Fila no telhado

Muitos carros vão ficar fora de linha no mercado brasileiro. 2021 vai ter modelos de sobra 'caindo do telhado'

Por Boris Feldman 24/05/21 às 21h30
Modelos estão prestes a 'cair do telhado' carros fora de linha
Modelos estão prestes a 'cair do telhado' (Foto: Montagem AutoPapo | Ernani Abrahão)

Já já tem fila de carros para escorregar do telhado, pois já foram muitos os anúncios de modelos já desativados, ou cujo a produção já está quase fora de linha. Entre eles: da General Motors,  tem a picape Montana.

Da Volkswagen, o Up. Da Toyota, o Etios. da Citroën, C3 e Aircross. A Ford, ao fechar Camaçari, pôs um ponto final no Ecosport e no Ka.

E, finalmente, a Fiat lançou a nova geração da Strada, anunciou que a velha ficaria, mas ela também caiu do telhado. Mas a fila continua e até o fim do ano ainda tem tempo de vários carros ficarem fora de linha no Brasil.

VEJA TAMBÉM:

Como na Fiat: Uno, Dobló, Grand Siena. Da Volkswagen, tem o Fox e vários outros candidatos também estão no fim da linha.

Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
14 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Antonio Oliveira 27 de maio de 2021

Que pena um carro como a Doblô um excelente carro atende em duas opções como utilitários ou para passeio com família com excelente espaço, poderia sempre fabricar mesmo sob encomenda

Avatar
NAYLTON ARTUR DA SILVA PORTELA 26 de maio de 2021

Agora e nova era,pensamento nós elétrico

Avatar
Romário 26 de maio de 2021

Tenho um gram siena já atingiu 301.000 km rodado nunca abriu o motor se esse carro não presta não sei que carro eh bom nao…

Avatar
ANDERSON DE LIMA PESSANHA 27 de maio de 2021

O meu tem 573 mil rodados e tbm nunca abriu motor só troco óleo velas e cabos.

Avatar
Ronesio souza da Rosa 26 de maio de 2021

Muito boas essa suas noticias.

Avatar
Paulo 26 de maio de 2021

Por isso vou manter meu Corolla xei 2.0 2014 com 60.000 rodados!

Avatar
Jose 26 de maio de 2021

Sou apaixonado por esse monstrinho…essa cor mesmo é demai

Avatar
Nilton 25 de maio de 2021

Gosto muito das dicas do Boris.

Avatar
Sir.Alves 25 de maio de 2021

Espero que a fiat readeque o Doblo e o gran siena para continuar vendendo a vendas cnpj e taxistas respectivamente, pois vendem muito bem nesses segmentos e tenho certeza que nem fiorino cargo nem cronos podem substituilos com primazia… Seria o mesmo que tirar o toro de linha e deixar o fiat strada cabine dupla no lugar…

Avatar
Claudio 25 de maio de 2021

Infelizmente o carro deixou de ser um integrante da família como antigamente , confiável e resistente e está se tornando, a cada dia, descartável como celular por conta do lado mercenário da indústria e da queda de qualidade e resistência dos produtos automotivos. Quem tem carros mais antigos , robustos , resistentes ,confiáveis e não pretende jogar dinheiro no lixo deve conserva-los.

Avatar
Paulo 26 de maio de 2021

Por isso vou manter meu Corolla xei 2014 com 60.000km!

Avatar
José Leandro Janz 25 de maio de 2021

Carro excelente estou no segundo e compraria de novo sem medo de errar. Depois de 55 anos de motorista encontrei na Renault Duster um carro que me satisfaz em tudo. Viajo muito com a anterior rodamos 100.000 km sem nenhum problema 16/17. Agora estamos com uma 29/22 automática já fizemos duas viagens incluindo estradas de chão, o carro e perfeito na minha opinião.

Avatar
Penske 24 de maio de 2021

A grande sacada das montadoras agora são manter em linha veículos super econômicos com motores pequenos, carrocerias bem grande e espaçosas independente do modelo. A pergunta que fica é como readequar a equação peso/potência ? Nem todos veículos sairão equipados com turbo. Daí teremos coisas bizarras como a nova Tracker, com um monobloco pesado sendo empurrado por um motorzinho 1.0 de 3 cilindros, com uma potência ridícula para empurrar um veículo desse tamanho e peso; o pior que tem muita gente que desconhece essa equação de engenharia mecânica e compra essas “banheiras”

Avatar
Anilson martelo 26 de maio de 2021

Concordo plenamente com vc carro pesado e motor fraco.oq vai acontecer…beber muito combustível.e queibrar facil

Avatar
Deixe um comentário