Yamaha NMAX 160 ABS Star Wars: o scooter das galáxias

Com visual inspirado nas naves espaciais da série Guerra nas Estrelas, o scooter NMAX 160 ABS ganha duas versões: Império Galáctico e Aliança Rebelde.

yamaha stars war imperio 12
Yamaha NMAX 160 ABS Star War Império Galáctico (Foto: Yamaha | Divulgação)
Por Teo Mascarenhas
26 de setembro de 2020 13:00

Inspiradas na saga Star Wars, uma das mais badaladas séries de ficção científica cinema, a Yamaha lançou a edição limitada do scooter NMAX Star Wars em duas versões: Império Galáctico e Aliança Rebelde.

Sob franquia da Walt Disney Company, os scooters possuem nas laterais a inscrição “Edição Especial” escrito no alfabeto Aurebesh, adotado no universo Star Wars e visto nas espaçonaves, monitores e equipamentos dos filmes. A escrita, para os fãs da série, pode ser decodificada e traduzida.

A versão Império Galáctico, tem a cor preta e foi baseada nas TIE-Fighter, uma nave espacial militar fictícia, ágil e rápida, impulsionada por propulsores de íons gêmeos.

VEJA TAMBÉM:

A versão Aliança Rebelde, na cor branca, traz intencionalmente na carenagem, traços de leve desgaste, como os apresentados nos caças estelares X-Wings Starfighters utilizados por Luke Skywalker, exatamente no conflito da Aliança Rebelde contra o Império Galáctico.

Motor e câmbio

O scooter NMAX 160 ABS, base das versões Star Wars, tem motor de 155 cm³ com um cilindro e refrigeração líquida. A potência atinge 15,1 cv a 8.000 rpm e o torque 1,47 Kgfm a 6.000 rpm.

Entretanto, para ganhar mais fôlego nas constantes reacelerações do trânsito e também mais velocidade nas retas, tem uma inédita solução de engenharia (para um scooter), no motor. Um mecanismo, que altera o tempo de abertura das válvulas (através de um dispositivo móvel elétrico), adequando a respiração do motor, conforme a necessidade.

Assim, até 5.000 rpm as válvulas funcionam em um ritmo privilegiando a força. Acima disso, as válvulas atuam com tempo de abertura diferente, facilitando a potência. O motor também conta com refrigeração líquida, com radiador disposto lateralmente e injeção eletrônica.

O conjunto mecânico fica acoplado a um câmbio automático, do tipo CVT, facilitando bastante a pilotagem.

Prós e contras

Para ajudar na tarefa, o painel totalmente digital, conta com o computador de bordo, além de uma luzinha de alerta para a hora da troca de óleo e das correias do câmbio.

Outra mordomia fundamental nos urbanos scooters, também está presente no NMAX 160 ABS: o porta-malas em baixo do banco, com capacidade para 25 litros, que também acomoda um capacete do tipo fechado.

O estilo mais esportivo da família MAX (como o foguete TMAX 560, não disponível no Brasil), entretanto, impôs algumas restrições. Por conta de uma arquitetura de quadro com tubos elevados, o NMAX 160 ABS tem um vão central bastante alto (como nas motos), que dificulta o embarque e desembarque, corriqueiro no uso urbano.

Por outro lado, proporciona um bocal de tanque de combustível, com capacidade para 6,6 litros, de fácil acesso, que permite o abastecimento sem descer, também como nas motos.

Outra comodidade está no confortável banco, com posição de garupa levemente mais elevada que ganha mais espaço e visibilidade. Porém, as rodas com aros de apenas 13 polegadas de diâmetro deixam o conjunto mais vulnerável nas irregularidades do piso.

Para compensar, os freios são ABS de série nas duas rodas, com discos de 230 mm em ambas. A suspensão dianteira tem 100 mm de curso e a traseira com duplo amortecedor, 90 mm de curso. A iluminação é em LED.

Preço do NMAX 160 ABS Star Wars

A tiragem do NMAX 160 ABS é limitada em 340 unidades, tanto para versão Império Galáctico, quanto para a versão Aliança Rebelde, com preço sugerido de R$ 13.400, somente pelo site oficial da Yamaha (clique aqui).

Fotos Yamaha | Divulgação

Teo Mascarenhas

Especialista na cobertura do mercado de motocicletas e competições com mais de 30 anos de experiência.

Teo Mascarenhas
11 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
José Netto 27 de setembro de 2020

Lindas as duas versões!!

Avatar
Wellington Lima dos Santos 27 de setembro de 2020

Muito linda,já reservei a minha ontem!
Ansioso pra chegar novembro logo kkkkkk

Avatar
Flávio Guimarães Araújo 27 de setembro de 2020

uma pena que a capacidade do tanque continue tão pequeno assim como as rodas… sem falar nos amortecedores que não foram adaptados para a realidade dos nossos terrenos esburacadas fazendo sofrível a pilotagem. a scooter é excelente mas o conjunto amortecedores é ridículo!!!

Avatar
Mateus 30 de setembro de 2020

Exatamente a moto é d mais pois o conjunto suspensão Naum presta horrível vendi a minha por conta desse defeito

Avatar
Lúcia de Fátima picanço Coelho da Silva 27 de setembro de 2020

Tenho moto neo Yamaha 12 anos para mim e a melhor

Avatar
Ronaldo Andrade Pereira 26 de setembro de 2020

Eu já tive várias motos já trabalhei na rua,comprei uma usada a n Max é uma moto moderna inteligente super econômica e tem um compartimento em baixo do banco que guardo o mochila viajo tranquilo só tem que abastecer sempre o tanque só cabe 5 litro

Avatar
Marcus vinicius gomes 27 de setembro de 2020

Achei muito bonita vou queret saber mas a respeito dela

Avatar
marcos António costa Lopes 26 de setembro de 2020

Muito linda tenho uma neo e quando tiver condições vou ter uma dessas com certeza nem que seja usada…

Avatar
NEILTON FRANCISCO FERREIRA 26 de setembro de 2020

Qual documento precisa para tirar uma precisa dar entrada

Avatar
George 26 de setembro de 2020

Gostaria de comprar um scooter de a yamaha

Avatar
marcos António costa Lopes 26 de setembro de 2020

Sim já tenho uma neo 125 …

Avatar
Deixe um comentário