Nissan Kicks 2022 já está em produção no Brasil

SUV compacto que chega em março ostenta retoques na dianteira, traseira e um novo sistema multimídia; motor continua sendo o 1.6 aspirado

Por AutoPapo 11/02/21 às 18h00
carcaca do novo nissan kicks em producao na fabrica de resende no rio de janeiro
Kicks híbrido pode chegar ao mercado ainda em 2021 (Foto: Nissan | Divulgação) (Foto: Nissan | Divulgação)

O Nissan Kicks 2022 já está sendo produzido pelos mais de dois mil colaboradores da unidade industrial da fabricante japonesa em Resende, no Rio de Janeiro, que inclui 92 robôs e 159 AGVs (Automatic Guided Vehicles).

Desde a estamparia até a produção de motores do SUV, incluindo injeção e pintura de plásticos são realizados no país. Confira o que já sabemos sobre o novo Nissan Kicks.

LEIA MAIS

De acordo com a Nissan, informações sobre versões, especificações e lista de equipamentos serão reveladas no lançamento do modelo, que acontecerá em breve.

Nissan Kicks 2022

Apesar de não adotar um motor turbo para competir com os principais concorrentes, o Kicks 2022 vai oferecer uma variante híbrida. De acordo com o portal Autos Segredos, o Nissan Kicks E-Power chegará ao Brasil no final deste ano.

Os faróis, para-lamas, para-choque e capô são novos. A grade, que mantém o formato em “V”, também foi modificada e ficou maior. A iluminação SUV da Nissan passa a ser LED.

Na traseira, as lanternas receberam novas lentes. Há também um aplique em acrílico que as ligam. No para-choque estão as maiores mudanças.
Interior

O Nissan Kicks 2022 apresenta novos revestimentos de bancos e a central multimídia do Versa. O sistema de infotenimento conta com display touch screen colorido de 7″, Apple CarPlay, Android Auto, Bluetooth e é compatível com aplicativo Nissan Smart Phone.

Kicks para PcD

A imprensa tem indicado que, com o lançamento do novo Kicks, a versão com isenções de impostos para pessoas com deficiência (PcD) volte a ser disponibilizada.

1 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
WILSON CASSONE 20 de fevereiro de 2021

Boris, a uns bons anos atrás, se falava muito em COEFICENTE AERODINÂNICO, qualquer novidade de modelos era um item que se falava muito. Hoje ninguém mais fala nisso. Não tem mais nada a fazer ou as indústrias cansaram que lutar contra o vento??? Abraço.

Avatar
Deixe um comentário