Arranhão no carro zero? Recuse-o!

A compra do carro zero km na concessionária é um momento memorável. Entretanto, esse entusiasmo pode virar dor de cabeça em certos casos

Por Boris Feldman 10/03/21 às 21h31
ulkb8oi3wjk
Nenhuma concessionária do mundo consegue pintar o carro como na fábrica (Foto: Shutterstock)

É sempre um momento de emoção você ir buscar o seu carro zero na concessionária. Mas aí, a emoção vira uma certa preocupação, porque você vê um arranhado no carro que ninguém tinha visto. Foram buscar lá no estoque, estava ele arranhado.

Aí o vendedor, o gerente, todo mundo diz: “não se  preocupe! Amanhã cedo seu carro vai estar novo de novo: nós vamos repintá-lo na nossa estufa, cabine especial, vai ficar igualzinho de fábrica.” Pois eu não acredito nisso e  não aceitaria!

Porque esses arranhões podem acontecer; o carro está vindo da fábrica, no segundo andar da cegonha, passa por um galho de árvore, esbarra em alguma  coisa… Ou mesmo na hora de descer da cegonha, ou manobrando dentro da concessionária; pode acontecer.

O que não pode acontecer é entregarem o carro repintado. Por que? Porque o carro, uma vez pintado na fábrica jamais conseguiriam repetir: jamais a qualidade de uma pintura na concessionária será a mesma.

Nenhuma concessionária do mundo, de marca nenhuma, tá legal? Pode ser concessionária de Rolls Royce, de Ferrari, de Porsche, não conseguem a  mesma qualidade.

Até porque na fábrica,  quando a carroceria ainda está ‘peladona’, só a chapa, ela é mergulhada num tanque para receber  a camada inicial, aquela de proteção que fica  debaixo da pintura. Como é que a concessionária  vai repetir isso? Jamais! Então, repintura em carro novo, ninguém deve aceitar.

Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
14 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
claudia celestino de sena 18 de março de 2021

verdade professor Boris, pintura perfeita, só aquela de fábrica

Avatar
José Pedro Castellano 17 de março de 2021

Observação absolutamente correta, porém há que se estabelecer um equilíbrio entre vendedor e comprador dependendo da magnitude do arranhão, do preço que está sendo negociado e do possível desconto. Um arranhão nas partes plásticas é diferente de um nas partes metálicas. Mesmo nas partes metálicas, dependendo do local poderá ser de difícil corrosão mesmo que retocado. Alguns arranhões nem exigem repintara e como observou o Dário, pode ser utilizado como vantagem na negociação de um desconto. Como observou Eistein, tudo é refletivo.

Avatar
Erlande 17 de março de 2021

Carro zero km retocado desvaloriza sim!
Retire o carro com retoques na pintura e depois tente vender na propria concessionaria,vai ser feita uma avaliação e certamente vão abater no valor da avaliação!

Avatar
Carlos Eduardo Barbosa de Melo 12 de março de 2021

Tem que entregar o 0k sem detalhes nenhum sem retoque

Avatar
Dario 11 de março de 2021

Utilize o problema como vantagem. Peça desconto ou benefícios como revisões grátis, seguro ou até mesmo acessórios. Quando vc colocar seu carro na rua em pouco tempo ele será arranhado. Aproveite e usufrua da vantagem.

Avatar
Fernando B 11 de março de 2021

Comentário perfeito. Se for um simples problema estético, é preferível tentar uma vantagem financeira (abatimento) ou algum (ns) acessório (s) a mais. Carro na rua vai acabar tomando porrada, esbarrada de pedestre etc.

Avatar
Cesário Motta 10 de março de 2021

Boris, você está certo! Temos que recusar carro 0km com repintura. Trabalho há 35 anos com estética automotiva e sei, pela experiência, quando o carro é retocado. Já recusei um HB20 0km que estava com o paralama dianteiro direito retocado. A concessionária Hyundai constatou o problema e trocou o veículo. Repintura desvaloriza o carro.

Avatar
Cesário Motta 10 de março de 2021

Boris, você está certo! Temos que recusar carro 0km com repintura. Trabalho há 35 anos com estética automotiva e sei, pela experiência, quando o carro foi retocado. Já recusei dois carros 0km, um Fox e um HB20. As concessionárias trocaram os veículos

Avatar
Paulo Cera 10 de março de 2021

A repintura de uma ou mais peças realizadas dentro sa concessionária antes da entrega ao cliente, é considerada “original” de fábrica, contando com a mesma gararantia de fábrica q o restante do veículo. Sim, por ser uma pintura com prpcesso diferente da fábrica, realizada ppr robos, o aspecto visual pode nāo ser exatamente o mesmo, e nesse caso sim, o cliente ppde, e deve, solicotar q o serviço seja refeito, com mais qualidade.

Avatar
Neto Martins 10 de março de 2021

Desculpe….talvez seria a mesma coisa do seu filho nascer sem uma perna…..vc recusa??? É muita hipócrita da sua parte tal comentário!! Em nada vai desvalorizar o carro novo com um simples retoque de pintura….conversa furada a sua!! Não atrapalhe a alegria dessas pessoas que vão retirar o carro 0km…..arruma outro assunto pra falar!!?

Avatar
Isac 11 de março de 2021

Essa sua comparação, pra começo de conversa, é esdrúxula. O nascimento de um filho não é objeto do código de defesa do consumidor, porque não é um bem que você está adquirindo com seu dinheiro, e sim a concepção de uma vida. Um carro é só o produto de uma grande indústria, e ninguém é obrigado a aceitar uma negligência qualquer por parte de uma empresa. Também não é um vaso único da dinastia Ming, para o qual uma marca na superfície confere mais personalidade. Se a gente continua aceitando qualquer coisa que as grandes corporações nos empurram goela abaixo, elas continuam cada vez mais bilionárias à custa de nossa covardia.

Avatar
Fernando B 11 de março de 2021

Já li comentários ruins, mas igual esse do Neto, jamais. Comparar um bem de consumo comprado com dinheiro a um filho?

Avatar
Igor 18 de março de 2021

Pois é está aí a prova que não se deve recusar mesmo …veio sem cérebro de fábrica !

Avatar
Amauri 18 de março de 2021

Que ignorância de dia parte comparar um carro com um filho.

Avatar
Deixe um comentário