Ford investe em picapes: Maverick vem do Mexico, F-150 dos EUA

Em sua nova fase no Brasil, agora como importadora, a Ford anunciou novidades interessantes sobre seu futuro no mercado

picape ford f 150 brasil shutterstock 1910549131
Picape Ford F-150 que virá para o Brasil (Foto: Shutterstock)
Por Boris Feldman
24 de março de 2021 21:31

O primeiro produto a ser apresentado pela Ford no Brasil, agora, na sua nova condição de importadora, será o Bronco Sport. O que é isso?

É um SUV produzido no México, não com chassis, como jipe, mas monobloco, mais para automóvel; que desembarca no nosso mercado no próximo mês de maio.

Entretanto, a fábrica da Ford em Hermosillo, no México, já iniciou a produção da versão picape do Bronco Sport, que também virá para o nosso mercado como concorrente direta da Fiat Toro.

Então, a Ford deverá aumentar sua gama de picapes no Brasil, com uma menor que a Ranger, é essa que vem do México, Ford Maverick (que nome, hein, para o Brasil); 60 a 70 cm menor que a Ranger.

E uma maior que a Ranger, dessas parrudas, a F-150, que vem dos Estados Unidos; uma das mais vendidas do mundo.

Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
16 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Pedro Carlos de Faria Pinto 12 de agosto de 2021

Boris, quero que saiba que é com grande prazer que tenho lido seus textos. Em relação à Ford, acredito que ela está no caminho certo. Depois de cometer tantos erros ao longo, principalmente, das últimas três décadas. A Ford é uma marca confiável. Os automóveis produzidos no Brasil é que não eram. Nessa perspectiva de vender três picapes, até eu já estou pensando no desafio de ser um revendedor da marca. Um abraço.

Avatar
Sir.Alves 27 de abril de 2021

Nem Ford nem carro de marca Chinesa entra na minha garagem… acho que dentro de 6~7 anos a Ford vai embora de vez do País, dale GM e Fiat neles.

Avatar
Sergio Asfora 28 de março de 2021

Depois do baque que a ford nós deu, vai ser bem difícil alguém voltar a acreditar que ela vai continuar vendendo como vendia seus carros no Brasil. Eu mesmo após me livrar do ford Ecosport que tenho, nunca mas quero ver um carro dessa marca em minha frente.
Chega de bancar o otário para esses gringos miseráveis.

Avatar
alecs 25 de março de 2021

Talvez a Ford faça carros aqui em comunhão com a VW,afinal,elas se merecem! Ambas receberam um zilhão de benefícios nos últimos 60 anos até terreno para as fábricas de S.Bernardo foi de graça…num país sem tecnologia automotiva ,no início mamaram mais que todas que chegaram depois,ainda por cima mandavam mais que os presidentes da ditadura militar ,já que representaram o FMI no Brasil (países ricos) NÃO PRECISAM MAIS DE AUXÍLIO NENHUM !!!

Avatar
Ivan Alves de Abreu 25 de março de 2021

Tenho um ford Ka 2020 modelo 2021 e vendo os comentários, não vejo a hora de vende-lo, pois o valor de semi novos não esta agradando. Após venda, FORD nunca mais.

Avatar
GUILHERME DE SOUZA PEIXOTO 26 de março de 2021

Bom dia, calma eu também estou nessa é só saber esperar. Estou até pensando em apanhar uma Ranger. Ford é Ford.

Avatar
Fabiano 25 de março de 2021

Vai diminuir a rede de concessionárias por vontade da montadora e porque muitas não terão viabilidade econômica devido ao baixo volume. As peças importadas demoram a chegar e são carissimas! Enquanto nas outras marcas uma pickup demora de 3 a 4 meses para atender o pedido, na Ford estão oferecendo ranger. Reflexo da falta de respeito com o consumidor brasileiro.

Avatar
Marcos 25 de março de 2021

Se o brasileiro tiver o mínimo de vergonha na cara não vai comprar nenhum produto oferecido pela FORD.
Já que o BRASIL não é viável para ter fabricas da FORD, porque ela quer vender aqui!

Avatar
Alexsandro Pessoa dos Santos 25 de março de 2021

Com certeza nehum brasileiro devem comprar carros dá Ford

Avatar
Salomão G. Feitosa 26 de março de 2021

Muito bem colocada a sua opinião. O problema é que os carros que virão são para pessoas com alto poder aquisitivo, os quais estão se lixando para a geração de empregos e produção nacional.

Avatar
Ph 27 de março de 2021

Isso mesmo!! Brasileiro tem que acordar, parece ainda está na caixinha de ovos…

Avatar
Carlos 25 de março de 2021

Não compro carros da Ford. Todos os modelos que ela fabricou por aqui já eram obsoletos lá fora. Pra mim a Ford já era.

Avatar
Mendel Guimaraes Bernardes 25 de março de 2021

Depois que a Ford deu calote no Brasil fechando suas fábricas, quem vai confiar que ela dará continuidade com modelos importados?

Avatar
Sergio 25 de março de 2021

F150 dos EUA?
Já matou antes de vir. Imposto cheio e péssimo custo x benefício, vide RAM 1500.
Carta branca pra Chevrolet nadar de braçada com a Silverado vinda do México (conforme notícias do ano passado).

Avatar
Marcus 25 de março de 2021

Mas já tem fotos da Maverick mostrando que será pouco menor que a Ranger, longe desses 60 a 70cm. Talvez até do tamanho da Ranger, pelo menos me pareceram reais umas fotos que um site americano mostrou da Maverick próxima a F150.

Avatar
Reginaldo Cola 24 de março de 2021

E a TRANSIT que seria o primeiro que a Ford relancaria ?

Avatar
Deixe um comentário