Saudades das peruas? Eis 5 modelos de SUVs podem suprir a carência

Listamos alguns modelos que estão mais para hatches ou crossovers e que podem ser a solução familiar na ausência das wagons

Por Fernando Miragaya 10/01/21 às 08h30
volkswagen nivus highline 2021 cinza dianteira
Volkswagen Nivus tem muito em comum com o Polo (Alexandre Carneiro | AutoPapo)

Com saudades de uma perua, né minha filha? Pois é, elas se foram. Nem dá para dizer que estão em extinção porque station wagons, hoje, só em marcas de luxo. Para se ter ideia, o representante mais barato desta categoria é a Audi RS 4 Avant, a variante esportiva que custa R$ 617 mil. O jeito é buscar consolo em alguns modelos ditos SUVs que ainda podem ter uma pegada familiar em diferentes aspectos.

VEJA TAMBÉM: 

São crossovers e hatches mais parrudos. Esses modelos são classificados como SUVs pelos fabricantes, mas não têm a altura exagerada de um utilitário esportivo, e podem ser uma opção para quem tem saudades das peruas e não abre mão de ter um veículo 0 km. Separamos 5 destes veículos que podem quebrar um galho para você suprir a ausência das stations e levar a família numa boa.

Esses 5 modelos de SUVs podem suprir a ausência das peruas

1. Peugeot 2008

Peugeot 2008 Allure
Peugeot 2008 Allure

Talvez o crossover hoje que mais se pareça com uma station ao se olhar de perfil. O 2008 é isso, uma espécie de hatch parrudo misturado com perua. Tem boa altura, o que dá a boa sensação de amplitude dentro da cabine, mas o banco traseiro só acomoda mesmo dois adultos e uma criança. O porta-malas também garante bons 355 litros e o carro oferece vão livre do solo de 20 cm.

O SUV compacto da Peugeot feito em Porto Real (RJ), hoje, é vendido em três versões de acabamento, com preços de R$ 84.990 a R$ 97.290, sempre com o motor 1.6 16V de 118/115 cv. Só a edição especial InConcert é equipada com o 1.6 turbo THP de 173/165 cv.

2. Suzuki S-Cross

suzuki s cross 2019
Todas as versões do S-Cross vêm com tração integral (Foto: Suzuki | Divulgação)

Outro que está mais para hatch bombado, porém é de uma marca referência no universo off-road. Tanto que o S-Cross é vendido com o sistema de tração AllGrip, com modos snow, sport e lock, que jogam até 15% do torque de 23,5 kgf.m (a 1.700 rpm) para o eixo traseiro. Força que vem do bom motor 1.4 turbo, com injeção direta e 146 cv de potência.

O crossover da marca japonesa é importado da Hungria em duas versões, com preços de R$ 139.990 e R$ 152.990. Tem vão livre do solo de 20,5 cm e o entre-eixos de 2,60 m acomoda bem dois adultos no banco traseiro, com direito a um passageiro infantil. O porta-malas que é o destaque, com 440 litros.

3. Volkswagen Nivus

volkswagen nivus highline 2021 cinza frente
Suspensão elevada não comprometeu a estabilidade

O Nivus é bonito, mas vamos combinar que seu estilo acupezado e seu porta-malas bem mais generoso que o do T-Cross o transformaram em opção familiar entre os modelos de SUVs da Volkswagen. Se ele tem espaço interno de Polo – o que garante bem quatro passageiros adultos mais uma criança -, o porta-malas de 415 litros faz a diferença quando se quer viajar em família.

Lançado no segundo semestre de 2020, o Nivus é vendido em duas versões, sempre com o motor 1.0 TSI de 128/116 cv e câmbio automático de seis marchas. Custa R$ 90.890 na Comfortline e R$ 104.090, na Highline mais completa.

4. Citroën C4 Cactus

Citroen C4 Cactus Fotos Alexandre Carneiro
C4 Cactus tem opção de motores 1.6 aspirado ou turbo (Foto: Alexandre Carneiro | AutoPapo)

Único modelo de passeio vendido pela marca francesa hoje no país – apesar de a montadora não admitir oficialmente -, o Cactus tem excelente distância do solo (22,5 cm) e nem por isso parece um SUV, devido ao corte reto do teto e linha de cintura alta. O porte vem acompanhado de um design diferente e bastante moderno, que agrada a muita gente.

O modelo usa a plataforma PF1 da PSA em Porto Real (RJ), do antigo 208, e tem 2,60 m de entre-eixos. Leva bem dois adultos e uma criança no banco traseiro, mas o porta-malas é apenas razoável, com 320 litros. É vendido em quatro versões a partir de R$ 94.990 com o 1.6 16V de até 118 cv e caixa automática de seis marchas, mas THP só na topo de linha Shine, de R$ 120.990.

5. Honda WR-V

honda wr v 2021 reestilizado movimento
Derivado do Fitt, WR-V tem interior espaçoso (foto: Honda | Divulgação)

O WR-V sempre foi considerado um Fit bombado e isso não é mentira. Feito sobre a mesma plataforma do monovolume, também herda a boa solução interna do parente mais baixo, que o configura como um bom carro para a família. O crossover compacto da marca japonesa dispõe do sistema Magic Seat, de modularidade de bancos, que permite que a capacidade para bagagens salte de 363 litros para 1.045 litros com o banco traseiro praticamente no nível do assoalho.

Algo elogiável para um modelo com apenas 4,06 m de comprimento e 2,55 m de entre-eixos. De qualquer forma, o banco traseiro leva bem, de fato, dois adultos e uma criança. Remodelado em 2020, o WR-V agora tem ESP de série e é oferecido em três opções de acabamento, a partir de R$ 83.400, com motor 1.5 de 116/115 cv e câmbio CVT.

Bônus: modelos de SUVs menos exagerados no segmento premium

6. Mercedes-Benz GLA

mercedes benz gla 200 advance azul de frente em movimento
Nova geração do GLA deve chegar ao mercado em 2021 (foto: Mercedes Benz | Divulgação)

O porte largo e a linha de cintura baixa fazem com que o modelo mais acessível entre os SUVs da Mercedes seja rapidamente confundido com um hatch aventureiro. Mas o modelo pode ser usado tranquilamente por famílias um pouco mais abastadas, digamos assim. O modelo começa em R$ 207.900 na configuração GLA 200, com motor 1.6 turbo de 156 cv e 25,5 kgfm, e chega a R$ 297.900 na GLA 250, com 2.0 de 211 cv e 35 kgfm.

É um dos mais espaçosos desta lista. Com 4,41 m de comprimento e 2,69 m de entre-eixos, acomoda com conforto até cinco ocupantes adultos. E ainda oferece um bom porta-malas, com 421 litros de capacidade.

7. BMW X1

bmw x1 m sport 25 anos serie especial teto solar
Motor 2.0 turboflex de 192 cv é destaque no X1 (foto: BMW | divulgação)

Lançada em 2015, essa segunda geração do X1 também pode ser uma opção familiar de luxo dentro da marca premium alemã. Tanto que “marqueteiramente”, a BMW chama o X1 de SAV, sigla para Sports Activity Vehicle… Enfim, o crossover não é muito alto e tem bom espaço interno, proporcionado pelos 4,43 m de comprimento e 2,67 m de entre-eixos, além de uma ótima carga útil de 590 kg.

Produzido em Araquari (SC), o menor dos SUVs da montadora alemã é comercializado em três versões com preços entre R$ 247.950 e R$ 284.950. O motor é o turboflex 2.0 de 192 cv e 28,5 kgfm de torque, ou 231 cv e 35,7 kgfm, sempre com câmbio automático de oito marchas e tração dianteira ou integral sob demanda: esse conjunto equipa ainda outros modelos da marca, como o Série 3.

7 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Zé sou eu 30 de junho de 2021

Tive uma Palio Weekend 2000, Stile, 1.6 16V, que comprei do primeiro dono com 28 mil km, carro completo, inclusive com airbag (só no volante). Carro excelente, acabamento muito bom, desempenho e consumo super aceitáveis, super espaçoso. Abaixando o banco traseiro dava para dormir duas pessoas. Me deu grandes alegrias enquanto foi meu. Vendi com extrema facilidade quando decidi trocar. Uma pena que o “mercado” tenha matado o segmento de peruas no Brasil.

Avatar
Vítor Hugo Ochinslz 16 de janeiro de 2021

5 modelos que não tem absolutamente nada a ver com as peruas.

Avatar
SUV 10 de janeiro de 2021

Das que estão aí só a Mercedes e a BMW que salvam, o resto é só projeto de SUV e porcarias.

Avatar
Alves 10 de janeiro de 2021

Esse peugeot 2008 por mais de 80.000 com esse motor 1.6 aspirado tem pessimo custo beneficio, era pra o thp em todas as versoes. O nivus tem muito agio pelo fator novidade, mas mecanicamente eh a melhor opcao. A BMW x1 eh realmente uma perua de salto alto, suv nem de longe, pra disfarcar… Sav… Kkk, porem nao deixa de ser um bom carro.

Avatar
Anderson 27 de fevereiro de 2021

Eu como produtor rural pego desconto no Nivus. 100.000,00 a versão top, mas sinceramente 100 mil num carro 1.0?
Me neguei a pegar…
tinha vendido minha amarok 2.0 4×4 diesel por fipe ou seja, 88mil me deu vontade de ir comprar ela de volta.
Aí acabei optando por uma c180 2018 com17 mil km por 110 mil.

Avatar
Renato 10 de janeiro de 2021

O repórter esqueceu do veículo que eu considero mais parecido com uma perua: a Spin.

Avatar
Samuel Peixoto paim 10 de janeiro de 2021

Existe hoje potência sobre algumas marcas você se apaixona quanto mais luxo mas caro é conforto e potência é um preco é outro perfeição custa caro

Avatar
Deixe um comentário