Novo Bolt no Brasil: quase autônomo!

Além da reformulação no estilo e na mecânica, nova geração do Chevrolet Bolt chega ao mercado classificado como veículo semi-autônomo

Uma série de dispositivos eletrônicos de condução irão classificar nova geração do Bolt como veículo semi-autônomo
Uma série de dispositivos eletrônicos de condução irão classificar nova geração do Bolt como veículo semi-autônomo (Foto: Chevrolet | Divulgação)
Por Boris Feldman
11 de agosto de 2021 07:32

Não muito fã de veículos híbridos, a General Motors decidiu não investir nos híbridos: vai produzir e vender exclusivamente veículos elétricos a partir de 2035. Uma decisão que vale em nível mundial, inclusive no Brasil.

Aqui, por exemplo, ela já está lançando a segunda geração de seu elétrico, o Bolt, que ganhou completa reformulação de estilo, mecânica e chega no próximo mês de setembro.

VEJA TAMBÉM:

É um hatch médio, quatro portas, motor de 203 cv, autonomia de 416 km. A geração atual custa R$ 270mil, a nova ainda não tem preço definido. Mas o novo Chevrolet Bolt vai oferecer uma série de dispositivos eletrônicos de condução que o tornam um semi-autônomo.

Você sabia que o AutoPapo também está presente em suas redes sociais favoritas? Clique e confira:

TikTok YouTube Facebook Twitter

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário