Brasil tem cinco fábricas de carro paradas por falta de componentes

Hoje a crise dos semicondutores é responsável por atrasos e até paralizações nas fábricas de carro pelo Brasil e outros países

nivus em producao na fabrica volkswagen anchieta
Crise dos semicondutores deixaram causam imprevisibilidade na produção de carros novos (Foto: Volkswagen | Divulgação)
Por Eduardo Rodrigues
12 de julho de 2022 11:04

A indústria automotiva passar por maus bocados nos últimos anos. A pandemia do Covid-19 obrigou que as fábricas parassem por alguns meses e diminuiu a demanda. Quando a situação pareceu melhorar veio a crise dos semicondutores, que criou uma aura de imprevisibilidade no mercado. A invasão da Ucrânia e o novo lockdown na China complicaram ainda mais a situação.

Como o fornecimento de chips está limitado, as filiais locais dos fabricantes precisam “brigar” para conseguir os componentes ou então cortar equipamentos para pode entregar os carros. No Brasil o resultado de tudo isso são cinco fábricas paradas.

VEJA TAMBÉM:

Nissan, Volkswagen, General Motors e a divisão de caminhões e ônibus da Mercedes-Benz estão com pelo menos uma de suas plantas sem produzir. Segundo o InfoMoney, a Anfavea estima que a indústria automotiva nacional deixou de produzir 170 mil veículos em 2022 devido a falta de componentes.

Com isso, a previsão de crescimento em 2022 quando comparado com 2021 diminuiu de 9,4 para 4,1%. Já a expectativa de vendas no mercado interno caiu de 8,5 para 1%, o que deve crescer são as exportações: de 3,6 para 22,2%.

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook Twitter Twitter Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário