[Vitrine] SW4 SRV seminovo atrai por robustez e espaço interno

SUV derivado da picape Hilux, modelo tem na versão topo de linha ótimo espaço interno e a robustez do conjunto 4x4

Por Fernando Miragaya 10/03/20 às 19h17
Especial para o AutoPapo

O SW4 é aquele exemplo clássico de como a marca Toyota está acima até mesmo do modelo. Não que o SUV grande da marca japonesa seja ruim. Mas há rivais melhores, mais equipados e baratos.

Assim mesmo, geralmente, o modelo da marca japonesa vende mais. E não estamos falando da atual geração, e sim da anterior, linha 2013. Nessa época, o Toyota SW4 superava até utilitários menores nos emplacamentos.

Avaliamos o Toyota SW4 SRV 3.0 4×4 2013 que tem preços entre entre R$ 112 mil e R$ 125 mil.

VEJA TAMBÉM

Mistérios do mercado automotivo à parte, o fato é que o SW4 tem no conforto seu maior apelo. Acomoda muito bem cinco pessoas e ainda há as configurações para sete passageiros – embora os banquinhos extras sirvam mais para crianças de até 10 anos. Motorista tem sobras para pernas, ombros e joelhos e ainda se vale de ajustes elétricos nos bancos.

A ergonomia só não é melhor porque o carro é grande. Alguns comandos ficam fora do alcance dos olhos e requerem aquela esticada do corpo, como os comandos do ar-condicionado. A visibilidade é boa na maior parte do tempo e na hora de estacionar há a bem vinda câmera de ré na SW4 SRV.

Geração do Toyota SW4 fabricada em 2012 e 2016
Geração do Toyota SW4 fabricada em 2012 e 2016
Toyota SW4 SRV Nota
Desempenho 3 ★★★☆☆
Espaço interno 5 ★★★★★
Equipamentos 2 ★★☆☆☆
Segurança 3 ★★★☆☆
Liquidez 2 ★★☆☆☆
Pós-venda 2 ★★☆☆☆

Contudo, faz falta um sensor de estacionamento dianteiro devido ao capô retão e ao para-choque generoso. A propósito, em termos de equipamento desta que é a configuração topo de linha, o SW4 SVR, outras ausências são sentidas.

São seis airbags, controles de estabilidade e tração, bloqueio do diferencial central, faróis de xenônio e retrovisor eletrocrômico. Deve assistente à partida em rampas e Isofix.

Bom pacote de equipamentos

Toyota SW4 2012 a 2016 na estrada
Toyota SW4 é opção para quem precisa de SUV espaçoso

Na parte de conforto, destaque para o ar-condicionado automático bizona na frente e com saída ajustável para o banco traseiro. Também traz retrovisores rebatíveis eletricamente, sensores de luminosidade e chuva e central multimídia com GPS, entrada USB e DVD.

Os bancos em couro melhoram o requinte a bordo. Também há imitação de madeira no aro superior do volante e alguns detalhes com costuras aparentes. Contudo, o plástico rígido domina bastante o painel. O design também é meio que uma confusão de estilos.

  • Legal: conforto, espaço, desempenho off-road e posição de dirigir
  • Ruim: acabamento interno e equipamentos

Desempenho do motor diesel do SW4

No rodar, o SW4 agrada a maior parte do tempo. O motor 3.0 turbodiesel da linha 2013 já tinha a potência elevada para 171 cv (eram 163 cv). Para um SUV com mais de 2 toneladas, é apenas o suficiente – e dosado pela caixa automática de cinco marchas.

Mesmo assim, é fácil alcançar os 110 km/h na estrada e as retomadas são asseguradas pelo torque de 36,7 kgfm, que aparece nas 1.400 rpm.

A tração 4×4 reforça a robustez no fora de estrada. Com estrutura sobre longarinas, o SW4 é um SUV que encara bem trechos off road de dificuldade média. Mesmo lama excessiva ou buracos são páreos para o jipão, que tem reduzida e bloqueio do diferencial.

Mas como é derivado de uma picape e tem dimensões generosas, não deixa de ser desengonçado na estrada. Os controles de estabilidade dão uma aliviada, mas nas curvas a carroceria torce bastante e a suspensão sente cada ondulação de buraco do asfalto – ainda mais com o robusto eixo rígido no jogo traseiro.

Custo de manutenção

Na manutenção, deve-se lembrar que o SUV grande não tem revisão preço fixo acima dos 60.000 km. Além disso, é bom ter atenção especial aos freios do SW4 usado desta geração, que costumavam apresentar problemas. Os preços das peças são normais, mas os componentes externos são bem caros.

Cesta de peças Preços
Kit com 2 amortecedores traseiros R$ 798,00
Jogo com 4 pastilhas de freio dianteiras R$ 540,00
Farol dianteiro esquerdo R$ 3.895,52
Lanterna traseira direita R$ 1.395,99
Retrovisor externo esquerdo R$ 1.608,04
40 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Avatar
    Carlos 30 de agosto de 2020

    Tenho uma SW4 2006 tem um único problema e não consigo resolver, sempre pela manhã apos ligar se eu sair logo sem aquecer o motor, tem uma batida feia, assim que ando um pouco não faz mais barulho.
    Alguém pode ajudar?

  • Avatar
    Fábio 30 de agosto de 2020

    Pretendo comprar SW4 2014 ou 2015. Como funciona a manutenção? O consumo médio, qual seria? Vale a pena?

    • Avatar
      Francisco 21 de outubro de 2020

      Fábio:
      Eu tive uma SW4 2013 diesel e acho que a diferença da 2015 é só a cor do painel.
      Hoje tenho uma 2019 (diesel), mas, sinceramente, tenho saudade da outra.
      A atual perdeu muito da robustez da anterior. Virou um carro de passeio.
      Por outro lado, é muito mais macia, tem mais equipamentos de segurança, e a média de consumo melhorou.
      Antes fazia a média de 10,5 km/l (urbano e estrada). Com a nova chego a fazer 12,5 km/l.
      Como muitos já disseram: Quem compra um veículo da Toyota jamais trica de marca!

  • Avatar
    EMERSON MASCARENHAS VAZ 18 de março de 2020

    Caros leitores, peço minhas sinceras desculpas se os ofendi. De fato, no Brasil não temos muitas opções de SUV e os poucos que existem são valores elevadíssimos, mormente com os de nível maiores, a exemplo da Mercedes Bens, Land Rover, Audi e BMW, que, de fato, estão nu patamar maior. Mas, ressalto-lhes, que, a minha crítica é com relação à marca quanto à política de preço por ela adotada em todos os sentidos, mormente ao cobrado pelo referido veículo em comento. É claro que ela possui outros veículos, embora caros, mas, de qualidade, a exemplo do Corolla, entre outros. Mas, vamos ser realistas acerca dos preços neste país, mormente por conta da Toyota que montam os seus veículos aqui e cobram muito caros, corroborando com o aumento de preços pelas outras montadoras. Querem ver um exemplo: com o valor da SW4 zero KM, dá para comprar uma BMW X5, Mercedes GLE 350, Audi Q7, Ranger Rover Sport, etc., seminovas (2017 e 2018) e ainda na garantia.

  • Avatar
    EMERSON MASCARENHAS VAZ 18 de março de 2020

    Caros leitores, apenas fiz um comentário acerca da realidade (evolução) que tenho visto nos últimos 10 anos no Brasil. Vejam por exemplo a Trailblazer, que embora concorrente era muito barata e agora por conta da Toyota está uma fortuna. Depois, quem tem uma Toyota SW4 basta pegarem estrada com o carro cheio e andem numa velocidade compatível com a rodovia e vejam nas curvas (estabilidade) que verão o que acontece com ela. E lembrem, muito embora a proposta do veículo seja para um nível elevado de consumidor, os preços do veículos e do pós-venda é absurdo. E a propósito, nada contra a quem tem um Fusca 68 ou qualquer outro veículo, afinal, veículo é um meio de transporte, apenas. E digo isto não por ofensa a ninguém, mormente àqueles que possui tal veículo. E com absoluto respeito a todos tenho uma Discovery 4 usada, que não se compara com o referido veículo em comento.

  • Avatar
    Hélio 13 de março de 2020

    Já tive 2 SW4 uma 2006 e outra 2007 , vendi para adquirir imóvel, assim que possível quero comprar outra, para mim é a melhor do mundo.

  • Avatar
    Wilson vieira 13 de março de 2020

    Nossa excelente caminhonete em td desde de motor até o conforto não troco a minha por nd ,parabéns aos Karas de montaram esse grande carro ✌️✌️♠️

  • Avatar
    Mauricio Carvalho Paes Pinheiro 13 de março de 2020

    Não saio da Toyota tão cedo. Comprei uma Hilux SRV 2013 Por R$ 115.000,00 A 3 anos atrás. Vendi depois de ter rodado mais de 110.000 km por R$ 105 mil reais. Nunca deu problema nenhum. Confio na longevidade, durabilidade, e excelente valor de revenda da Toyota. Advinhem qual carro comprei? Rsrs… outra Hilux, só que uma mais nova, 2017.

  • Avatar
    Kleber Moura 12 de março de 2020

    Só esqueceu de informar o preço para consertar os bicos injetores que é é certa de 5000R$ um e no motor são 4, e que nesta versão de 2013 a 2015 da defeito mesmo fazendo todas revisões. Pode não dar hj nem amanhã, mas um dia vai dá esse defeito. Digo por experiência própria. Então sugiro que não fique muito tempo com esse carro passe o prejuízo para outra pessoa.

  • Avatar
    Jenilton 12 de março de 2020

    Entrei na marca Toyota em 2017, tenho um Corolla e não me arrependo. Estou querendo comprar uma sw4 e gostei dos comentários.
    É difícil sair da marca quando você tem um Toyota.

  • Avatar
    Nei 12 de março de 2020

    Tenho uma 2015 7 lugares a diesel
    É simplesmente um carro para a vida toda

  • Avatar
    Severino dos ramos oliveira 12 de março de 2020

    Entrei no no mundo da Hilux, acho que acertei em cheio é carro pra qualquer atividade.

  • Avatar
    Rivanildo 12 de março de 2020

    Tive uma sw4 srv 2015 a diesel a última que saiu daquele modelo,é um carro fantástico!
    Agora comprei uma sw4 srx 2018 a diesel,não pode nem comparar as duas, a 2015 ganha de lavada, arrependo de ter trocado, a 2018 o teto está colado na sua cabeça,froxa,vc na consegue colocar a mão entre os bancos(Não cabe), uma lata de sardinha,tampa traseira automática da vários problemas,não da alinhamento(come pneu),mudança de marca do cambio automático é muito ruim,peças caríssimas,revisões caríssimas!

    • Avatar
      robevalarruds@gmail.com 12 de março de 2020

      Possuí uma sw4 2010 não tem a pareia sete lugares pra quem tem família e tudo de bom conforto em tudo a tayota sempre impecável em todos os carros

  • Avatar
    RILSON PEDROSO 11 de março de 2020

    Só me fala uma coisa, estou pensando em comprar uma Hilux sw4,me disse uma pessoa que tem, ela não tem estabilidade nas curvas e pode capotar!!!!! Verdade ?

    • Avatar
      André Coutinho 12 de março de 2020

      Se você fizer curvas de maneira imprudente e em alta velocidade, o risco realmente existe – assim como em qualquer pick-up ou SUV – devido ao tipo de suspensão e ao centro de gravidade muito mais alto do que um carro comum.

      • Avatar
        newtonmp64@gmail.com 12 de março de 2020

        Compre um Ford amigo…ranger seus problemas com curvas e buracos acabam.

  • Avatar
    joão paulo 11 de março de 2020

    eu tenho uma hilux sw4 2008 a diesel e não sou louco de sair dela pra outra marca pq eu já tive outros carros de outras montadoras e só min dava problemas pó isso eu tenho certeza que quem faz criticas aos. carros da toyota e pq nunca tevi um se um dia o emerson comprar uma sw4 ou um corolla ele vai ter outra maneira de falar da toyota

  • Avatar
    Nei 11 de março de 2020

    A chamada da matéria é uma coisa o texto só crítica inúteis…vai comprar uma dps vc vem falar alguma coisa.

  • Avatar
    Pedro Lazaro de Andrade 11 de março de 2020

    Sp fala mal da Toyota haulux sw4 quem nunca teve! Ótimo carro para todos os tipos de estradas! Não ti deixana mão! Manutenção muito pouca!Dó vendo para compra outra mais nova.

  • Avatar
    Fabio 11 de março de 2020

    No meu ver ainda a Toyota é o melhor carro do Brasil, pode até ter outros melhores mas até então desconheço. Eu tinha uma SW4 2011 nunca me encomendei, vendi e comprei uma frontier, começou com os problemas de catalisador, troquei por uma ix35, quase enlouqueci com o consumo elevado e manutenção caríssima, voltei para a Toyota no Corolla. E até que me prove o contrário não pretendo sair dessa marca

  • Avatar
    Jorge 11 de março de 2020

    2012 à 2016 ?!! Me mostre um desse modelo q seja 2026! Bom seria se informar mais pra fazer a reportagem ??

  • Avatar
    José Luiz 11 de março de 2020

    Sobre a reportagem:

    Preço de “Kit de vela de ignição” num veículo a Diesel?

    Acredito que foi colocado por engano não?

    Sobre o carro:

    Fazendo as manutenções no tempo certo, é carro para toda a vida!

    • AutoPapo
      AutoPapo 11 de março de 2020

      Tem razão, José Luiz. Estava por engano.

      Obrigado pela ajuda!

  • Avatar
    Emerson Mascarenhas Vaz 11 de março de 2020

    Como Sempre. O brasileiro acostumado a comprar lixo e pagar preço de ouro. O exemplo disso é essa maldita empresa japonesa Toyota que só faz porcaria e aproveita o mercado desumano, surreal e ilógico do Brasil para ditar as regras de preços, fazendo com que as demais montadoras aumenta m os valores dos veículos aliada a falta de fiscalização do governo. A Toyota não faz carro que presta e deveria ser expulsa do Brasil. Vejam nos Estados Unidos de Ela vende carro.

    • Avatar
      Ronaldo 11 de março de 2020

      tenho um sw4 2011 nunca foi na oficina o melhor carro que eu já tive

    • Avatar
      Samuel Rodrigues 11 de março de 2020

      Eu tenho uma 2015. O melhor carro que já tive! Aliás, os melhores carros no Brasil são os da Toyota e os da Honda. Não entendi o motivo do comentário do Emerson.

    • Avatar
      Tigre 11 de março de 2020

      O dia que você puder comprar um Toyota, certamente mudará de ideia.

    • Avatar
      José Carlos Martins 11 de março de 2020

      Deve ser dono de algum Fusca 68

    • Avatar
      Robert Aleixo 11 de março de 2020

      Pra falar isso nunca teve uma ….A minha SW4 2015 é maravilhosa 7 lugares parece uma van

    • Avatar
      joão paulo 11 de março de 2020

      um dia quando vc tiver condirçoes de comprar uma sw4 que pó sinal custa caro pq e a melhor que temos no brasil.vc muda de ideia ou vc acha que a traibleze ou qualquer outra nunca vão chegar aos pés da sw4

    • Avatar
      Alcimar Silva 12 de março de 2020

      Tenho uma SW4 2006 a 5 anos…
      Carro maravilhoso, sem comentários!

      • Avatar
        José Iuri Paulino 12 de março de 2020

        pretendo comprar uma, você poderia me ajudar a sanar a duvida sobre manutenções, no quesito preço e robustez. estou entre Civic exs 2007, Corolla xei 2009 e Sw4 2006.

      • Avatar
        Carlos Pereira 12 de março de 2020

        Alcimar, tenho uma sw4 2011 diesel, e tive problemas com bico e bomba, acredito que era o tipo de diesel errado, pois abastecia S10 acreditando que seria o melhora pra ela, agora estou abastecendo só S400. Qual tipo de diesel você usa, já teve algum problema assim?

    • Avatar
      Alcimar Silva 12 de março de 2020

      Nos EUA vende muito Toyota.

    • Avatar
      Alison souza 12 de março de 2020

      Emerson, você já teve algum carro da marca Toyota, pra falar tão mau. Se tivesse ficaria com o bico fechado. Carro excelente. Já tive 04 Hilux e agora comprei uma sw4 2015. Carro excepcional.

  • Avatar
    Ednaldo 11 de março de 2020

    Tenho a minha a 2 anos sem reclamações só felicidade he óleo para rodar.
    He durona mais conforto so na cama.kkkkk

  • Avatar
    Juliano 11 de março de 2020

    Estudo muito bem feito, muito bem colocado.
    Fazendo mais um comentário sobre os bancos em couro que na verdade desse ano saíram com material de couro sintético,bem ruins em comparação as do modelo anterior que eram de couro mesmo.
    Uma pena isso acontecer com uma marca com tanta força no mundo.

    • Avatar
      José Lourenço dos Santos Filho 11 de março de 2020

      É um veículo muito bom, só acho que falta um pouco mais de tecnologia para proporcionar melhor dirigibilidade do mesmo. Sobre os valores das manutenções estão dentro do porte do veículo que queremos ter, o acabamento interno é perfeito as cores são maravilhinda, mas ainda me pego analisando porque esse veículo não tem, chave de presença, demostrativo de funcionabilidade dos dispositivos, maís segurança nas cuvas, retrovisores retrátil no momento do desligamento do mesmo. Fica minha pergunta: a marca Toyota é uma referência no mundo e para mim que tenho um Toyota e não me arrependo só desejo que essa mesma seja sempre a frente de todas. Tendo em vista q quem deseja ter um Toyota é alguém que deseja o melhor.

      • Avatar
        Gustavo Lavalle Guimaraes 12 de março de 2020

        Tenho uma 2008 o defeito e não ter defeito , para fala de uma SUV primeiro tem que ter uma o carro e demais

Avatar
Deixe um comentário