Conheça 4 inimigos da pintura do carro e como combatê-los

Elementos comuns no dia a dia podem danificar a pintura do carro se o motorista bobear, mas a prevenção é simples

Por Felipe Boutros 10/06/20 às 16h29

Deixar o carro exposto ao sol pode ser danoso, mas outros elementos podem desbotar ou manchar a pintura do carro. Enquanto a incidência de raios solares queimam a pintura e desbotam a cor do carro, fezes de pássaros e a seiva de árvores são prejudiciais e de difícil remoção, pois são muito ácidos e, além da pintura, danificam quimicamente o verniz

Nas garagens cobertas,  as goteiras, que carregam sais,  são as vilãs que podem estragar a pintura do veículo.

Segundo o gerente técnico de repintura automotiva da PPG, Ricardo Vettorazzi, não é possível determinar o que pode ser mais ou menos prejudicial, pois variáveis como o tempo de exposição e situação da pintura influenciam no grau de desgaste.

VEJA TAMBÉM:

“Fezes de pássaros e a seiva de árvores são prejudiciais e de difícil remoção, pois são muito ácidos e, além da pintura, danificam quimicamente o verniz. Podemos indicar também a incidência de raios solares, que queimam a pintura e desbotam a cor”, explica.

Como evitar danos a pintura

Vettorazzi explica que realizar a limpeza e proteção da pintura com a lavagem e aplicação de ceras protetoras periodicamente podem ajudar na conservação. Mas ele ressalta que é de extrema importância utilizar produtos adequados para a aplicação automotiva, com pH neutro e livres de agentes químicos agressivos.

No caso da vaga descoberta, a utilização da capa de carro também é indicada para proteger a pintura do veículo contra os elementos citados na questão anterior. Porém, a capa deve ter o material adequado para o uso automotivo.

Como escolher e usar a capa de carro

A escolha do tipo do material da capa de caro depende muito do ambiente e do tipo de exposição do veículo. No caso de áreas descobertas, por exemplo, é indicado o uso de uma capa impermeável, que irá proteger o carro da  chuva.

Outro cuidado importante é realizar a limpeza adequada do veículo antes de utilizar a capa. Cobrir o carro empoeirado pode causar riscos, e cobrir o mesmo com umidade pode causar manchas.

Não exagere nos polimentos

Outra dica importante é não exagerar nos polimentos. Ao contrário do que possa parecer, aplicações frequentes do produto não ajudam tanto na conservação da pintura ou repintura quanto se imagina. E esse cuidado vale para todas as cores de veículos, inclusive os brancos.

Vitrificação em carro 0 km vale a pena? Boris Feldman explica no vídeo:

Fotos: Shutterstock

3 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Avatar
    Cris 10 de junho de 2020

    Minha esposa.

    • Avatar
      Dexter 11 de junho de 2020

      Cadê?

  • Avatar
    Fábio 10 de junho de 2020

    Dos itens agressivos as fezes de pássaros realmente são as piores de todas. Eu sempre levo em meu carro uma garrafa de água e lenços umedecidos. Caiu na pintura faço a remoção imediatamente quando vejo, porque depois que o verniz é danificado as vezes nem polimento resolve.

Avatar
Deixe um comentário