Freio automático de emergência evita 70% dos acidentes

Dispositivos eletrônicos estão presente nos automóveis com objetivo de aumentar a segurança. O freio automático é um deles, conheça

Por Boris Feldman 29/10/20 às 07h30
motorista pe pedal freio carro automovel
Motorista com o pé no pedal do freio do carro automóvel (Foto: Shutterstock)

Uma das últimas contribuições da eletrônica para a segurança veicular é o freio automático de emergência. Ele percebe o obstáculo à frente, também que o motorista não vai frear o carro e aciona o sistema de feio.

Todos esses equipamentos, ao serem lançados, custam muito caro. E por isso, equipam apenas os carros mais sofisticados, luxuosos do tipo premium.

A Bosch, que o fabrica, calcula que mais de 70% de acidentes são evitados com o AEB, feio automático de emergência. Que entretanto, ao equipar um volume maior de automóveis, vai tendo seu custo reduzido e se democratizando.

Alguns automóveis produzidos no Brasil já contam com esse sistema. O Hyundai HB20, Toyota Corolla, Volkswagen Nivus e os dois Chevrolet: S10 e Trailblazer.

Motorista com o pé no pedal do freio do carro automóvel
Freio automático de emergência funciona sozinho em casos da falta de reação do motorista (Foto: Shutterstock)
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário