Radares escondidos vão acabar. Bom ou ruim?

Por determinação do Contran, estão proibidos os radares fixos e móveis escondidos nas estradas. Será o fim da 'indústria da multa'?

Por Boris Feldman22/09/20 às 21h31

“Seja feita a vossa vontade”, assim quis o presidente Bolsonaro, assim determinou o Contran. Que a partir do dia primeiro de novembro não poderão estar mais escondidos radares fixos nem móveis para a detecção de velocidade em estradas, ruas ou avenidas.

E a sinalização indicando essas velocidades máximas deverá ter máxima visibilidade. O fim desses radares foi justificado para se eliminar a tal ‘indústria da multa’.

Porém abre margem a duas perguntas, primeira: não vai estimular motoristas a excederem a velocidade máxima?

Segunda: motorista que respeita a legislação e atento às velocidades máximas estabelecidas é flagrado por qualquer tipo de radar, sendo ele visível ou não?

Radares fixos eletrônicos de velocidade instalado na rodovia
Acabar com os radares escondidos resultará no fim da ‘indústria da multa’? (Foto: Shutterstock)
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
13 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Avatar
    Alexandre 24 de setembro de 2020

    Penso que se a função do radar é educar, ele deve estar visível. Desta forma ele nós lembrará que devemos reduzir a velocidade. Desta forma passar pelo perigo do percurso com menos risco de provocar um acidente.
    O radar escondido faz com que somente haja a punição pecuniária ao motorista que excede o limite, não corrigindo na hora, e o mesmo até receber a multa continuará se expondo ao risco (e expondo os outros).

  • Avatar
    Alan dos santos 23 de setembro de 2020

    Não precisava nem fincionar só o fato deles existirem em algum local já é o suficiente para o pessoal respeitar, não precisa multar ninguém. Porque os carros oficiais não são multados e fazem todos os tipos de peripécias por ai porque sempre só o povão que se lasca. Sou contra

  • Avatar
    jose santos 23 de setembro de 2020

    Prezado Boris, com todo respeito, mas as estradas que eu conheço não são as mesmas que vc. Vejo lugares que num espaço de 1 km existem 3 radares com 3 velocidades distintas, e às vezes com placa e radar ocultos por árvores, postes, e pasme, até por outras placas de trânsito. Radares fixos da velocidade máxima pelo ctb (100 km/h) são os melhores sinalizados. Os que alteram essa regra geral, diminuindo de uma hora pra outra essa velocidade, às vezes nem são sinalizados. Quanto aos radares móveis da máxima legal, é praxe a utilização destes onde há aceleração por mera ação gravitacional, onde por um momento de distração, a velocidade se eleva sozinha, e se a pista for de boa qualidade, não risco real para o trânsito. Portanto, transparência nós radares são fundamentais. Educação não é só punição, mas sim alertas constantes. Se assim não fosse, criar filho era só dar pancada e não orientar todos os dias

    • Avatar
      jose santos 23 de setembro de 2020

      Contém correções: Prezado Boris, com todo respeito, mas as estradas que eu conheço não são as mesmas que vc. Vejo lugares que num espaço de 1 km existem 3 radares com 3 velocidades distintas, e às vezes com placa e radar ocultos por árvores, postes, e pasme, até por outras placas de trânsito. Radares fixos da velocidade máxima pelo ctb (100 km/h) são os melhores sinalizados. Os que alteram essa regra geral, diminuindo de uma hora pra outra essa velocidade, às vezes nem são sinalizados. Quanto aos radares móveis da máxima legal, é praxe a utilização destes onde há aceleração por mera ação gravitacional, onde por um momento de distração, a velocidade se eleva sozinha, e se a pista for de boa qualidade, não haverá risco real para o trânsito. Portanto, transparência nós radares é fundamental. Educação não é só punição, mas sim a presença de alertas e orientações constantes. Se assim não fosse, criar filho era só dar pancada e não orientar todos os dias

  • Avatar
    Paulo de Castro 23 de setembro de 2020

    E quanto aos radares de mão ou tipo pistola? Qual é a regra? Esses são os mais traiçoeiros. A gente só vê depois que foi multado.

  • Avatar
    Paulo 23 de setembro de 2020

    É pelo menos civilizado. Na Europa não existem tantos radares.

  • Avatar
    JEAN DEIVIS 23 de setembro de 2020

    Afinal para que serve o radar? se eu decidir me lixar pra multa eu vou passar a 200 por hora no radar e pronto, se houver um pedreste atravessando e se confiando no radar vai correr risco de ser atropelado, O QUE NÃO ACONTECE COM AS LOMBADAS FISICAS!!!! SE OS ORGAOS DE TRANSITO ESTIVESSEM REALMENTE PREOCUPADOS EM DIMINUIR A VELOCIDADE DOS VEICULOS ELAS INSTALARIAM L-O-M-B-A-D-A-S FISICAS E FIM DE PAPO!!! AH MAS LOMBADA FISICA NAO ARRECADA NAO EH MESMO??? E AINDA TEM AMEBAS QUE DIZ QUE A INDUSTRIA DAS MULTAS NAO EXISTE…OU SERÃO OS ESPERTOS QUE O DIZEM??

    • Avatar
      Leandro 23 de setembro de 2020

      Lombada física no Brasil só serve pra danificar carro que já sofre com o asfalto horrível. É uma lombada mais fora do padrão que a outra…

    • Avatar
      Wagner 24 de setembro de 2020

      Resposta certíssima.

  • Avatar
    maria angela garrido peres 22 de setembro de 2020

    mUITO BOM POIS RADARES A VISTA MOTORISTA SÁO MULTADOS ISSO VAI DA CONCIENCIA DELES

    • Avatar
      ROMILDO DE OLIVEIRA QUEIROS 23 de setembro de 2020

      Concordo plenamente onde moro tem dóis radar ao longo da rodovia a anos não funciona mesmo assim TDS diminuí a velocidade eu mesmo faço isso após instalar esses dois radares quase não tem acidente nesse trecho e olha que ele nem está funcionando

  • Avatar
    Jose Carlos Dias Pina 22 de setembro de 2020

    BOM!

  • Avatar
    Marcelo 22 de setembro de 2020

    Comprovado que 3% dos veículos que passam em um radar devidamente sinalizado, são multados. Mesmo os que passam pelo local todos os dias também correm o risco de uma multa. A indústria da sacanagem no Brasil é tem que acabar. Demorou muito pra isso acontecer. E cabe a cada motorista ser consciente da sua responsabilidade e dirigir como manda a Lei. Simples assim.

Avatar
Deixe um comentário