Honda FT500 Ascot 1982 que nunca saiu da caixa está a venda

A FT500 Ascot foi desenvolvida para superar a Yamaha SR500; hoje ela é uma motro retrô popular cobiçada por quem gosta de estilos vintage

A Honda FT500 Ascot tem 33 cv de potência
A Honda FT500 Ascot tem 33 cv de potência (Foto: Reprodução)
Por Bernardo Castro
05 de abril de 2022 15:17

Não é raro encontrar posts na internet que mostram veículos especiais abandonados – ou mesmo esquecidos – em algum galpão. Também é relativamente comum as publicações que mostram automóveis que foram mantidos em perfeito estado de conservação, que o hodômetro acusa uma quilometragem tão baixa que o modelo parece ter saído da fábrica recentemente.

Esse segundo exemplo pode ser aplicado à essa Honda FT500 Ascot de 1982, que permaneceu em sua caixa de fábrica desde que foi entregue à Northline Motorcycles de Houston, no Texas. O modelo está praticamente intocável, pois sua venda nunca aconteceu e ela sequer chegou a ser desembalada.

Os interessados nesse modelo “novo” podem se cadidatar para a compra, mas o preço não foi divulgado.

VEJA TAMBÉM:

A Honda FT500 Ascot

A marca japonesa tinha grandes esperanças para essa motocicleta quando ela foi lançada em 1982. A fabricante trabalhou para garantir que ela fosse tecnologicamente superior à sua rival direta, Yamaha SR500, em todos os aspectos.

Em sua produção foi utilizado uma versão modificada do motor da Honda XR500. O propulsor era monocilíndrico de 498 cc, quatro tempos, refrigerado a ar e quatro válvulas com eixo de equilíbrio para ajudar a domar as vibrações.

Toda força do motor era enviado para as rodas traseiras através de um câmbio de 5 velocidades. Além disso, a FT500 Ascot tinha freios a disco dianteiro e traseiro, ignição eletrônica, rodas de liga leve e suspensões ajustáveis. O propulsor oferecia 33 cv e 4 kgfm de torque. Os números são modestos,é verdade. Mas foi o suficiente para superar a SR500.

Apesar de cumprir o objetivo de ser mais tecnológica que a rival, a FT500 Ascot foi um fracasso de vendas e a Honda interrompeu sua produção em 1983. Sua sucessora, a VT500, também foi um fiasco e a família de modelos desapareceu ao fim de 1984.

Apesar da baixa popularidade na época, hoje a FT500 se tornou uma moto retrô popular e cobiçada por quem procura motocicletas vintage leves e com boa confiabilidade. Por isso, esse exemplar que nunca saiu da caixa pode ser uma boa aquisição.

👍  Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.

TikTok TikTok YouTube YouTube Facebook Facebook Twitter Twitter Instagram Instagram

Ah, e se você é fã dos áudios do Boris, procure o AutoPapo nas principais plataformas de podcasts:

Spotify Spotify Google PodCast Google PodCasts Deezer Deezer Apple PodCast Apple PodCasts Amazon Music Amazon Music
1 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
André L. 7 de abril de 2022

Uma ML bombada. Mas não deixa de ser interessante…o problema, claro é que vão pedir uma pequena fortuna por ela.

Avatar
Deixe um comentário