o modelo Pcd,quais itens de série vão deixar…

Avatar
Milton 30 de janeiro de 2019

Depois do diselgate, a vw perdeu o encanto

Avatar
Régis Silva 29 de janeiro de 2019

Ja está em produção em São José dos Pinhais/PR. Apenas pilotos de testes fazendo ajustes finais. Teste mesmo já passou… Lembrando que será as versões mais modestas comparando os modelos do resto do mundo. Novidade né

Avatar
André Tigela 29 de janeiro de 2019

Até agora se fala tanto no veículo, mas em questão nos valores fica o suspense

Avatar
José Ricardo m dos Santos 29 de janeiro de 2019

E porco moto ele é pesado e automático não presta e muito caro do dois eu compro o jetta mas carro por 115 mil o golf os melhor carro e manual

Avatar
Probedroid 29 de janeiro de 2019

Dá para traduzir para o português o que vc escreveu ?

Avatar
Saulo Piovezan 29 de janeiro de 2019

Vi um igualzinho em testes na região de Gavião Peixoto, interior de São Paulo, há uns seis meses, tirei foto, mandei num site mas acho que não se interessaram muito… Acredito que prefiram informações mais próximo do lançamento.

Avatar
adalberto 29 de janeiro de 2019

Belo local para testar o veículo, trânsito caótico, avenida com pavimentação perfeita… Será merchandising ou para testar a paciência do motorista?

Avatar
Marconi Berni peixoto 29 de janeiro de 2019

Mais um carro cheio de grilos.pobres brasileiros.de 85 a 115.meus pesames adiantado.

Avatar
Thomas Turbano 29 de janeiro de 2019

O cara nem andou no carro, ninguém ainda comentou sobre o silêncio do habitáculo e o “sabidaum” já deu o veredicto. Sensacional.

Avatar
Leo 29 de janeiro de 2019

Kkkkkkkkkk pois é, mesma faixa de preço de um HR-V que parece escola de samba, e acabamento fraquissimo, vai vender igual água

Avatar
Gerson 29 de janeiro de 2019

Espera primeiro lançar o carro e quem sabe vc adquir um ai vc comenta ok
VW é VW amigo

Avatar
Rodrigo de martins 29 de janeiro de 2019

VW ja foi VW, carros populares da VW tem motor descartavel! Agora os top de linha com motor TSI são ótimos e os antigos ap, agora as outras gerações são uns lixo! E eu sou mais um Honda ou um Toyota, pelos valores de mercados atuais vv pode ter um veiculo de marca superior a Vw mesmo usado.

Avatar
Ari costa 29 de janeiro de 2019

Marconi, os usuários dos campeões polo e virtus não pensam como vc. Lembrar que a wolks está 3 anos afrente dia concorrentes japoneses porque agora em 2019, 3 anos depois que eles estão produzindo seus veículos na versão “TSI” …..kkkkkk

Avatar
Ari costa 29 de janeiro de 2019

Marconi, os usuários dos campeões polo e virtus não pensam como vc. Lembrar que a wolks está 3 anos afrente dia concorrentes japoneses porque agora em 2019, 3 anos depois que eles estão produzindo seus veículos na versão “TSI”

Avatar
Marconi berni peixoto 18 de setembro de 2020

Ari nao condeno ninguém que gosta se carro que faz barulhos.a vw so faz esse tipo de carro.bate tudo dentro.

Avatar
Cristian 29 de janeiro de 2019

Falou tudo…

Avatar
Deixe um comentário