Yamaha anuncia paralisação na produção de motocicletas

Atividades serão suspensas até o dia 12 de maio em razão da falta de suprimentos; colaboradores entrarão em férias coletivas

fabrica da yamaha em manaus am vista de cima
Yamaha chegou ao Brasil em 1970 (Foto: Yamaha | Divulgação)
Por AutoPapo
27 de abril de 2021 15:59

Considerando a situação adversa na cadeia de suprimentos decorrente da crise de abastecimento causada pelos efeitos da pandemia do coronavírus, e visando ajustar o fluxo do recebimento de insumos, a Yamaha suspenderá as atividades em algumas de suas linhas de produção de motocicletas, no período de 03 a 12 de maio.

LEIA MAIS

Nas linhas afetadas pela paralização, os colaboradores da fabricante que chegou ao Brasil em 1970 estarão em férias coletivas.

A produção de motores de popa, bem como as demais atividades operacionais da Yamaha Motor da Amazônia, Yamaha Motor Componentes da Amazônia e da Yamaha Logística permanecerão em plena atividade durante esse período.

Em 26 janeiro, o AutoPapo anunciou que a Moto Honda da Amazônia também informou a parada temporária de sua linha de produção. Na época, a fabricante argumentou que a suspensão se daria em virtude dos impactos da covid-19 nas cadeias de suprimento, que geram indisponibilidade de insumos para a produção, e o agravamento da pandemia.

24 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Vinícius Andrade 29 de abril de 2021

Meu quem está perguntando se sua(s) opinião é Honda ou Yamaha a melhor a reportagem é que a fábrica vai entrar em recesso o povim bobo

Avatar
Raimundo Manoel de Carvalho 29 de abril de 2021

#EuaviseiEleNão.

Avatar
Paulinho Gomes 28 de abril de 2021

Yamaha dó compra que so usou yamaha.

Avatar
Valdemir Carvalho 29 de abril de 2021

Independente da marca que gostamos, é muito triste essas coisas, porque todos dependemos de uma economia funcionando bem. Esperamos que essas situações se resolvam.

Avatar
Daniel oliva 28 de abril de 2021

É uma pena tudo isso está acontecendo,pois sou fã da Yamaha tenho uma Ténéré 250 e não troco nunca por uma Honda.

Avatar
Karina Dalla Costa 28 de abril de 2021

Isso aí Honda e lixo perto da yamara

Avatar
osnir 28 de abril de 2021

tenho uma xtz 660 tenere não tem melhor

Avatar
Marcelo 28 de abril de 2021

Sou fã de Yamaha desde os tempo dos motores 2T, ja tive RX, RD, YBR, Fazer 250 e por último uma moto espetacular que a Yamaha teve o desprazer de tirar de linha Ténéré 250. Com isso depois de muutos anos mudei de marca, agora estou de Kawasaki versys 300X tendo em vista que a yamaha não irá lançar uma moto a sltura. Infelizmente a marca não tem muito interesse no mercado brasileiro, e ora mim não é novidade nenhuma ela tomar essa atitude.

Avatar
Paulo Roberto 28 de abril de 2021

To lascado comprei a minha essa semana ta pra chegar até o dia 12 de maio aff já vi que vou ficar a pé mas um mês.

Avatar
Joel 28 de abril de 2021

Fica dando brecha para outras marcas entra no mercado brasileiro, e cair no gosto, e ser mais acessível para o brasileiro e depois de um tempo fala que está saindo do país por falta de Competitividade igual as outras fizeram…………

Avatar
eduardo rodrigues 29 de abril de 2021

Verdade, queria eu que a Ktm viesse e solidifica se melhor no Brasil, ainda tenho receio de comprar uma, pois a tecnologia dela é bem maior que as concorrentes.

Avatar
João Roberto Silva Rodrigues 28 de abril de 2021

Particularmente eu sempre usei a marca HONDA, e ano passado eu comprei logo no mês de lançamento aqui no Brasil a XTZ Lander 250cc, meus amigos, tive decepção com a marca Yamaha, o quadro da moto estava descascando a pintura toda, e outra a pintura do cubo das rodas também estavam nas mesmas condições e sem contar que a moto não serve pra cão de terra e muito menos pra estrada, a moto não tem estabilidade nenhuma quando vai chegando a 100 km por hora, pensa numa porcaria que a Yamaha fabricou, nem esperei dá um ano, passei logo em frente essa mer..!

Avatar
José Roberto dos Santos 28 de abril de 2021

Yamaha volta logo porque tenho intenção de trocar minha Tracer.

Avatar
José Carlos de Moraes 27 de abril de 2021

Yamaha é top , é diferente,vamos esperar ,a Honda pode desparar na venda, não tem problema.

Avatar
Lucas 29 de abril de 2021

A Honda sempre esteve disparada nas vendas kkkk, dá um confere no Google kkkk

Avatar
Nenê Ximenes 27 de abril de 2021

Faz a XT 660 de novo que tudo melhore 👍😄😄

Avatar
Antônio 27 de abril de 2021

Quem gosta da marca espera sempre, sou muito fã da Yamaha.
Motor 250 cil é o melhor.

Avatar
José Arimateia 28 de abril de 2021

Carai, 250 cilindros!

Avatar
José Arimateia 28 de abril de 2021

É 250cc burrão.

Avatar
Sergio Raimundo Robadel 27 de abril de 2021

Isso mesmo, enquanto a concorrente Honda tá adorando essa paralização kkk

Avatar
Denilson Antunes Rodrigues 27 de abril de 2021

a Honda pode vender mais motos ,só que a Yamaha e muito superior , a Honda só vende mais porque exigido do governo do Brasil 25 anos de exclusividade, nenhuma outra fábrica poderia fábrica motos no Brasil

Avatar
Thales 28 de abril de 2021

E tão superior que os plásticos da moto no instante fica ressecados e aranha fácil, sem contar nos ferrugens precoce.

Avatar
Lucas 28 de abril de 2021

A Yamaha chegou 1°no Brasil,deu mole a Honda chegou e patenteou 20 anos sem q nenhum fabricante podesse usar motor 4 tempo,no período da presidentes militar aproveitando os generais q iam se aposentando e colocando na empresa ficando mais forte

Avatar
Alex 28 de abril de 2021

A Honda não tá dando conta da sua própria demanda faz 2 meses que fui contemplado e nada, paguei ontem o boleto e andando a pé

Avatar
Deixe um comentário