Onix ‘inseguro’ faz MPF entrar com ação pública contra a GM

Mesmo Onix sendo inseguro, GM 'jogou' com o regulamento embaixo do braço e cumpriu religiosamente o que determina a legislação brasileira

Por Boris Feldman 23/09/20 às 21h31
chevrolet onix joy branco frente 45 detalhe
Chevrolet Joy: antiga geração do Onix (Foto: Chevrolet | Divulgação)

Os Ministérios Públicos Federal e de Minas estabeleceram uma ação pública contra a General Motors, a União Federal e o Denatran. Alegam que o Chevrolet Onix produzido entre 2012 e 2017 não oferece proteção mínima contra os ocupantes no caso de um impacto lateral.

O crash test foi feito pelo Latin NCAP, uma entidade uruguaia. Que eu saiba, não certificada pelo nosso Governo para aprovar ou deixar de aprovar nossos automóveis.

A ação do Ministério Público multa a GM em 5% do lucro obtido na venda desses carros e ainda obriga a chamá-los para recall. Eu nunca vi nada tão surrealista, primeiro porque a GM cumpria rigorosamente a legislação brasileira.

Em segundo lugar, pela incompetência técnica destes Ministérios. Pois ao exigir um recall, eles querem que a GM “simplesmente” substitua a carroceria completa de mais de um milhão de unidades do Chevrolet Onix.

Chevrolet Onix Joy na cor branca da antiga geração com a dianteira em detalhe
Onix produzidos entre 2012 e 2017 tem falha de segurança em caso de impacto lateral (Foto: Chevrolet | Divulgação)
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
3 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Juju silva 30 de setembro de 2020

Tenho um Onix, na hora de passar um pano tenho medo de amassar de tão frágil que é a lataria parece de papel…Estou com receio de colocar meus filhos no carro e sair com eles, o carro não tem o mínimo de segurança. A GM deveria nós ressarcir, o que não pode é ver nosso bem se desvalorizar e ainda correr o risco em caso de acidente não ter o mínimo de proteção, estou pensando procurar um advogado.

Avatar
Paulo roberto 24 de setembro de 2020

Que o mpf entre com ação também contra Volks,Ford.até onde eu sei o Onix está dentro das exigências da norma brasileira

Avatar
Nanael 24 de setembro de 2020

Então os engenheiros de ar condicionado vão obrigar a VW a substituir os monoblocos de todas as Kombis?

Avatar
Deixe um comentário