Ford vai lançar 3 SUVs para preencher ‘buraco’ na linha

Hoje, quem vai comprar um utilitário esportivo da Ford tem apenas duas opções com uma lacuna de de mais de R$ 200 mil entre elas

Por Boris Feldman 25/05/20 às 16h20
ford escape 9
Ford Escape (Foto: Ford | Divulgação)

Os utilitários esportivos (SUVs) estão na moda. É o segmento que mais cresce no mercado brasileiro e de vários outros países. Nós estamos vivendo uma enxurrada de lançamentos de SUVS no Brasil. Nem mesmo a quarentena foi capaz de sossegar o lançamento de novos modelos do segmento.

E se você tem um EcoSport, da Ford, e quer continuar na linha de utilitários esportivos da Ford, você fica meio sem opção, hein?!

Porque do EcoSport, que custa hoje na faixa de R$ 80 mil até R$ 110 mil, você tem que pular para o Edge, que vem importado para o Brasil. Quase R$ 300 mil, você pensa: “mas eu quero continuar na linha Ford, eu gosto do EcoSport. Eu estou acostumado com o concessionário Ford, ele me presta uma boa assistência.”

VEJA TAMBÉM

Então espere, porque a Ford tem vários SUVs vindo aí. A começar de um que ela vai trazer da China, o Territory, que é maior que o EcoSport. Vai trazer também o SUV chamado de Kuga na Europa e Escape nos Estados Unidos – não sabemos o nome no Brasil. Esses dois virão este ano, com quase toda certeza.

Veja fotos do Ford Escape

Mas, tem uma outra novidade menor do que o EcoSport, para brigar na faixa do T-Cross ou do novo Nivus, que é o SUV cupê que a Volkswagen está lançando brevemente. A Ford vai produzir em Camaçari (BA), entre 2021 e 2022, um novo SUV compacto, menor que o EcoSport.

Então, a linha de SUVs da Ford, para quem gosta e quer a marca, vai começar de um utilitário esportivo menor que o EcoSport para o ano que vem ou 2022.

Porém, nos próximos meses, Territory, vindo da China – um pouquinho maior que o EcoSport -, e Escape, ainda um pouco maior, para fechar a gama de SUVs da Ford.

Veja fotos do Ford Territory

Fotos: Ford | Divulgação

SOBRE
2 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Avatar
    Josimar 26 de maio de 2020

    Tive um Tiggo (metido à SUV), gostei do carro no início, mas depois vi que é muito dispendioso. Manutenção é cara, bebe mais que os demais (mesmo com GNV), pneus caríssimos, oscilava um pouco nas curvas (tem que ter cuidado), ou seja, não vale a pena. Troquei por um Logan 1.6, pois preciso de espaço na cabine e no porta malas. Acredito que SUV, nunca mais. SUV para achar vaga em estacionamento, é complicado. Não quero carro para ostentar, somente para transporte.

  • Avatar
    Jorge Nicolau 25 de maio de 2020

    Só uma correção, o Kuga ou Escape é menor que o Territory, mas é mais refinado e será mais caro. O Territory é inclusive um pouco maior do que o Jeep Compass.

Avatar
Deixe um comentário