VW Nivus: tudo o que foi revelado em lançamento mundial

Volkswagen fez apresentação mundial do SUV cupê que foi completamente desenvolvido no Brasil e será fabricado também na Europa

Por AutoPapo 28/05/20 às 11h40

Depois de vários teasers, o VW Nivus foi oficialmente apresentado: o modelo inova ao ser o primeiro modelo no Brasil ao adotar o estilo “SUV cupê”. O Nivus será oficialmente lançado em junho no mercado brasileiro. As primeiras unidades serão entregues em agosto. Os preços não foram revelados, mas devem ficar entre R$ 80 mil e R$ 100 mil.

O novo SUV da VW foi totalmente desenvolvido por designers e engenheiros da América do Sul. Na Argentina, o VW Nivus chega no fim do segundo semestre.  Em 2021, outros mercados sul-americanos passam a receber o SUV cupê e, depois, na Europa.

O Nivus inaugura a nova identidade visual da Volkswagen, além de estrear a nova logo da montadora no Brasil. Além disso, o VW Nivus será o pioneiro em adotar o VW Play

Nivus: 1º SUV cupê da Volkswagen

O que “caracteriza” o VW Nivus como um SUV cupê é a coluna C com queda rápida, típica dos cupês. Linha de cintura alta e vincada reforçam a robustez de um SUV, aliada as molduras plásticas do para-lamas e as rodas de 17 polegadas com desenho exclusivo.

Atrás, um elemento horizontal une as duas lanternas de LED, formando um tipo de peça única. Um spoiler integrado provoca um efeito de prolongamento do teto.

Dimensões do VW Nivus

Assim como quase todos os carros atuais da Volkwagen, o Nivus utiliza a plataforma modular MQB: no caso, a do Polo. Por isso ele tem o mesmo entre-eixos do hatch com 2,566 m. A largura também é idêntica à do Polo: 1,75 m sem os retrovisores.

Já o T-Cross usa a plataforma do Virtus, por isso tem entre-eixos maior: 2,65 metros. Por isso, comparado T-Cross, o VW Nivus terá menor espaço interno, principalmente no banco traseiro.

Por outro lado, o Nivus tem balanço traseiro mais longo, por causa da caída do teto. Por isso, seu comprimento, de 4,266 m, chega a superar o do T-Cross. Já o porta-malas está no mesmo patamar em ambos os SUVs: são 415 litros no modelo mais novo e entre 373 l a 420 l no mais antigo, que é equipado com banco traseiro móvel.

A altura em relação ao solo também é semelhante nos dois SUVs. Assim como o T-Cross, o Nivus tem suspensão elevada em 27,5 mm em relação ao Polo. Os pneus também cumprem a função de elevar o vão livre: têm diâmetro 17,5 mm maior que os do hatch.

Os sistemas de freio e direção do VW Nivus deverão ser similares aos do Polo TSI: direção com assistência elétrica e freio a disco nas quatro rodas.

VW Nivus: motor e câmbio

A Volkswagen confirmou que Nivus será equipado com o motor 200 TSI: 1.0 turbo, três cilindros, injeção direta. Ele entrega até 128 cv de potência e 20,4 kgfm de torque com etanol. Com gasolina, a potência é de 116 cv .

A transmissão é automática de seis marchas. Trata-se do mesmo conjunto mecânico que equipa versões de Polo, Virtus e T-Cross. A Volkswagen descartou a opção de câmbio manual para o VW Nivus.

Equipamentos de série do Nivus

O VW Nivus terá o pacote de itens de segurança como destaque: detector de fadiga, fixação Isofix, controles de estabilidade e tração, auxílio e partida em rampa e câmera de ré.

Ele também será o primeiro da categoria a trazer o ACC, (Adaptive Cruise Control). Ele permite ao motorista ajustar a velocidade e a distância que deseja trafegar em relação ao veículo à frente, e o sistema é capaz de acelerar e frear automaticamente.

O Nivus vem equipado também com o AEB (Autonomous Emergency Brake), recurso que, aoi dentificar o iminente risco de uma colisão frontal, freia o carro de maneira autônoma, evitando, em alguns casos, completamente uma colisão.

VW Play

A Volkswagen espera inovar a conectividade explorando novos modelos de negócios com o VW Play – possibilitando ao consumidor fazer compras online, por exemplo.

Mas, ao contrário do que já oferecido no mercado – por empresas como a Chevrolet-, o VW Play não tem internet nativa e depende do plano de dados do smartphone. A Volkswagen justifica a escolha alegando que os clientes não querem mais uma conta para pagar e que os usuários tem planos de telefonia cada vez mais “robustos”.

Com tela de 10 polegadas de altíssima resolução, sensível ao toque, e com ‘botões virtuais”, esta plataforma oferece não somente os mais modernos recursos de conectividade, mas também garante uma série de serviços e streaming. Aliado ao painel digital (Active Info Display), cria duas grandes ilhas digitais no painel do Nivus.

São duas telas de 10 polegadas (tamanho de um tablet)interligadas, oferecendo conectividade e entretenimento sem precedentes num veículo dessa categoria. Trata-se de um “cockpit digital” dotado de uma interface intuitiva, lógica, inteligente e moderna, que pode ser comandada pelos botões no novo volante, o mesmo utilizado pelo Golf.

2 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Avatar
    Fabio 29 de maio de 2020

    Vem com 4 rodas (sem novidades), motor alemão-Volkswagen (sem novidades). O tempo mostrará se virá com vícios (como as buchas do antigo polo), plástico pra tudo quanto é lado e, cobrando caro por cada botaozinho a mais(opcional). Portanto, sem novidades. Ah, ia esquecendo: vendedores de concessionárias do tipo: tô nem aí (afinal, um Volkswagen se vende sozinho). A grande novidade é este Passat 2020, ser chamado de Nivus.

  • Avatar
    Pedro Lincoxey 29 de maio de 2020

    Carro lindo, vai dar trabalho ao Peugeot 2008 que é tão bonito quanto. Mas se vier com o plástico de tico-tico jamais compraria.

Avatar
Deixe um comentário