Kwid elétrico é (quase) tão rápido quanto um Porsche

Desempenho do Renault no teste do alce foi apenas 1km/h inferior ao do Taycan Turbo S - o elétrico mais caro do mercado europeu

Por AutoPapo 28/04/21 às 14h08
kwid eletrico prata passando por testes em pista de corrida
Apesar da falta de atributos favoráveis, Kwid elétrico completou o teste com sucesso a até 77km/h (Imagem: YouTube | Reprodução)

O Kwid elétrico – chamado de Dacia Spring na Europa – tem um motor pouco potente mas é, por lá, o eléctrico mais barato do mercado. O modelo foi submetido ao teste do alce pelos espanhóis do KM77 e vejam que resultado impressionante: o compacto concluiu os testes com apenas 1km/h a menos que o seu rival mais caro, o Porsche Taycan Turbo S.

LEIA MAIS

O Kwid elétrico não tem nada a seu favor para um bom desempenho em manobras de evasão. Isso porque o modelo é um SUV, o que significa que é mais alto (logo, menos estável) do que um carro normal, sendo ainda mais pesado (devido às baterias). Por ser barato e visar o conforto, o Renault também não está equipado com suspensões duras e esportivas. Ainda assim, os espanhóis realizaram a manobra do alce a 77 km/h, sem tocar nos cones.

As suspensões macias dão a ideia que o Spring “dança” mais do que seria desejável, mas cumpriu a sua função e evitou o obstáculo, afirmou o site de notícias Observador.

Para se ter uma ideia de como o desempenho do Dacia é surpreendente, basta recordar que o modelo eléctrico mais caro do mercado, o Porsche Taycan Turbo S – a versão mais sofisticada e potente da gama, com suspensões pneumáticas e desportivas que regulam a altura ao solo – também foi submetido ao Teste do Alce. Mais baixo, mais largo e com pneus de melhor qualidade, de mais baixo perfil e igualmente mais largos, o Taycan Turbo S fixou em 78 km/h a velocidade máxima a que conseguiu realizar a manobra, apenas 1 km/h acima do Kwid elétrico, o que é uma vitória… para o Renault.

Não bastava o Taycan Turbo S ter sido batido pelo Tesla Model 3, que realizou a manobra a 83 km/h, apesar de se tratar da versão Long Range, sem suspensões desportivas, o eléctrico da Porsche vê-se agora quase igualado pelo Dacia Spring, que custa menos de 10% do seu preço.

O teste do alce consiste numa manobra evasiva, destinada a avaliar a eficiência e a estabilidade de um veículo quando é obrigado a desviar-se de algo que surja à sua frente, para de seguida regressar à sua faixa de rodagem, de modo a evitar o trânsito em sentido contrário.

4 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Sandro Silva 3 de maio de 2021

Meus dois estão parados devido a gasolina c preço na estratosfera… Se fossem elétricos, vários passeios!

Avatar
Rafael 30 de abril de 2021

Simples, o que o cara fez com o kwid ele nunca mais vai conseguir repetir na vida… é o que dá pra chamar de façanha…

Avatar
Seu Isaías do restaurante 30 de abril de 2021

Infelizmente não dá pra confinhar na eletrecidade do Brasil. Vide o que aconteceu no Amapá e estados vizinhos…

Avatar
Khawan 29 de abril de 2021

Kwid elétrico vindo para o Brasil com o preço abaixo de 150 mil vai vender muito ! É um carro comercial e a gasolina não tá favorecendo!

Avatar
Deixe um comentário